Fechar
Publicidade

Sábado, 20 de Julho

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Nacional

nacional@dgabc.com.br | 4435-8301

Converso com governadores para revisar áreas de proteção ambiental, diz Bolsonaro

Arquivo/Agência Brasil Diário do Grande ABC - Notícias e informações do Grande ABC: Santo André, São Bernardo, São Caetano, Diadema, Mauá, Ribeirão Pires e Rio Grande da Serra


11/07/2019 | 13:27


O presidente Jair Bolsonaro disse nesta quinta-feira, 11, a parlamentares evangélicos, durante café da manhã realizado no Palácio do Planalto, que tem conversado com governadores para revisar áreas de proteção ambiental, como a Estação Ecológica de Angra dos Reis (RJ), e "desmarcar muita coisa por decreto". O presidente afirmou aos parlamentares que há um "aparelhamento" de legislação.

Bolsonaro voltou a dizer que pretende transformar a baía de Angra dos Reis em uma "Cancún Brasileira" com "dinheiro de fora". "Mas o decreto que demarcou a Estação Ecológica só pode ser derrubado por uma lei. Conversei com o (Ronaldo) Caiado (governador de Goiás) neste sentido, com o governador do Pará (Helder Barbalho) também. Estamos conversando com vários outros governadores no sentido de nós nos unirmos e desmarcar muita coisa por decreto no passado para poder fazer com que o Estado possa prosseguir", disse.

Em maio, o presidente já havia afirmado que pretendia transformar o local onde foi multado em 2012 por pesca ilegal, em Angra, em uma "Cancún Brasileira". "Hoje em dia o que sobrou para mim foi a caça submarina. Pretendo implementá-la ali na região de Angra. Lá é uma Estação Ecológica demarcada por decreto presidencial. Estamos estudando nesse sentido, né, revogar isso aí e abrir aquela área para fazer um turismo, realmente, que o Brasil merece. A iniciativa privada vai investir ali naquela região, e quem sabe nós tenhamos uma Cancún aqui na baía de Angra brevemente", disse, na ocasião.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Converso com governadores para revisar áreas de proteção ambiental, diz Bolsonaro


11/07/2019 | 13:27


O presidente Jair Bolsonaro disse nesta quinta-feira, 11, a parlamentares evangélicos, durante café da manhã realizado no Palácio do Planalto, que tem conversado com governadores para revisar áreas de proteção ambiental, como a Estação Ecológica de Angra dos Reis (RJ), e "desmarcar muita coisa por decreto". O presidente afirmou aos parlamentares que há um "aparelhamento" de legislação.

Bolsonaro voltou a dizer que pretende transformar a baía de Angra dos Reis em uma "Cancún Brasileira" com "dinheiro de fora". "Mas o decreto que demarcou a Estação Ecológica só pode ser derrubado por uma lei. Conversei com o (Ronaldo) Caiado (governador de Goiás) neste sentido, com o governador do Pará (Helder Barbalho) também. Estamos conversando com vários outros governadores no sentido de nós nos unirmos e desmarcar muita coisa por decreto no passado para poder fazer com que o Estado possa prosseguir", disse.

Em maio, o presidente já havia afirmado que pretendia transformar o local onde foi multado em 2012 por pesca ilegal, em Angra, em uma "Cancún Brasileira". "Hoje em dia o que sobrou para mim foi a caça submarina. Pretendo implementá-la ali na região de Angra. Lá é uma Estação Ecológica demarcada por decreto presidencial. Estamos estudando nesse sentido, né, revogar isso aí e abrir aquela área para fazer um turismo, realmente, que o Brasil merece. A iniciativa privada vai investir ali naquela região, e quem sabe nós tenhamos uma Cancún aqui na baía de Angra brevemente", disse, na ocasião.

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;