Fechar
Publicidade

Quarta-Feira, 21 de Agosto

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Cultura & Lazer

cultura@dgabc.com.br | 4435-8364

Antonia Fontenelle revela que venceu batalha judicial pela herança de Marcos Paulo: Respeita minha história!



10/07/2019 | 14:11


Antonia Fontenelle anunciou que finalmente venceu uma batalha judicial que está correndo há sete anos, desde a morte de seu ex, o diretor da Globo Marcos Paulo, em 2012.

Em 2005, antes de conhecer Fontenelle, Marcos fez um testamento onde deixava seus bens para as três filhas, frutos de três diferentes casamentos: sua primeira mulher foi a modelo italiana Tina Serina, com quem teve sua filha mais velha, Vanessa Simões. Em outro relacionamento, com Renata Sorrah, ele tornou-se pai de Mariana Simões. Já sua filha caçula, Giulia Costa, nasceu de seu casamento com Flávia Alessandra. As duas últimas entraram na justiça para retirar Antonia da lista de herdeiras, e a loira recorreu.

Antonia e Marcos começaram a se relacionar em 2006, e ficaram juntos até 2012. Nesse meio tempo, após descobrir um câncer, ele teria feito uma carta adicionando Fontenelle na lista de herdeiras. Na quarta-feira, dia 10, ela comentou o assunto nas redes sociais, após três decisões judiciais favoráveis a ela:

Gente, olha só, eu estou aqui, há duas ruas do meu apartamento em Manhattan. Meu apartamento que venderam, que eu trabalhei, que eu fiz um filme (...) De muito esforço, muita luta, muita dedicação, e meu advogado me liga para dizer que finalmente, finalmente, depois de sete anos de muito esculacho, a Justiça me deu ganho de causa. É um ganho moral, tá. É uma vitória moral. 3x0, como sempre foi, como todas as vezes que eu fui reconhecida, foi por unanimidade. Eu queria dizer para as mulheres desse país, que me mandam centenas de e-mails por dia: Não desistam, não desistam dos direitos de vocês, nunca deixem ninguém esculachar vocês. Nunca baixem a cabeça pra ninguém, o Brasil tem Justiça sim, e grite! Pisou no seu calo, grite! Contra fatos não há argumentos.

Ela agradeceu seus advogados e completou:

Há sete anos, sendo esculachada, humilhada, desprezada... Eu nunca desisti, e tenho certeza que eu estar dando essa notícia aqui, nesse lugar, que me traz tantas lembranças, porque eu vinha muito aqui com o Marcos, nós tínhamos planos de fazer cinema aqui. Não é por acaso, tenho certeza absoluta que, além do dedo de Deus, tem o dedo dele aqui também. Não poderia estar num lugar melhor para falar disso. Ufa, acabou, respeita minha história, p***a, respeita minha história!



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Antonia Fontenelle revela que venceu batalha judicial pela herança de Marcos Paulo: Respeita minha história!


10/07/2019 | 14:11


Antonia Fontenelle anunciou que finalmente venceu uma batalha judicial que está correndo há sete anos, desde a morte de seu ex, o diretor da Globo Marcos Paulo, em 2012.

Em 2005, antes de conhecer Fontenelle, Marcos fez um testamento onde deixava seus bens para as três filhas, frutos de três diferentes casamentos: sua primeira mulher foi a modelo italiana Tina Serina, com quem teve sua filha mais velha, Vanessa Simões. Em outro relacionamento, com Renata Sorrah, ele tornou-se pai de Mariana Simões. Já sua filha caçula, Giulia Costa, nasceu de seu casamento com Flávia Alessandra. As duas últimas entraram na justiça para retirar Antonia da lista de herdeiras, e a loira recorreu.

Antonia e Marcos começaram a se relacionar em 2006, e ficaram juntos até 2012. Nesse meio tempo, após descobrir um câncer, ele teria feito uma carta adicionando Fontenelle na lista de herdeiras. Na quarta-feira, dia 10, ela comentou o assunto nas redes sociais, após três decisões judiciais favoráveis a ela:

Gente, olha só, eu estou aqui, há duas ruas do meu apartamento em Manhattan. Meu apartamento que venderam, que eu trabalhei, que eu fiz um filme (...) De muito esforço, muita luta, muita dedicação, e meu advogado me liga para dizer que finalmente, finalmente, depois de sete anos de muito esculacho, a Justiça me deu ganho de causa. É um ganho moral, tá. É uma vitória moral. 3x0, como sempre foi, como todas as vezes que eu fui reconhecida, foi por unanimidade. Eu queria dizer para as mulheres desse país, que me mandam centenas de e-mails por dia: Não desistam, não desistam dos direitos de vocês, nunca deixem ninguém esculachar vocês. Nunca baixem a cabeça pra ninguém, o Brasil tem Justiça sim, e grite! Pisou no seu calo, grite! Contra fatos não há argumentos.

Ela agradeceu seus advogados e completou:

Há sete anos, sendo esculachada, humilhada, desprezada... Eu nunca desisti, e tenho certeza que eu estar dando essa notícia aqui, nesse lugar, que me traz tantas lembranças, porque eu vinha muito aqui com o Marcos, nós tínhamos planos de fazer cinema aqui. Não é por acaso, tenho certeza absoluta que, além do dedo de Deus, tem o dedo dele aqui também. Não poderia estar num lugar melhor para falar disso. Ufa, acabou, respeita minha história, p***a, respeita minha história!

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;