Fechar
Publicidade

Terça-Feira, 15 de Outubro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Setecidades

setecidades@dgabc.com.br | 4435-8319

Moradores recebem título de posse de imóveis após 20 anos em Diadema

André Henriques/DGABC Diário do Grande ABC - Notícias e informações do Grande ABC: Santo André, São Bernardo, São Caetano, Diadema, Mauá, Ribeirão Pires e Rio Grande da Serra

Programa municipal beneficiará 500 famílias que moram no local


Yasmin Assagra
Do Diário do Grande ABC

10/07/2019 | 07:00


Depois de duas décadas, moradores do condomínio Morada do Sol, no Conjunto Habitacional Vila Socialista, em Diadema, celebram a conquista de ter a titularidade de seus imóveis. A ação ocorre após aprovação do processo de regularização fundiária entre a Prefeitura e o governo do Estado, por meio da CDHU (Companhia de Desenvolvimento Habitacional e Urbano), que beneficiará 500 famílias que moram no local.

O aposentado João Batista, 74 anos, morador do Conjunto Habitacional Vila Socialista há 22 anos, ressalta a importância de ter a moradia regularizada. “Já passei por tanta coisa por aqui e ainda precisamos arrumar bastante coisa. É um avanço necessário para todos os moradores”, comenta.

Já para a dona de casa Maria do Socorro, 63, toda mudança positiva é bem-vinda. “Há três, quatro anos, tivemos reformas por aqui. As mudanças são constantes. Isso é muito bom”, considera.

A regularização fundiária integra o Programa Casa Legal da Prefeitura de Diadema. Conforme a administração, o projeto beneficiou pelo menos 20 mil pessoas e, até 2020, a expectativa é a de que 130 mil moradores sejam contemplados com a ação.

Segundo a secretária de Habitação e Desenvolvimento Urbano de Diadema, Regina Gonçalves, o complexo Vila Socialista corresponde ao início dos conjuntos residenciais da cidade, na década de 1990. “Essa regularização vem para coroar período de muitas batalhas enfrentadas pelos próprios moradores. É uma vitória para trazer segurança jurídica e concluir este ciclo”, ressalta. 

Regina comenta também que, após 20 anos sem melhorias, o condomínio recebeu, em 2015, obras de infraestrutura e serviços, como recapeamento, implantação de sistema de drenagem para captação de água da chuva e instalação de lixeiras.

O conjunto habitacional pertence à CDHU, sendo o órgão responsável em fazer a linha de financiamento das moradias – entrar com o processo de titularidade dos imóveis no cartório de registro para obtenção das matrículas individuais de cada beneficiário. 



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Moradores recebem título de posse de imóveis após 20 anos em Diadema

Programa municipal beneficiará 500 famílias que moram no local

Yasmin Assagra
Do Diário do Grande ABC

10/07/2019 | 07:00


Depois de duas décadas, moradores do condomínio Morada do Sol, no Conjunto Habitacional Vila Socialista, em Diadema, celebram a conquista de ter a titularidade de seus imóveis. A ação ocorre após aprovação do processo de regularização fundiária entre a Prefeitura e o governo do Estado, por meio da CDHU (Companhia de Desenvolvimento Habitacional e Urbano), que beneficiará 500 famílias que moram no local.

O aposentado João Batista, 74 anos, morador do Conjunto Habitacional Vila Socialista há 22 anos, ressalta a importância de ter a moradia regularizada. “Já passei por tanta coisa por aqui e ainda precisamos arrumar bastante coisa. É um avanço necessário para todos os moradores”, comenta.

Já para a dona de casa Maria do Socorro, 63, toda mudança positiva é bem-vinda. “Há três, quatro anos, tivemos reformas por aqui. As mudanças são constantes. Isso é muito bom”, considera.

A regularização fundiária integra o Programa Casa Legal da Prefeitura de Diadema. Conforme a administração, o projeto beneficiou pelo menos 20 mil pessoas e, até 2020, a expectativa é a de que 130 mil moradores sejam contemplados com a ação.

Segundo a secretária de Habitação e Desenvolvimento Urbano de Diadema, Regina Gonçalves, o complexo Vila Socialista corresponde ao início dos conjuntos residenciais da cidade, na década de 1990. “Essa regularização vem para coroar período de muitas batalhas enfrentadas pelos próprios moradores. É uma vitória para trazer segurança jurídica e concluir este ciclo”, ressalta. 

Regina comenta também que, após 20 anos sem melhorias, o condomínio recebeu, em 2015, obras de infraestrutura e serviços, como recapeamento, implantação de sistema de drenagem para captação de água da chuva e instalação de lixeiras.

O conjunto habitacional pertence à CDHU, sendo o órgão responsável em fazer a linha de financiamento das moradias – entrar com o processo de titularidade dos imóveis no cartório de registro para obtenção das matrículas individuais de cada beneficiário. 

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;