Fechar
Publicidade

Segunda-Feira, 21 de Outubro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Economia

soraiapedrozo@dgabc.com.br | 4435-8057

Iraque apoia extensão de cortes na produção da Opep, diz ministro



27/06/2019 | 08:25


O Iraque apoia a extensão dos atuais cortes na produção da Organização dos Países Exportadores de Petróleo (Opep), afirmou hoje o ministro de Petróleo do país, Thamir Ghadhban.

A Opep e um grupo de países aliados - incluindo a Rússia - vão se reunir no começo da próxima semana para decidir sobre a possível manutenção das restrições à oferta no segundo semestre. Por um acordo fechado no fim do ano passado, Opep e aliados têm procurado reduzir a produção combinada em 1,2 milhão de barris por dia (bpd) desde janeiro. O pacto, contudo, vence no fim deste mês.

Ghadhban, que falou a repórteres às margens de uma conferência sobre petróleo iraquiano em Londres, disse "esperar" que os cortes de 1,2 milhão de bpd sejam mantidos. Ele ressaltou, porém, que há discussões sobre cortes mais profundos.

Segundo a Agência Internacional de Energia (AIE), o Iraque produziu 4,78 milhões de bpd em maio, nível bem superior ao da meta estipulada, Ghadhban, no entanto, alega que seu país está produzindo 4,5 milhões de bpd, em linha com o exigido pela Opep. Fonte: Dow Jones Newswires.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Iraque apoia extensão de cortes na produção da Opep, diz ministro


27/06/2019 | 08:25


O Iraque apoia a extensão dos atuais cortes na produção da Organização dos Países Exportadores de Petróleo (Opep), afirmou hoje o ministro de Petróleo do país, Thamir Ghadhban.

A Opep e um grupo de países aliados - incluindo a Rússia - vão se reunir no começo da próxima semana para decidir sobre a possível manutenção das restrições à oferta no segundo semestre. Por um acordo fechado no fim do ano passado, Opep e aliados têm procurado reduzir a produção combinada em 1,2 milhão de barris por dia (bpd) desde janeiro. O pacto, contudo, vence no fim deste mês.

Ghadhban, que falou a repórteres às margens de uma conferência sobre petróleo iraquiano em Londres, disse "esperar" que os cortes de 1,2 milhão de bpd sejam mantidos. Ele ressaltou, porém, que há discussões sobre cortes mais profundos.

Segundo a Agência Internacional de Energia (AIE), o Iraque produziu 4,78 milhões de bpd em maio, nível bem superior ao da meta estipulada, Ghadhban, no entanto, alega que seu país está produzindo 4,5 milhões de bpd, em linha com o exigido pela Opep. Fonte: Dow Jones Newswires.

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;