Fechar
Publicidade

Domingo, 13 de Outubro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Setecidades

setecidades@dgabc.com.br | 4435-8319

Ex aluno da Fatec São Caetano vence concurso Hackaton da Fiesp com projeto inovador

Divulgação / Hackaton Fiesp Diário do Grande ABC - Notícias e informações do Grande ABC: Santo André, São Bernardo, São Caetano, Diadema, Mauá, Ribeirão Pires e Rio Grande da Serra

Proposta vencedora auxilia população a fazer reclamações de serviços governamentais e incentiva inclusão digital


Lorena S. Ávila
Especial para o Dgabc.com.br

25/06/2019 | 16:47


Ex-aluno da Faculdade de Tecnologia do Estado São Caetano (FATEC), vence a nona edição do concurso Hackaton, promovido pela Federação das Indústrias do Estado de São Paulo (Fiesp) em parceria com o Governo Federal. Lucas Adriano de Mendonça, 23 anos, formado em Jogos Digitais, foi destaque junto com mais quatro jovens experts nas áreas de programação e gestão ambiental. Alexandre Goebbels, 19 anos, estudante; Eduardo Escobar, 26 anos, designer de interface; Laura de Freitas, 19 anos, estudante e Fernando Luz, 27 anos, programador alcançaram o primeiro lugar com o projeto Lighthouse, que visa auxiliar a população na desburocratização, transformação e inclusão de serviços públicos na era digital.

A ideia principal da ferramenta, que promove facilidade de navegação e tecnologia acessível, é oferecer a população um espaço para reclamações de serviços públicos. O aplicativo chamado de Faz Melhor ainda permite que os usuários compartilhem suas experiências e por meio de um esquema de ratificação de críticas é possível priorizar as reclamações mais urgentes. O órgão governamental por sua vez receberá nota dos usuários, que poderão acompanhar quais mudanças exigidas estão sendo de fato realizadas.

“Eu acredito que esse serviço é inteiramente dedicado à democratizar a comunicação entre governo e cidadão. Conforme vamos investindo esforços em consertar as falhas, olhar para os pontos fracos e blindar a ideia, nós começamos a enxergar o potencial de mudança e o impacto que ela pode causar na vida de muitos”, conta Lucas, que foi responsável por conectar o banco de dados à aplicação e mapear os serviços governamentais.

O objetivo é aproximar as pessoas das iniciativas promovidas na cidade e dessa forma também incentivar a fiscalização por parte dos cidadãos, auxiliando na eficiência dos serviços prestados de modo mais rápido e prático.

Foram mais de 400 inscritos e apenas 117 selecionados para participar do desafio, desses, o grupo conquistou o maior prêmio, sendo que Lucas ainda ganhou uma viagem para Copenhagem, na Dinamarca, com tudo pago e um curso de metodologias e ferramentas para transformação digital incluso. O concurso Hackaton Fiesp acontece todo ano e tem como principal finalidade desenvolver soluções tecnológicas e inovadoras para a sociedade e cidadania.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Ex aluno da Fatec São Caetano vence concurso Hackaton da Fiesp com projeto inovador

Proposta vencedora auxilia população a fazer reclamações de serviços governamentais e incentiva inclusão digital

Lorena S. Ávila
Especial para o Dgabc.com.br

25/06/2019 | 16:47


Ex-aluno da Faculdade de Tecnologia do Estado São Caetano (FATEC), vence a nona edição do concurso Hackaton, promovido pela Federação das Indústrias do Estado de São Paulo (Fiesp) em parceria com o Governo Federal. Lucas Adriano de Mendonça, 23 anos, formado em Jogos Digitais, foi destaque junto com mais quatro jovens experts nas áreas de programação e gestão ambiental. Alexandre Goebbels, 19 anos, estudante; Eduardo Escobar, 26 anos, designer de interface; Laura de Freitas, 19 anos, estudante e Fernando Luz, 27 anos, programador alcançaram o primeiro lugar com o projeto Lighthouse, que visa auxiliar a população na desburocratização, transformação e inclusão de serviços públicos na era digital.

A ideia principal da ferramenta, que promove facilidade de navegação e tecnologia acessível, é oferecer a população um espaço para reclamações de serviços públicos. O aplicativo chamado de Faz Melhor ainda permite que os usuários compartilhem suas experiências e por meio de um esquema de ratificação de críticas é possível priorizar as reclamações mais urgentes. O órgão governamental por sua vez receberá nota dos usuários, que poderão acompanhar quais mudanças exigidas estão sendo de fato realizadas.

“Eu acredito que esse serviço é inteiramente dedicado à democratizar a comunicação entre governo e cidadão. Conforme vamos investindo esforços em consertar as falhas, olhar para os pontos fracos e blindar a ideia, nós começamos a enxergar o potencial de mudança e o impacto que ela pode causar na vida de muitos”, conta Lucas, que foi responsável por conectar o banco de dados à aplicação e mapear os serviços governamentais.

O objetivo é aproximar as pessoas das iniciativas promovidas na cidade e dessa forma também incentivar a fiscalização por parte dos cidadãos, auxiliando na eficiência dos serviços prestados de modo mais rápido e prático.

Foram mais de 400 inscritos e apenas 117 selecionados para participar do desafio, desses, o grupo conquistou o maior prêmio, sendo que Lucas ainda ganhou uma viagem para Copenhagem, na Dinamarca, com tudo pago e um curso de metodologias e ferramentas para transformação digital incluso. O concurso Hackaton Fiesp acontece todo ano e tem como principal finalidade desenvolver soluções tecnológicas e inovadoras para a sociedade e cidadania.

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;