Fechar
Publicidade

Terça-Feira, 23 de Julho

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Cultura & Lazer

cultura@dgabc.com.br | 4435-8364

Thais Fersoza dá detalhes sobre a criação dos filhos: - Não quero que eles cresçam noiados

Reprodução/Instragram Diário do Grande ABC - Notícias e informações do Grande ABC: Santo André, São Bernardo, São Caetano, Diadema, Mauá, Ribeirão Pires e Rio Grande da Serra


25/06/2019 | 13:11


Thais Fersoza é a convidada mais recente do canal do YouTube de Karina Bacchi! As duas, que são mamães, tiveram um papo sincero sobre maternidade, com Thais explicando um pouco mais sobre a criação de seus dois filhos, Melinda e Teodoro, que são frutos de seu casamento com Michel Teló.

Primeiro, a atriz e apresentadora abriu o jogo sobre como pretende criar os pequenos em mundo tão complicado:

- Tudo o que a gente vive hoje em dia, o que a gente vê nas ruas, dentro das escolas, dentro da Igreja. É sempre tão triste, tão difícil... a gente fica com tanto medo de deixar eles irem para o mundo. Eu acho que é muito na base da conversa, muito diálogo. Tem coisas que não estão ao nosso alcance, que a gente só reza e pede a Deus que proteja mesmo, mas o que eu puder fazer para preservá-los, eu vou fazer. Mas dentro de um limite que eu não quero que eles se sintam criados em uma bolha. Eu não quero que eles vivam com medo. Eu quero que eles tenham consciência do que é o mundo. (...) Não quero que eles cresçam noiados, assustados e o tempo todo com medo.

Depois, explicou o que a sua própria mãe ensinou e que ela pretende levar adiante, para criar seus filhos:

- Isso do diálogo. Lá em casa nunca foi na base da pancada. Eu lembro que muitas amigas minhas passavam por isso. E eu achava legal: não, lá em casa a gente não faz isso, a minha mãe não faz isso comigo. Enquanto minhas amigas tinham medo de contar algumas coisas, de falar algumas coisas, sobre a primeira vez, o primeiro beijo, bebida... eu me sentia à vontade e vontade de compartilhar.

Além disso, ela deu dicas de o que faz para lidar com os filhos, quando eles inevitavelmente têm momentos de cansaço ou, até mesmo, estão gritando!

Por fim, concluiu com dicas para os papais, que precisam ter momentos a sós, para manter o romance:

- Eu acho que é importante. O casal tem que ter o momento do casal. (...) A gente sempre busca, em algum momento, ter o nosso jantar, a nossa ida no cinema. A gente não deixa de ter esses momentos.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Thais Fersoza dá detalhes sobre a criação dos filhos: - Não quero que eles cresçam noiados


25/06/2019 | 13:11


Thais Fersoza é a convidada mais recente do canal do YouTube de Karina Bacchi! As duas, que são mamães, tiveram um papo sincero sobre maternidade, com Thais explicando um pouco mais sobre a criação de seus dois filhos, Melinda e Teodoro, que são frutos de seu casamento com Michel Teló.

Primeiro, a atriz e apresentadora abriu o jogo sobre como pretende criar os pequenos em mundo tão complicado:

- Tudo o que a gente vive hoje em dia, o que a gente vê nas ruas, dentro das escolas, dentro da Igreja. É sempre tão triste, tão difícil... a gente fica com tanto medo de deixar eles irem para o mundo. Eu acho que é muito na base da conversa, muito diálogo. Tem coisas que não estão ao nosso alcance, que a gente só reza e pede a Deus que proteja mesmo, mas o que eu puder fazer para preservá-los, eu vou fazer. Mas dentro de um limite que eu não quero que eles se sintam criados em uma bolha. Eu não quero que eles vivam com medo. Eu quero que eles tenham consciência do que é o mundo. (...) Não quero que eles cresçam noiados, assustados e o tempo todo com medo.

Depois, explicou o que a sua própria mãe ensinou e que ela pretende levar adiante, para criar seus filhos:

- Isso do diálogo. Lá em casa nunca foi na base da pancada. Eu lembro que muitas amigas minhas passavam por isso. E eu achava legal: não, lá em casa a gente não faz isso, a minha mãe não faz isso comigo. Enquanto minhas amigas tinham medo de contar algumas coisas, de falar algumas coisas, sobre a primeira vez, o primeiro beijo, bebida... eu me sentia à vontade e vontade de compartilhar.

Além disso, ela deu dicas de o que faz para lidar com os filhos, quando eles inevitavelmente têm momentos de cansaço ou, até mesmo, estão gritando!

Por fim, concluiu com dicas para os papais, que precisam ter momentos a sós, para manter o romance:

- Eu acho que é importante. O casal tem que ter o momento do casal. (...) A gente sempre busca, em algum momento, ter o nosso jantar, a nossa ida no cinema. A gente não deixa de ter esses momentos.

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;