Fechar
Publicidade

Quarta-Feira, 17 de Julho

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

|

Que tipo de líder é você?


Cíntia Bortotto

24/06/2019 | 07:30


A teoria dos traços – que de maneira sintética assumia que traços podem ser definidos como padrões habituais de comportamento, pensamento e sentimento, e que, em geral acredita-se que as pessoas já nascem com eles – vem dando espaço à teoria dos estilos quando o assunto é liderança. De acordo com ela, existem os seguintes estilos de liderança:


– Autocrático:

Aquele líder mais centralizador, que exerce autoridade por meio de ordens, sem espaço para o diálogo. Ele espera que os subordinados sigam seu comando. É estilo que tolhe a iniciativa e não estimula o envolvimento da equipe na busca por soluções, nem tampouco na tomada de decisões. Esse estilo pode desmotivar sua equipe, além de desperdiçar talentos. Por outro lado, pode ser muito efetivo em momentos em que se faz necessário forte direcionamento.

– Participativo:

Aquele líder que estimula sempre que possível a participação e o envolvimento dos liderados na busca da melhoria contínua de suas atribuições e também no oferecimento de entregas e sugestões para a empresa. Com isso, em geral, motiva e engaja a equipe e obtém vantagens em termos de desempenho para a organização. Ele exerce autoridade, quando necessário, dando feedbacks construtivos.

– Laissez-faire (deixar fazer, em francês):

É aquele que abre completamente mão da autoridade. Concentra todo o poder em si próprio e delega aos liderados a condução das atividades e as decisões. Se observa que algo está errado, prefere ‘fingir que não viu’ para não ter que tomar nenhuma atitude. É omisso e irresponsável. Esse estilo de liderança é bastante inadequado, tanto do ponto de vista de desenvolvimento de equipe quanto para o sucesso da organização.

– Paternalista:

É aquele líder que dá sempre prioridade ao bem-estar de seus liderados, mesmo que em detrimento dos interesses da organização. É complacente com o erro e evita confrontar colaboradores quando não estão produzindo adequadamente. Procura ser reconhecido por sua equipe. Esse interesse pessoal passa a ser mais importante que os objetivos corporativos. É querido e valorizado, mas pode causar problemas de produtividade.

– Burocrático:

É aquele líder que busca, antes de tudo, manter rotinas administrativas e operacionais dentro dos parâmetros preestabelecidos, segue rigorosamente regras, normas e padrões de desempenho. Manifesta dois problemas, sendo, o primeiro, que normalmente tem dificuldade de reconhecer quando norma ou procedimento precisa ser revisto ou flexibilizado. O estilo defendido atualmente é o participativo, que estimula participação da equipe, ouvindo pessoas que trabalham mais próximas dos clientes e, com isso, tendo mais informações para a tomada de decisão. A motivação das pessoas com esse estilo de liderança se mantém alta, desde que o cuidado com a comunicação aconteça.

E aí? Que tipo de líder é você?

Siga confiante e boa sorte! 



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Que tipo de líder é você?

Cíntia Bortotto

24/06/2019 | 07:30


A teoria dos traços – que de maneira sintética assumia que traços podem ser definidos como padrões habituais de comportamento, pensamento e sentimento, e que, em geral acredita-se que as pessoas já nascem com eles – vem dando espaço à teoria dos estilos quando o assunto é liderança. De acordo com ela, existem os seguintes estilos de liderança:


– Autocrático:

Aquele líder mais centralizador, que exerce autoridade por meio de ordens, sem espaço para o diálogo. Ele espera que os subordinados sigam seu comando. É estilo que tolhe a iniciativa e não estimula o envolvimento da equipe na busca por soluções, nem tampouco na tomada de decisões. Esse estilo pode desmotivar sua equipe, além de desperdiçar talentos. Por outro lado, pode ser muito efetivo em momentos em que se faz necessário forte direcionamento.

– Participativo:

Aquele líder que estimula sempre que possível a participação e o envolvimento dos liderados na busca da melhoria contínua de suas atribuições e também no oferecimento de entregas e sugestões para a empresa. Com isso, em geral, motiva e engaja a equipe e obtém vantagens em termos de desempenho para a organização. Ele exerce autoridade, quando necessário, dando feedbacks construtivos.

– Laissez-faire (deixar fazer, em francês):

É aquele que abre completamente mão da autoridade. Concentra todo o poder em si próprio e delega aos liderados a condução das atividades e as decisões. Se observa que algo está errado, prefere ‘fingir que não viu’ para não ter que tomar nenhuma atitude. É omisso e irresponsável. Esse estilo de liderança é bastante inadequado, tanto do ponto de vista de desenvolvimento de equipe quanto para o sucesso da organização.

– Paternalista:

É aquele líder que dá sempre prioridade ao bem-estar de seus liderados, mesmo que em detrimento dos interesses da organização. É complacente com o erro e evita confrontar colaboradores quando não estão produzindo adequadamente. Procura ser reconhecido por sua equipe. Esse interesse pessoal passa a ser mais importante que os objetivos corporativos. É querido e valorizado, mas pode causar problemas de produtividade.

– Burocrático:

É aquele líder que busca, antes de tudo, manter rotinas administrativas e operacionais dentro dos parâmetros preestabelecidos, segue rigorosamente regras, normas e padrões de desempenho. Manifesta dois problemas, sendo, o primeiro, que normalmente tem dificuldade de reconhecer quando norma ou procedimento precisa ser revisto ou flexibilizado. O estilo defendido atualmente é o participativo, que estimula participação da equipe, ouvindo pessoas que trabalham mais próximas dos clientes e, com isso, tendo mais informações para a tomada de decisão. A motivação das pessoas com esse estilo de liderança se mantém alta, desde que o cuidado com a comunicação aconteça.

E aí? Que tipo de líder é você?

Siga confiante e boa sorte! 

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;