Fechar
Publicidade

Quarta-Feira, 23 de Outubro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Economia

soraiapedrozo@dgabc.com.br | 4435-8057

Marinho: relator está sensibilizado a fazer mudança sobre pessoas com deficiência



19/06/2019 | 13:32


O relator da reforma da Previdência, Samuel Moreira (PSDB-SP), pode fazer alterações em seu texto em relação à pensão de pessoas com deficiência, sinalizou o secretário especial da Previdência e do Trabalho, Rogério Marinho. Durante a Comissão de Assuntos Sociais (CAS) do Senado, Marinho foi questionado sobre a questão.

A demanda é que o relator elimine a necessidade de revisão periódica para beneficiários com condições, como síndrome de down.

"Nas conversas que tive com o relator antes da apresentação do seu relatório e depois, na possibilidade da melhoria do seu relatório, que ele deve apresentar até o dia da discussão, que deve ser dia 26 ou 27. Ele já está sensibilizado disso", disse Marinho.

A conselheira do Conselho Nacional do Direito das Pessoas com Deficiência, Ana Claudia Mendes de Figueiredo, afirma que o relator já acatou uma mudança do texto original e permitiu o reconhecimento da condição de beneficiário antes da morte dos pais. Esse reconhecimento, porém, ainda está atrelado à necessidade de revisão periódica.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Marinho: relator está sensibilizado a fazer mudança sobre pessoas com deficiência


19/06/2019 | 13:32


O relator da reforma da Previdência, Samuel Moreira (PSDB-SP), pode fazer alterações em seu texto em relação à pensão de pessoas com deficiência, sinalizou o secretário especial da Previdência e do Trabalho, Rogério Marinho. Durante a Comissão de Assuntos Sociais (CAS) do Senado, Marinho foi questionado sobre a questão.

A demanda é que o relator elimine a necessidade de revisão periódica para beneficiários com condições, como síndrome de down.

"Nas conversas que tive com o relator antes da apresentação do seu relatório e depois, na possibilidade da melhoria do seu relatório, que ele deve apresentar até o dia da discussão, que deve ser dia 26 ou 27. Ele já está sensibilizado disso", disse Marinho.

A conselheira do Conselho Nacional do Direito das Pessoas com Deficiência, Ana Claudia Mendes de Figueiredo, afirma que o relator já acatou uma mudança do texto original e permitiu o reconhecimento da condição de beneficiário antes da morte dos pais. Esse reconhecimento, porém, ainda está atrelado à necessidade de revisão periódica.

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;