Fechar
Publicidade

Quinta-Feira, 22 de Agosto

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Setecidades

setecidades@dgabc.com.br | 4435-8319

Diadema recebe Diário nos Bairros

Denis Maciel/DGABC Diário do Grande ABC - Notícias e informações do Grande ABC: Santo André, São Bernardo, São Caetano, Diadema, Mauá, Ribeirão Pires e Rio Grande da Serra

Unidade de ensino da Vila Moscou ficou repleta de estudantes e moradores durante todo o sábado


Tauana Marin
Do Diário do Grande ABC

18/06/2019 | 08:22


Estudantes, familiares e moradores da Vila Moscou, em Diadema, lotaram as dependências da EE José Piaulino, no sábado, para conferir serviços e atendimentos gratuitos levados pelo Diário do Grande ABC nos Bairros. Na ocasião, a unidade escolar também aproveitou para realizar a tradicional festa junina anual, engrandecendo ainda mais o evento.

A garotada se divertiu com piscina de bolinha, brinquedos infláveis, cama elástica e com as esculturas em balões, além do algodão-doce que estava sendo distribuído. No piso superior da escola serviços como corte de cabelo (parceria entre Novety Cosméticos e Instituto Embelleze Diadema), higienização de pele, design de sobrancelha, aferição de pressão arterial e de glicemia (taxa de açúcar no sangue) estavam disponíveis.

“Trouxe a família toda para aproveitarmos. É a primeira vez que participo deste projeto do <CF52>Diário</CF> e achei a ideia excelente. Muito bom trazer até a comunidade estes serviços. Em pouco tempo conseguimos cuidar da gente, em meio à nossa vida corrida. É um dia diferente e proveitoso”, considera o promotor Yuri Rocha, 26 anos. Além dos filhos e da mulher, seus pais o acompanhavam. “Vivo neste bairro há 31 anos e nunca tinha participado de nada parecido. Está sendo uma honra. Quero aproveitar tudo o que o Diário nos Bairros está oferecendo”, conta o pai de Yuri, o pensionista Valter Lima, 71. “Acabo de medir a diabetes e a pressão arterial”, conclui, satisfeito.

A enfermeira do Instituto Polígono de Ensino, um dos parceiros do Diário no projeto social, Karina Del Rey conta que muitas pessoas que passaram em atendimento são hipertensas e, em alguns casos, foram orientadas para que procurassem unidade de atendimento hospitalar para acompanhamento. “O que mais preocupou foram aqueles cuja glicemia estava alta e que não sabiam (acima de 99). O teste alerta para a diabete e muitas pessoas não têm o hábito de realizar exames e ir a consultas de rotina. Por isso, nosso papel é importante, porque fazemos o alerta e orientamos a população.” Junto a ela, outras dez técnicas de enfermagem faziam os atendimentos.

Outro serviço oferecido é o de dentista, que, além de checar a saúde bucal, ajuda com dicas de prevenção de cáries por meio de uma boa escovação, parceria entre Diário e a Dental Plus. “Fazia muito tempo que não levava meu filho ao dentista e ao oftalmologista. Descobri que ele tem algumas manchinhas no dente que temos que tratar. É por isso que estou gostando (do projeto social). É difícil encontrar essas coisas no bairro gratuitamente, o que é ainda melhor”, diz Sabrina Silva, 35, acompanhada do filho Daniel, 6.

Atendimento psicológico é novidade

Uma das novidades deste ano no Diário do Grande ABC nos Bairros foi o atendimento psicológico, realizado por dois profissionais da Psicologia e Educação Êxito, de Santo André – novos parceiros da ação social.

“É muito bom poder conversar com um profissional sobre as nossas angústias, problemas, porque eles nos mostram o outro lado e até mesmo nos orientam a procurarmos ajuda”, conta a universitária Gisele Medeiros, 23 anos, que passou por atendimento no sábado, na EE José Piaulino, Jardim Moscou, em Diadema. “Fiquei sabendo do evento e, como moro aqui perto, resolvi não perder a oportunidade.”

Na mesma sala, o professor de filosofia Roberto Galindo, também novo parceiro do Diário, trouxe às famílias o projeto Baú Mágico, que consiste na confecção de livros pelas mãos dos participantes. “A ideia é mostrar personagens e a criança montar a própria história. É legal quando os pais ajudam e elaboram juntos. Com isso, trabalhamos a criatividade, a motricidade, a imaginação, além de fortalecermos os laços familiares.”

Ação une diversão e aprendizado

Peça teatral conscientiza sobre educação no trânsito e gibi orienta a criançada do Jardim Moscou sobre os riscos da rede elétrica

Além dos serviços diversos e atendimentos voltados a saúde, higiene, beleza, educação e entretenimento levados pelo Diário do Grande ABC nos Bairros no sábado à comunidade da EE José Piaulino, na Vila Moscou, em Diadema, o público pôde acompanhar projetos que unem entretenimento e aprendizado, como é o caso de apresentação teatral promovida pela Ecovias – concessionária responsável pelo SAI (Sistema Anchieta-Imigrantes), parceira do evento, sobre segurança viária.

A estratégia da Ecovias é usar o universo lúdico para proporcionar acesso à educação para o trânsito e contribuir com a diminuição do número de acidentes. No espetáculo Pare! Atenção! Siga Para Diversão, os palhaços Juju, Dode, Felicity e Moqueca ensinam os conceitos da sinalização de trânsito e a importância dos equipamentos de segurança viária, além de proporcionar viagem na história dos meios de transporte.

PREVENÇÃO

A Enel, companhia responsável pela distribuição de energia nas sete cidades, também é parceira do Diário no evento social realizado mensalmente. Neste caso, a instituição usou o gibi para levar informação sobre segurança para os participantes. “Esse projeto nasceu com a Eletropaulo, passando pela AES, e hoje pela Enel. Achamos importante que as pessoas saibam como evitar os acidentes dentro da própria casa, na rua, ao brincar, e ao construir ou reformar as moradias. Dependendo da fiação tocada no poste, o acidente pode ser fatal”, comenta Fábio Rodrigo Cardoso, técnico de segurança do trabalho da Enel.

Uma das recomendações à garotada foi para que evite soltar pipa próximo aos postes de energia elétrica, sempre optando por lugares abertos como praças e campos. “São tantas dicas e serviços disponíveis que não sei por onde começar”, brinca a dona de casa Maria Cecília Gomes, 46 anos. Acompanhada pelos três filhos, do marido e da mãe, ela fez roteiro para aproveitar o dia diferente na unidade escolar. “Vou cortar o cabelo, ver minha pressão, passar na sala onde são feitas as avaliações de vista e odontológica.”

A dona de casa Fernanda Santos, 29, aproveitou para realizar seu teste oftalmológico. “Não sabia que precisava usar óculos. Gostei, porque fiz o exame e, agora, já vou levar o óculos. Foi muito prático. No dia a dia não tenho tempo para cuidar de mim”, revela ela, que estava acompanhada do filho Miguel.

“O mais legal deste projeto nas escolas é que temos como levar até as pessoas saúde, bem-estar, diversão. Muitos não fazem ideia que precisam de óculos. Isso pode, inclusive, solucionar problemas como dores de cabeça, cujo motivo não era aparente”, explica Brenda Elen Guilherme de Sousa, optometrista da Ultra Vision, de Mauá, outra parceira do Diário.

Para a dona de casa Adelaide Santos, 65, o sábado foi especial. “Não saio de casa quase nunca. Fiquei sabendo da festa junina na escola e resolvi vir para passear um pouco. Quando cheguei, me surpreendi com esses atendimentos todos. Fiquei muito feliz, porque não é sempre que tenho um dia tão bom, proveitoso.” 



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Diadema recebe Diário nos Bairros

Unidade de ensino da Vila Moscou ficou repleta de estudantes e moradores durante todo o sábado

Tauana Marin
Do Diário do Grande ABC

18/06/2019 | 08:22


Estudantes, familiares e moradores da Vila Moscou, em Diadema, lotaram as dependências da EE José Piaulino, no sábado, para conferir serviços e atendimentos gratuitos levados pelo Diário do Grande ABC nos Bairros. Na ocasião, a unidade escolar também aproveitou para realizar a tradicional festa junina anual, engrandecendo ainda mais o evento.

A garotada se divertiu com piscina de bolinha, brinquedos infláveis, cama elástica e com as esculturas em balões, além do algodão-doce que estava sendo distribuído. No piso superior da escola serviços como corte de cabelo (parceria entre Novety Cosméticos e Instituto Embelleze Diadema), higienização de pele, design de sobrancelha, aferição de pressão arterial e de glicemia (taxa de açúcar no sangue) estavam disponíveis.

“Trouxe a família toda para aproveitarmos. É a primeira vez que participo deste projeto do <CF52>Diário</CF> e achei a ideia excelente. Muito bom trazer até a comunidade estes serviços. Em pouco tempo conseguimos cuidar da gente, em meio à nossa vida corrida. É um dia diferente e proveitoso”, considera o promotor Yuri Rocha, 26 anos. Além dos filhos e da mulher, seus pais o acompanhavam. “Vivo neste bairro há 31 anos e nunca tinha participado de nada parecido. Está sendo uma honra. Quero aproveitar tudo o que o Diário nos Bairros está oferecendo”, conta o pai de Yuri, o pensionista Valter Lima, 71. “Acabo de medir a diabetes e a pressão arterial”, conclui, satisfeito.

A enfermeira do Instituto Polígono de Ensino, um dos parceiros do Diário no projeto social, Karina Del Rey conta que muitas pessoas que passaram em atendimento são hipertensas e, em alguns casos, foram orientadas para que procurassem unidade de atendimento hospitalar para acompanhamento. “O que mais preocupou foram aqueles cuja glicemia estava alta e que não sabiam (acima de 99). O teste alerta para a diabete e muitas pessoas não têm o hábito de realizar exames e ir a consultas de rotina. Por isso, nosso papel é importante, porque fazemos o alerta e orientamos a população.” Junto a ela, outras dez técnicas de enfermagem faziam os atendimentos.

Outro serviço oferecido é o de dentista, que, além de checar a saúde bucal, ajuda com dicas de prevenção de cáries por meio de uma boa escovação, parceria entre Diário e a Dental Plus. “Fazia muito tempo que não levava meu filho ao dentista e ao oftalmologista. Descobri que ele tem algumas manchinhas no dente que temos que tratar. É por isso que estou gostando (do projeto social). É difícil encontrar essas coisas no bairro gratuitamente, o que é ainda melhor”, diz Sabrina Silva, 35, acompanhada do filho Daniel, 6.

Atendimento psicológico é novidade

Uma das novidades deste ano no Diário do Grande ABC nos Bairros foi o atendimento psicológico, realizado por dois profissionais da Psicologia e Educação Êxito, de Santo André – novos parceiros da ação social.

“É muito bom poder conversar com um profissional sobre as nossas angústias, problemas, porque eles nos mostram o outro lado e até mesmo nos orientam a procurarmos ajuda”, conta a universitária Gisele Medeiros, 23 anos, que passou por atendimento no sábado, na EE José Piaulino, Jardim Moscou, em Diadema. “Fiquei sabendo do evento e, como moro aqui perto, resolvi não perder a oportunidade.”

Na mesma sala, o professor de filosofia Roberto Galindo, também novo parceiro do Diário, trouxe às famílias o projeto Baú Mágico, que consiste na confecção de livros pelas mãos dos participantes. “A ideia é mostrar personagens e a criança montar a própria história. É legal quando os pais ajudam e elaboram juntos. Com isso, trabalhamos a criatividade, a motricidade, a imaginação, além de fortalecermos os laços familiares.”

Ação une diversão e aprendizado

Peça teatral conscientiza sobre educação no trânsito e gibi orienta a criançada do Jardim Moscou sobre os riscos da rede elétrica

Além dos serviços diversos e atendimentos voltados a saúde, higiene, beleza, educação e entretenimento levados pelo Diário do Grande ABC nos Bairros no sábado à comunidade da EE José Piaulino, na Vila Moscou, em Diadema, o público pôde acompanhar projetos que unem entretenimento e aprendizado, como é o caso de apresentação teatral promovida pela Ecovias – concessionária responsável pelo SAI (Sistema Anchieta-Imigrantes), parceira do evento, sobre segurança viária.

A estratégia da Ecovias é usar o universo lúdico para proporcionar acesso à educação para o trânsito e contribuir com a diminuição do número de acidentes. No espetáculo Pare! Atenção! Siga Para Diversão, os palhaços Juju, Dode, Felicity e Moqueca ensinam os conceitos da sinalização de trânsito e a importância dos equipamentos de segurança viária, além de proporcionar viagem na história dos meios de transporte.

PREVENÇÃO

A Enel, companhia responsável pela distribuição de energia nas sete cidades, também é parceira do Diário no evento social realizado mensalmente. Neste caso, a instituição usou o gibi para levar informação sobre segurança para os participantes. “Esse projeto nasceu com a Eletropaulo, passando pela AES, e hoje pela Enel. Achamos importante que as pessoas saibam como evitar os acidentes dentro da própria casa, na rua, ao brincar, e ao construir ou reformar as moradias. Dependendo da fiação tocada no poste, o acidente pode ser fatal”, comenta Fábio Rodrigo Cardoso, técnico de segurança do trabalho da Enel.

Uma das recomendações à garotada foi para que evite soltar pipa próximo aos postes de energia elétrica, sempre optando por lugares abertos como praças e campos. “São tantas dicas e serviços disponíveis que não sei por onde começar”, brinca a dona de casa Maria Cecília Gomes, 46 anos. Acompanhada pelos três filhos, do marido e da mãe, ela fez roteiro para aproveitar o dia diferente na unidade escolar. “Vou cortar o cabelo, ver minha pressão, passar na sala onde são feitas as avaliações de vista e odontológica.”

A dona de casa Fernanda Santos, 29, aproveitou para realizar seu teste oftalmológico. “Não sabia que precisava usar óculos. Gostei, porque fiz o exame e, agora, já vou levar o óculos. Foi muito prático. No dia a dia não tenho tempo para cuidar de mim”, revela ela, que estava acompanhada do filho Miguel.

“O mais legal deste projeto nas escolas é que temos como levar até as pessoas saúde, bem-estar, diversão. Muitos não fazem ideia que precisam de óculos. Isso pode, inclusive, solucionar problemas como dores de cabeça, cujo motivo não era aparente”, explica Brenda Elen Guilherme de Sousa, optometrista da Ultra Vision, de Mauá, outra parceira do Diário.

Para a dona de casa Adelaide Santos, 65, o sábado foi especial. “Não saio de casa quase nunca. Fiquei sabendo da festa junina na escola e resolvi vir para passear um pouco. Quando cheguei, me surpreendi com esses atendimentos todos. Fiquei muito feliz, porque não é sempre que tenho um dia tão bom, proveitoso.” 

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;