Fechar
Publicidade

Terça-Feira, 23 de Julho

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Economia

soraiapedrozo@dgabc.com.br | 4435-8057

A excelência na liderança


Cíntia Bortotto

17/06/2019 | 07:31


O verdadeiro líder é aquele que é capaz de conduzir as pessoas aos lugares onde nunca haviam conseguido chegar antes, segundo Kouzes e Posner (1997). E foi nestes teóricos que me baseei para montar o conteúdo desta coluna. Afinal, o que é preciso para liderar pessoas neste mundo tão repleto de tecnologias e transformações rápidas. Elenquei cinco pontos para você verificar no seu estilo de liderança e na atuação dos seus líderes.

1 – Desafiar o estabelecido: significa se aventurar, buscar novos desafios, que podem ser oriundos de legislação inovadora, do lançamento de novo produto, de proposta de expansão, mesmo que sejam impostos por outras áreas e colaboradores da empresa. Enfim, tudo aquilo que possa colocar o status quo em movimento. Os líderes exemplares são os pioneiros da mudança e nelas se envolvem com profundidade, pois são dispostos a correr riscos, inovar, experimentar buscando encontrar novas e melhores formas de fazer as coisas e aprimorando seu aprendizado. Os líderes aprendem ao exercer a liderança e aprendem melhor ainda quando o fazem diante de obstáculos. Da mesma forma que as condições atmosféricas são capazes de moldar as montanhas, os problemas e os desafios moldam os líderes;

2 – Inspirar visão compartilhada: trata-se de compartilhar com a equipe um sonho, uma visão, que inventa o futuro. Os bons líderes enxergam muito além e vislumbram as oportunidades interessantes que a equipe encontrará ao caminhar na direção de suas metas. De certa forma, esses líderes vivem suas vidas de frente para trás, visualizando mentalmente os resultados antes mesmo de projeto ser implementado. E é essa imagem do futuro que os empurra sempre para frente, fazendo com que eles inspirem esse compromisso em suas equipes, fazendo as pessoas acreditarem que eles, de fato, conhecem suas necessidades e levam em conta seus interesses;

3 – Permitir que os outros ajam: arregimentando o apoio e a colaboração de todas as pessoas envolvidas em seus projetos. É senso de trabalho em equipe e empowerment, no qual os líderes envolvem de alguma maneira, todos os que devem identificar-se com os resultados, criando ambiente onde todos possam desenvolver bons trabalhos. Os bons líderes se esforçam para fazer com que as pessoas se sintam fortes, capazes e comprometidas, agindo através da dispersão do poder. A liderança é relacionamento fundado na credibilidade e na confiança, fatores imprescindíveis para que as pessoas assumam os riscos da mudança;

4 – Apontar o caminho: significa ir à frente, ou seja, não pedir aos seus seguidores algo que não tenha vontade de fazer primeiro. Os bons líderes dão exemplos e constroem o compromisso por meio de simples ações diárias que impulsionem a equipe, apontam o caminho pelo exemplo pessoal e pela dedicada execução de suas tarefas (Kouses e Postner, 1997);

5 – Encorajar o coração dos seguidores: para que eles preservem diante das dificuldades e obstáculos é fundamental para que a equipe mantenha sua performance e atinja seus objetivos. Reconhecer as ações importantes, mesmo que seja por meio de pequenas lembranças e palavras de agradecimento, e mostrar às pessoas que elas podem vencer fazem parte da postura do líder exemplar.

E aí? Como você avalia seu desempenho? Siga confiante e boa sorte!
 



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

A excelência na liderança

Cíntia Bortotto

17/06/2019 | 07:31


O verdadeiro líder é aquele que é capaz de conduzir as pessoas aos lugares onde nunca haviam conseguido chegar antes, segundo Kouzes e Posner (1997). E foi nestes teóricos que me baseei para montar o conteúdo desta coluna. Afinal, o que é preciso para liderar pessoas neste mundo tão repleto de tecnologias e transformações rápidas. Elenquei cinco pontos para você verificar no seu estilo de liderança e na atuação dos seus líderes.

1 – Desafiar o estabelecido: significa se aventurar, buscar novos desafios, que podem ser oriundos de legislação inovadora, do lançamento de novo produto, de proposta de expansão, mesmo que sejam impostos por outras áreas e colaboradores da empresa. Enfim, tudo aquilo que possa colocar o status quo em movimento. Os líderes exemplares são os pioneiros da mudança e nelas se envolvem com profundidade, pois são dispostos a correr riscos, inovar, experimentar buscando encontrar novas e melhores formas de fazer as coisas e aprimorando seu aprendizado. Os líderes aprendem ao exercer a liderança e aprendem melhor ainda quando o fazem diante de obstáculos. Da mesma forma que as condições atmosféricas são capazes de moldar as montanhas, os problemas e os desafios moldam os líderes;

2 – Inspirar visão compartilhada: trata-se de compartilhar com a equipe um sonho, uma visão, que inventa o futuro. Os bons líderes enxergam muito além e vislumbram as oportunidades interessantes que a equipe encontrará ao caminhar na direção de suas metas. De certa forma, esses líderes vivem suas vidas de frente para trás, visualizando mentalmente os resultados antes mesmo de projeto ser implementado. E é essa imagem do futuro que os empurra sempre para frente, fazendo com que eles inspirem esse compromisso em suas equipes, fazendo as pessoas acreditarem que eles, de fato, conhecem suas necessidades e levam em conta seus interesses;

3 – Permitir que os outros ajam: arregimentando o apoio e a colaboração de todas as pessoas envolvidas em seus projetos. É senso de trabalho em equipe e empowerment, no qual os líderes envolvem de alguma maneira, todos os que devem identificar-se com os resultados, criando ambiente onde todos possam desenvolver bons trabalhos. Os bons líderes se esforçam para fazer com que as pessoas se sintam fortes, capazes e comprometidas, agindo através da dispersão do poder. A liderança é relacionamento fundado na credibilidade e na confiança, fatores imprescindíveis para que as pessoas assumam os riscos da mudança;

4 – Apontar o caminho: significa ir à frente, ou seja, não pedir aos seus seguidores algo que não tenha vontade de fazer primeiro. Os bons líderes dão exemplos e constroem o compromisso por meio de simples ações diárias que impulsionem a equipe, apontam o caminho pelo exemplo pessoal e pela dedicada execução de suas tarefas (Kouses e Postner, 1997);

5 – Encorajar o coração dos seguidores: para que eles preservem diante das dificuldades e obstáculos é fundamental para que a equipe mantenha sua performance e atinja seus objetivos. Reconhecer as ações importantes, mesmo que seja por meio de pequenas lembranças e palavras de agradecimento, e mostrar às pessoas que elas podem vencer fazem parte da postura do líder exemplar.

E aí? Como você avalia seu desempenho? Siga confiante e boa sorte!
 

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;