Fechar
Publicidade

Domingo, 15 de Setembro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Economia

soraiapedrozo@dgabc.com.br | 4435-8057

Oposição questiona realização da entrevista coletiva sobre reforma



12/06/2019 | 19:19


Durante a coletiva de imprensa com o presidente da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ), o relator da reforma da Previdência, Samuel Moreira (PSDB-SP), e líderes partidários, deputados da oposição questionaram o motivo de não terem sido convidados para o evento e disseram que Moreira não poderia estar antecipando seu parecer fora da comissão especial que analisa a proposta.

A líder da minoria, Jandira Feghalli (PCdoB-RJ), afirmou que Moreira estava sendo parcial ao não convidar a oposição para o debate desta quarta-feira, 12. Já o líder do PDT, André Figueiredo, disse que a reunião era um "conluio". Deputados favoráveis à reforma protestaram e um bate-boca foi iniciado entre os deputados. "É uma reunião informal dos partidos que apoiam essa reforma, não tem nada de anormal aqui", rebateu o líder do MDB, Baleia Rossi.

A reunião voltou ao normal com o início da fala de Samuel Moreira.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Oposição questiona realização da entrevista coletiva sobre reforma


12/06/2019 | 19:19


Durante a coletiva de imprensa com o presidente da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ), o relator da reforma da Previdência, Samuel Moreira (PSDB-SP), e líderes partidários, deputados da oposição questionaram o motivo de não terem sido convidados para o evento e disseram que Moreira não poderia estar antecipando seu parecer fora da comissão especial que analisa a proposta.

A líder da minoria, Jandira Feghalli (PCdoB-RJ), afirmou que Moreira estava sendo parcial ao não convidar a oposição para o debate desta quarta-feira, 12. Já o líder do PDT, André Figueiredo, disse que a reunião era um "conluio". Deputados favoráveis à reforma protestaram e um bate-boca foi iniciado entre os deputados. "É uma reunião informal dos partidos que apoiam essa reforma, não tem nada de anormal aqui", rebateu o líder do MDB, Baleia Rossi.

A reunião voltou ao normal com o início da fala de Samuel Moreira.

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;