Fechar
Publicidade

Domingo, 16 de Junho

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Esportes

esportes@dgabc.com.br | 4435-8384

França e Alemanha voltam a vencer e ficam perto das oitavas no Mundial Feminino



12/06/2019 | 19:07


França e Alemanha conquistaram a segunda vitória consecutiva no Mundial Feminino, nesta quarta-feira, ao derrotarem Noruega e Espanha, respectivamente. Duas das favoritas ao título, as seleções ficaram muito perto da classificação para as oitavas de final da competição.

Em um jogo bastante disputado, as francesas bateram a Noruega, por 2 a 1, em Nice, pelo Grupo A. Todos os gols foram marcados no segundo tempo. Valerie Gauvin abriu o placar para a França, no primeiro minuto, depois de pegar de primeira um cruzamento vindo da esquerda.

Aos nove, Wendie Renard fez um gol contra incrível para a Noruega. Sozinha na pequena área, a zagueira empurrou a bola devagar para dentro do gol. Aos 27, com a ajuda do VAR, Eugenie Le Sommer cobrou com firmeza um pênalti e fez o gol da vitória das anfitriãs do campeonato.

No outro jogo da chave, a Nigéria venceu a Coreia do Sul por 2 a 0. O primeiro gol foi contra, de Kim Doyeon, aos 29 minutos da primeira etapa, após desviar um lançamento e tirar a goleira da jogada. Asisat Oshoala, aos 30 do tempo final, fez o segundo gol da seleção africana. Lançada pela meia direita, a atacante ganhou da marcação na corrida, driblou a goleira e rolou para o gol vazio.

Com o resultado dos dois jogos, a França soma seis pontos, após duas rodadas, contra três de Noruega e Nigéria. A Coreia ainda não pontuou. A última rodada será na segunda-feira e terá os seguintes confrontos: Coreia do Sul x Noruega e Nigéria x França.

Em Valenciennes, pelo Grupo B, a Espanha foi melhor em campo, teve as melhores oportunidades, mas não soube aproveitar e acabou derrotada pela Alemanha, por 1 a 0, gol de Sara Daebritz, aos 42 minutos do primeiro tempo. A atacante demonstrou muito oportunismo e garra para aproveitar o rebote da goleira espanhola Sandra Panos.

A Alemanha manteve os 100% de aproveitamento e alcançou os seis pontos, deixando a Espanha com três. China e África do Sul, ainda sem pontuar, se enfrentam nesta sexta-feira e fecham a segunda rodada da chave.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

França e Alemanha voltam a vencer e ficam perto das oitavas no Mundial Feminino


12/06/2019 | 19:07


França e Alemanha conquistaram a segunda vitória consecutiva no Mundial Feminino, nesta quarta-feira, ao derrotarem Noruega e Espanha, respectivamente. Duas das favoritas ao título, as seleções ficaram muito perto da classificação para as oitavas de final da competição.

Em um jogo bastante disputado, as francesas bateram a Noruega, por 2 a 1, em Nice, pelo Grupo A. Todos os gols foram marcados no segundo tempo. Valerie Gauvin abriu o placar para a França, no primeiro minuto, depois de pegar de primeira um cruzamento vindo da esquerda.

Aos nove, Wendie Renard fez um gol contra incrível para a Noruega. Sozinha na pequena área, a zagueira empurrou a bola devagar para dentro do gol. Aos 27, com a ajuda do VAR, Eugenie Le Sommer cobrou com firmeza um pênalti e fez o gol da vitória das anfitriãs do campeonato.

No outro jogo da chave, a Nigéria venceu a Coreia do Sul por 2 a 0. O primeiro gol foi contra, de Kim Doyeon, aos 29 minutos da primeira etapa, após desviar um lançamento e tirar a goleira da jogada. Asisat Oshoala, aos 30 do tempo final, fez o segundo gol da seleção africana. Lançada pela meia direita, a atacante ganhou da marcação na corrida, driblou a goleira e rolou para o gol vazio.

Com o resultado dos dois jogos, a França soma seis pontos, após duas rodadas, contra três de Noruega e Nigéria. A Coreia ainda não pontuou. A última rodada será na segunda-feira e terá os seguintes confrontos: Coreia do Sul x Noruega e Nigéria x França.

Em Valenciennes, pelo Grupo B, a Espanha foi melhor em campo, teve as melhores oportunidades, mas não soube aproveitar e acabou derrotada pela Alemanha, por 1 a 0, gol de Sara Daebritz, aos 42 minutos do primeiro tempo. A atacante demonstrou muito oportunismo e garra para aproveitar o rebote da goleira espanhola Sandra Panos.

A Alemanha manteve os 100% de aproveitamento e alcançou os seis pontos, deixando a Espanha com três. China e África do Sul, ainda sem pontuar, se enfrentam nesta sexta-feira e fecham a segunda rodada da chave.

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;