Fechar
Publicidade

Segunda-Feira, 17 de Junho

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Política

politica@dgabc.com.br | 4435-8391

Contas de Marinho voltam à pauta; reunião deve selar destino de novela


Raphael Rocha
Do Diário do Grande ABC

12/06/2019 | 06:03


Pela quinta sessão seguida as contas do ex-prefeito Luiz Marinho (PT) entram na ordem do dia da sessão na Câmara de São Bernardo como pautas obrigatórias. Reunião convocada para as 8h deve selar o destino da novela.

Como o prefeito Orlando Morando (PSDB) viajou ontem para Brasília (veja mais na página 4), a tradicional reunião de terça-feira da bancada de sustentação foi adiada. Na semana passada, foi em um encontro desses que o tucano solicitou postergação da discussão no Legislativo.

O TCE (Tribunal de Contas do Estado) emitiu parecer pela aprovação dos exercícios de 2015 e de 2016, entretanto, comissão mista da Câmara orientou pela reprovação dos dois balancetes. Hoje, nos bastidores, o placar é favorável para o petista. São necessários 19 votos para rejeitar as contas, porém, a bancada contra as finanças tem 18 nomes. 



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Contas de Marinho voltam à pauta; reunião deve selar destino de novela

Raphael Rocha
Do Diário do Grande ABC

12/06/2019 | 06:03


Pela quinta sessão seguida as contas do ex-prefeito Luiz Marinho (PT) entram na ordem do dia da sessão na Câmara de São Bernardo como pautas obrigatórias. Reunião convocada para as 8h deve selar o destino da novela.

Como o prefeito Orlando Morando (PSDB) viajou ontem para Brasília (veja mais na página 4), a tradicional reunião de terça-feira da bancada de sustentação foi adiada. Na semana passada, foi em um encontro desses que o tucano solicitou postergação da discussão no Legislativo.

O TCE (Tribunal de Contas do Estado) emitiu parecer pela aprovação dos exercícios de 2015 e de 2016, entretanto, comissão mista da Câmara orientou pela reprovação dos dois balancetes. Hoje, nos bastidores, o placar é favorável para o petista. São necessários 19 votos para rejeitar as contas, porém, a bancada contra as finanças tem 18 nomes. 

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;