Fechar
Publicidade

Quinta-Feira, 17 de Outubro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Esportes

esportes@dgabc.com.br | 4435-8384

Najila fala em ameaça de morte e diz que Neymar fez foto dela nua sem autorização

Reprodução Diário do Grande ABC - Notícias e informações do Grande ABC: Santo André, São Bernardo, São Caetano, Diadema, Mauá, Ribeirão Pires e Rio Grande da Serra


07/06/2019 | 12:46


A modelo Najila Trindade, que acusa Neymar de estupro e agressão, afirmou que sente medo de morrer por estar envolvida em uma polêmica com uma personalidade famosa e criticou atitudes do jogador durante os encontros realizados em Paris. As declarações foram dadas em entrevista ao SBT, que divulgou a íntegra da conversa com a mulher.

Najila afirmou que estava com o jogador no quarto do hotel quando ele tirou uma foto dela nua sem autorização, detalhando como isso aconteceu. "Foi a hora que saí do banho. Me sequei, nua, fui em direção à cama. Foi a hora que ele estava mexendo no frigobar, me empurrou e bateu a foto do meu corpo. Fez aquilo, sei lá, para mostrar para os amigos", afirmou a modelo durante a entrevista.

Os incidentes foram no mês de maio, mas se tornaram públicos somente a partir de 1º de junho, após o boletim de ocorrência por estupro e agressão ser registrado em São Paulo. Neymar e Najila se conheceram a partir de conversas através da rede social Instagram. A modelo viajou a Paris convidada pelo jogador, que pagou as despesas com passagens aéreas, assim como a hospedagem na capital francesa.

Nos últimos dias, Najila tem tomado medicamentos para conseguir se acalmar e contou ter recebido ameaças. "Coisas estavam rolando atrás de mim. Nas minhas costas. Pessoas planejando minha morte. Eu entrei em uma psicose horrível. Eu fiquei com a sensação que poderiam me matar. Eu me sinto pressionada pelas pessoas por trás da carreira dele. As coisas chegam em ligações, mensagens", disse Najila.

Apesar da angústia, ela garante que vai lutar até o fim para provar a culpa de Neymar no caso, tanto pela conduta na França, como pela postura de divulgar um vídeo com trocas de mensagens entre eles, o que incluía fotos íntimas e levou o atacante a se tornar alvo de outra investigação.

"Não bastasse tudo que ele fez no quarto do hotel, ele me expôs de maneira ridícula. Ele já me atacou para sair ileso do que ele fez. Ele levou tudo a público. Se ele era inocente, ele tinha que fazer isso por meios legais. Ele me expôs ao ridículo e queria que eu desistisse da minha luta. A verdade vai vir à tona", comentou.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Najila fala em ameaça de morte e diz que Neymar fez foto dela nua sem autorização


07/06/2019 | 12:46


A modelo Najila Trindade, que acusa Neymar de estupro e agressão, afirmou que sente medo de morrer por estar envolvida em uma polêmica com uma personalidade famosa e criticou atitudes do jogador durante os encontros realizados em Paris. As declarações foram dadas em entrevista ao SBT, que divulgou a íntegra da conversa com a mulher.

Najila afirmou que estava com o jogador no quarto do hotel quando ele tirou uma foto dela nua sem autorização, detalhando como isso aconteceu. "Foi a hora que saí do banho. Me sequei, nua, fui em direção à cama. Foi a hora que ele estava mexendo no frigobar, me empurrou e bateu a foto do meu corpo. Fez aquilo, sei lá, para mostrar para os amigos", afirmou a modelo durante a entrevista.

Os incidentes foram no mês de maio, mas se tornaram públicos somente a partir de 1º de junho, após o boletim de ocorrência por estupro e agressão ser registrado em São Paulo. Neymar e Najila se conheceram a partir de conversas através da rede social Instagram. A modelo viajou a Paris convidada pelo jogador, que pagou as despesas com passagens aéreas, assim como a hospedagem na capital francesa.

Nos últimos dias, Najila tem tomado medicamentos para conseguir se acalmar e contou ter recebido ameaças. "Coisas estavam rolando atrás de mim. Nas minhas costas. Pessoas planejando minha morte. Eu entrei em uma psicose horrível. Eu fiquei com a sensação que poderiam me matar. Eu me sinto pressionada pelas pessoas por trás da carreira dele. As coisas chegam em ligações, mensagens", disse Najila.

Apesar da angústia, ela garante que vai lutar até o fim para provar a culpa de Neymar no caso, tanto pela conduta na França, como pela postura de divulgar um vídeo com trocas de mensagens entre eles, o que incluía fotos íntimas e levou o atacante a se tornar alvo de outra investigação.

"Não bastasse tudo que ele fez no quarto do hotel, ele me expôs de maneira ridícula. Ele já me atacou para sair ileso do que ele fez. Ele levou tudo a público. Se ele era inocente, ele tinha que fazer isso por meios legais. Ele me expôs ao ridículo e queria que eu desistisse da minha luta. A verdade vai vir à tona", comentou.

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;