Fechar
Publicidade

Domingo, 25 de Agosto

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Esportes

esportes@dgabc.com.br | 4435-8384

Em meio a caos fora de campo, Neymar se lesiona e pode ser cortado

EBC Diário do Grande ABC - Notícias e informações do Grande ABC: Santo André, São Bernardo, São Caetano, Diadema, Mauá, Ribeirão Pires e Rio Grande da Serra

Atacante é avaliado em clínica de Brasília; sem o craque, Seleção Brasileira faz 2 a 0 no Catar


Anderson Fattori
Do Diário do Grande ABC

06/06/2019 | 08:46


Antes mesmo de entrar em campo ontem para defender a Seleção Brasileira em amistoso contra o Catar, que serviu de preparação à Copa América, Neymar já era o centro das atenções. Horas antes da partida começar, o SBT exibia entrevista com a modelo Najila Trindade Mendes Souza, 26 anos, que o acusa de agressão e estupro. Ainda assim, o camisa 10 começou bem, ensaiou dribles bonitos, mas aos 18 minutos sofreu entrada dura, torceu o tornozelo direito e saiu chorando para o vestiário. Com muita dor, deixou o Mané Garrincha de muletas, levado a clínica para saber a gravidade da lesão.

Na entrevista pré-jogo, Najila dá detalhes do que teria ocorrido no quarto do hotel onde ficou hospedada em Paris, assume que foi Neymar quem pagou as despesas com voo e hospedagem e foi taxativa: “Fui vítima de estupro”. Segundo ela, a viagem foi fruto de um desejo sexual, mas ela desistiu depois que soube que o atacante não tinha camisinha. “Perguntei se ele havia trazido preservativo. Ele disse que não. Então eu disse que não ia acontecer nada além daquilo (carícias). Então ele me virou, cometeu o ato. Enquanto ele cometeu, ele começou a me bater violentamente”, declarou.

Mais tarde, vazou nas redes sociais vídeo de um segundo encontro entre Neymar e Najila no mesmo hotel, em Paris. Na cena, ela dá tapas e arremessa objetivo no atacante, que tenta controlar a modelo e pede calma. A moça então diz que estava nervosa porque no dia anterior teria sido agredida e abandonada pelo jogador.


A delegacia de crimes virtuais intimou o atacante Neymar a depor amanhã para explicar sobre a postagem das conversas que teve com Najila. O advogado do jogador, Davi Tangerino, afirmou que ele irá se apresentar de forma espontânea, mas não definiu data.

O JOGO

Neymar deixou o gramado pouco depois de Richarlyson ter marcado o primeiro gol contra o Catar. Já sem o craque, Gabriel Jesus fez o segundo, aos 23 minutos, o que parecia anunciar goleada. Mas não foi o que aconteceu. A Seleção se acomodou com o resultado e, mesmo muito superior tecnicamente, sofreu alguns sustos.

No segundo tempo, Tite fez muitas mudanças e a equipe perdeu o ritmo. No fim, o Catar teve a chance de fazer história ao marcar um gol no Brasil, mas Khoukhi desperdiçou pênalti cometido pelo goleiro Ederson – marcado com ajuda do árbitro de vídeo.

Philippe Coutinho, que fez bom jogo, comentou o inferno astral que vive Neymar. “Ele teve alguns problemas de ordem pessoal e sobre a lesão espero que ele possa voltar o mais rápido possível”, resumiu.  



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Em meio a caos fora de campo, Neymar se lesiona e pode ser cortado

Atacante é avaliado em clínica de Brasília; sem o craque, Seleção Brasileira faz 2 a 0 no Catar

Anderson Fattori
Do Diário do Grande ABC

06/06/2019 | 08:46


Antes mesmo de entrar em campo ontem para defender a Seleção Brasileira em amistoso contra o Catar, que serviu de preparação à Copa América, Neymar já era o centro das atenções. Horas antes da partida começar, o SBT exibia entrevista com a modelo Najila Trindade Mendes Souza, 26 anos, que o acusa de agressão e estupro. Ainda assim, o camisa 10 começou bem, ensaiou dribles bonitos, mas aos 18 minutos sofreu entrada dura, torceu o tornozelo direito e saiu chorando para o vestiário. Com muita dor, deixou o Mané Garrincha de muletas, levado a clínica para saber a gravidade da lesão.

Na entrevista pré-jogo, Najila dá detalhes do que teria ocorrido no quarto do hotel onde ficou hospedada em Paris, assume que foi Neymar quem pagou as despesas com voo e hospedagem e foi taxativa: “Fui vítima de estupro”. Segundo ela, a viagem foi fruto de um desejo sexual, mas ela desistiu depois que soube que o atacante não tinha camisinha. “Perguntei se ele havia trazido preservativo. Ele disse que não. Então eu disse que não ia acontecer nada além daquilo (carícias). Então ele me virou, cometeu o ato. Enquanto ele cometeu, ele começou a me bater violentamente”, declarou.

Mais tarde, vazou nas redes sociais vídeo de um segundo encontro entre Neymar e Najila no mesmo hotel, em Paris. Na cena, ela dá tapas e arremessa objetivo no atacante, que tenta controlar a modelo e pede calma. A moça então diz que estava nervosa porque no dia anterior teria sido agredida e abandonada pelo jogador.


A delegacia de crimes virtuais intimou o atacante Neymar a depor amanhã para explicar sobre a postagem das conversas que teve com Najila. O advogado do jogador, Davi Tangerino, afirmou que ele irá se apresentar de forma espontânea, mas não definiu data.

O JOGO

Neymar deixou o gramado pouco depois de Richarlyson ter marcado o primeiro gol contra o Catar. Já sem o craque, Gabriel Jesus fez o segundo, aos 23 minutos, o que parecia anunciar goleada. Mas não foi o que aconteceu. A Seleção se acomodou com o resultado e, mesmo muito superior tecnicamente, sofreu alguns sustos.

No segundo tempo, Tite fez muitas mudanças e a equipe perdeu o ritmo. No fim, o Catar teve a chance de fazer história ao marcar um gol no Brasil, mas Khoukhi desperdiçou pênalti cometido pelo goleiro Ederson – marcado com ajuda do árbitro de vídeo.

Philippe Coutinho, que fez bom jogo, comentou o inferno astral que vive Neymar. “Ele teve alguns problemas de ordem pessoal e sobre a lesão espero que ele possa voltar o mais rápido possível”, resumiu.  

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;