Fechar
Publicidade

Sábado, 24 de Agosto

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Política

politica@dgabc.com.br | 4435-8391

Em debate, candidatos à PGR defendem 'liberdade de expressão' a membros do MP



04/06/2019 | 18:16


Os subprocuradores-gerais Mário Luiz Bonsaglia e Luiza Cristina Frischeisen, dois dos dez candidatos à lista tríplice ao cargo de procurador-geral da República, defenderam a liberdade de expressão de membros do Ministério Público em redes sociais. Eles participam de debate organizado pela Associação Nacional dos Procuradores da República (ANPR).

No entanto, enquanto o primeiro pregou cautela, a segunda disse que é preciso se fazer presente, inclusive em meios digitais, no debate com a sociedade. O debate ocorre na tarde desta terça-feira, 4, em São Paulo, onde os dez candidatos se encontram pela terceira vez para discutir os temas. A eleição da lista tríplice vai ocorrer em 18 de junho.

Para Bonsaglia, é necessário que membros do órgão tenham uma "ampla liberdade de expressão nas redes sociais", mas com limites além dos exigidos à população em geral. "No caso dos membros do MP, o limite adicional que temos de observar é o não envolvimento de questões de cunho político-partidário, de resto, podemos manifestar livremente a nossa opinião, inclusive crítica em relação à atuação de outros órgãos públicos", ponderou Bonsaglia.

Por sua vez, Frischeisen disse ver que o membro do MP tem o dever de informar à sociedade a razão pela qual uma escolha foi feita em detrimento de outra. "Nós estamos em debate público, seja nas redes sociais ou em entrevistas, e nós temos de fazer presentes", comentou.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Em debate, candidatos à PGR defendem 'liberdade de expressão' a membros do MP


04/06/2019 | 18:16


Os subprocuradores-gerais Mário Luiz Bonsaglia e Luiza Cristina Frischeisen, dois dos dez candidatos à lista tríplice ao cargo de procurador-geral da República, defenderam a liberdade de expressão de membros do Ministério Público em redes sociais. Eles participam de debate organizado pela Associação Nacional dos Procuradores da República (ANPR).

No entanto, enquanto o primeiro pregou cautela, a segunda disse que é preciso se fazer presente, inclusive em meios digitais, no debate com a sociedade. O debate ocorre na tarde desta terça-feira, 4, em São Paulo, onde os dez candidatos se encontram pela terceira vez para discutir os temas. A eleição da lista tríplice vai ocorrer em 18 de junho.

Para Bonsaglia, é necessário que membros do órgão tenham uma "ampla liberdade de expressão nas redes sociais", mas com limites além dos exigidos à população em geral. "No caso dos membros do MP, o limite adicional que temos de observar é o não envolvimento de questões de cunho político-partidário, de resto, podemos manifestar livremente a nossa opinião, inclusive crítica em relação à atuação de outros órgãos públicos", ponderou Bonsaglia.

Por sua vez, Frischeisen disse ver que o membro do MP tem o dever de informar à sociedade a razão pela qual uma escolha foi feita em detrimento de outra. "Nós estamos em debate público, seja nas redes sociais ou em entrevistas, e nós temos de fazer presentes", comentou.

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;