Fechar
Publicidade

Segunda-Feira, 19 de Agosto

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Setecidades

setecidades@dgabc.com.br | 4435-8319

Vazamento de gás causa problemas de saúde a idosos em São Bernardo

Celso Luiz/DGABC Diário do Grande ABC - Notícias e informações do Grande ABC: Santo André, São Bernardo, São Caetano, Diadema, Mauá, Ribeirão Pires e Rio Grande da Serra

Susto e cheiro forte levaram moradores de casa de repouso ao hospital


Flávia Fernandes
especial para o Diário

31/05/2019 | 07:00


Vazamento de gás na Alameda Glória, altura do número 390, região Central de São Bernardo, na manhã de ontem, causou transtornos a moradores do entorno. Os principais prejudicados foram moradores e funcionários da Casa dos Velhinhos Dona Adelaide que acolhe 36 idosos, além de pessoas com deficiências mentais e em situação de rua. Pelo menos sete indivíduos precisaram ser socorridos aos serviços de saúde da cidade – senhora de 93 anos seguia internada no Hospital de Clínicas da cidade até o fechamento desta edição.

O problema foi causado por perfuração de rede da Comgás (Companhia de Gás de São Paulo) durante obra da Prefeitura de São Bernardo. Embora haja placa com o alerta para que o solo não seja escavado, o aviso foi ignorado pelos trabalhadores. Após o acidente, por volta das 10h30, todo o entorno precisou ser evacuado com urgência. Moradores da casa de repouso, incluindo cadeirantes, foram encaminhados até a Sociedade Cultural Recreativa Alameda Glória, na Rua Príncipe Humberto, mesmo bairro.

De acordo com voluntários da Casa Dos Velhinhos Dona Adelaide, os idosos teriam passado mal por causa da situação de estresse e nervosismo e foram atendidos pelo Samu (Serviço de Atendimento Móvel de Urgência). Uma moradora Rosa Maria Almeida, 93 anos, precisou ser levada ao Hospital de Clínicas – o estado de saúde da paciente não foi informado pela Prefeitura até o fechamento desta edição.

“Ficou tudo branco de tanta fumaça. O barulho do gás vazando parecia panela de pressão. Muita gente reclamou de enjoo e dor no abdômen”, destaca a aposentada Therezinha Busão, 70, que estava tomando banho quando foi chamada para evacuar o ambiente. 

“Toda a situação abalou muito o emocional dos idosos. Mesmo assim, a obra que estão fazendo aqui é necessária”, explicou Henrique Nascimento Martins, presidente da Casa dos Velhinhos Dona Adelaide. Ele se refere à intervenção – realizada na área há cerca de um ano sob responsabilidade do Consórcio Centro Seco – para captação de água fluvial (chuva).

Somente por volta das 12h20 o vazamento foi contido e, após as 13h30, os funcionários e moradores puderam voltar para o lar. A Cetesb (Companhia Ambiental do Estado de São Paulo) disse que a presença da autarquia não foi necessária. Já a Comgás esclareceu que equipe foi enviada até o local para solucionar o problema.

Embora o secretário de Saúde de São Bernardo, Geraldo Reple Sobrinho, visitasse a Casa dos Velhinhos Dona Adelaide no mesmo momento em que a equipe do Diário, ele foi impedido de dar esclarecimentos à reportagem. A administração não se pronunciou sobre o tema até o fechamento desta edição.

(colaboraram Bia Moço e Lorena S.Ávila) 



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Vazamento de gás causa problemas de saúde a idosos em São Bernardo

Susto e cheiro forte levaram moradores de casa de repouso ao hospital

Flávia Fernandes
especial para o Diário

31/05/2019 | 07:00


Vazamento de gás na Alameda Glória, altura do número 390, região Central de São Bernardo, na manhã de ontem, causou transtornos a moradores do entorno. Os principais prejudicados foram moradores e funcionários da Casa dos Velhinhos Dona Adelaide que acolhe 36 idosos, além de pessoas com deficiências mentais e em situação de rua. Pelo menos sete indivíduos precisaram ser socorridos aos serviços de saúde da cidade – senhora de 93 anos seguia internada no Hospital de Clínicas da cidade até o fechamento desta edição.

O problema foi causado por perfuração de rede da Comgás (Companhia de Gás de São Paulo) durante obra da Prefeitura de São Bernardo. Embora haja placa com o alerta para que o solo não seja escavado, o aviso foi ignorado pelos trabalhadores. Após o acidente, por volta das 10h30, todo o entorno precisou ser evacuado com urgência. Moradores da casa de repouso, incluindo cadeirantes, foram encaminhados até a Sociedade Cultural Recreativa Alameda Glória, na Rua Príncipe Humberto, mesmo bairro.

De acordo com voluntários da Casa Dos Velhinhos Dona Adelaide, os idosos teriam passado mal por causa da situação de estresse e nervosismo e foram atendidos pelo Samu (Serviço de Atendimento Móvel de Urgência). Uma moradora Rosa Maria Almeida, 93 anos, precisou ser levada ao Hospital de Clínicas – o estado de saúde da paciente não foi informado pela Prefeitura até o fechamento desta edição.

“Ficou tudo branco de tanta fumaça. O barulho do gás vazando parecia panela de pressão. Muita gente reclamou de enjoo e dor no abdômen”, destaca a aposentada Therezinha Busão, 70, que estava tomando banho quando foi chamada para evacuar o ambiente. 

“Toda a situação abalou muito o emocional dos idosos. Mesmo assim, a obra que estão fazendo aqui é necessária”, explicou Henrique Nascimento Martins, presidente da Casa dos Velhinhos Dona Adelaide. Ele se refere à intervenção – realizada na área há cerca de um ano sob responsabilidade do Consórcio Centro Seco – para captação de água fluvial (chuva).

Somente por volta das 12h20 o vazamento foi contido e, após as 13h30, os funcionários e moradores puderam voltar para o lar. A Cetesb (Companhia Ambiental do Estado de São Paulo) disse que a presença da autarquia não foi necessária. Já a Comgás esclareceu que equipe foi enviada até o local para solucionar o problema.

Embora o secretário de Saúde de São Bernardo, Geraldo Reple Sobrinho, visitasse a Casa dos Velhinhos Dona Adelaide no mesmo momento em que a equipe do Diário, ele foi impedido de dar esclarecimentos à reportagem. A administração não se pronunciou sobre o tema até o fechamento desta edição.

(colaboraram Bia Moço e Lorena S.Ávila) 

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;