Fechar
Publicidade

Terça-Feira, 19 de Outubro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Setecidades

setecidades@dgabc.com.br | 4435-8319

Especialista sugere lojas nas passarelas


Do Diário do Grande ABC

28/05/2005 | 07:17


Instalação de estabelecimentos comerciais nas passarelas. É essa a fórmula sugerida pelo professor de Graduação e Pós-Graduação da Faculdade de Arquitetura e Urbanismo da Universidade de São Paulo, Cândido Malta Campos Filho, para garantir a segurança dos pedestres.

"Seria ideal ter pontos de comércio nas extremidades e no meio das passagens. Isso garantiria o fluxo de pessoas, a iluminação do local, a manutenção e principalmente a segurança. Para isso, só é necessário alargar um pouco o lugar onde ficará esse box", diz o professor.

Para Malta Filho, o tradicional concreto armado, que foi utilizado na construção da maioria das passarelas da região, já é material ultrapassado e chama a atenção para um mais resistente a vandalismo. "O cosacor é uma placa de aço diferente, onde a oxidação do material faz parte do processo de acabamento e também tem a função de proteger a chapa. A tinta de spray, usada pelos pichadores, não adere muito bem nesse material", explica.

A construção de passarelas com este aço fica cerca de 15% mais cara. Por outro lado, a manutenção pode ser feita com menor freqüência e o material tem longa durabilidade. O cosacor é usado na passarela da estação de trem de Santo Amaro, na zona Sul de São Paulo.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.


Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;