Fechar
Publicidade

Sexta-Feira, 19 de Julho

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Economia

soraiapedrozo@dgabc.com.br | 4435-8057

Consumo de gás natural cresce 3,3% no 1º trimestre, diz Abegás



24/05/2019 | 16:18


O consumo de gás natural total no primeiro trimestre do ano totalizou 61,5 milhões de metros cúbicos/dia, crescimento de 3,3% em relação ao igual período de 2018, quando a demanda foi de 59,5 milhões de metros cúbicos/dia. Os dados são de levantamento estatístico da Associação Brasileira das Empresas de Gás Distribuído (Abegás) feito com concessionárias em todas as regiões do País.

Na indústria, segmento de maior consumo entre todos, com 28,4 milhões de metros cúbicos/dia, a elevação no primeiro trimestre foi de 3,3% na comparação anual. Também registraram crescimento no período os consumos dos segmentos comercial (12%) e automotivo (8%).

"Os números são positivos, mas podem evoluir ainda mais. O gás natural pode ser a energia de base para o crescimento econômico. É preciso que o País adote as medidas corretas que resolvam de fato o principal problema do setor - a falta de diversidade de ofertantes de gás", afirmou, em nota, o presidente executivo da Abegás, Augusto Salomon.

Em março, o número de clientes que consomem gás natural chegou a 3,5 milhões, número de medidores nas indústrias, comércios e residências e outros pontos de consumo.

Em março, o consumo industrial apresentou retração de 6,6% em relação ao mês anterior. Já o consumo residencial teve alta de 28,7% na mesma base de comparação. O segmento comercial também subiu 4,5% em março ante fevereiro. Já o consumo na geração elétrica teve retração de 31,7%, com menor demanda a partir do desligamento de algumas térmicas.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Consumo de gás natural cresce 3,3% no 1º trimestre, diz Abegás


24/05/2019 | 16:18


O consumo de gás natural total no primeiro trimestre do ano totalizou 61,5 milhões de metros cúbicos/dia, crescimento de 3,3% em relação ao igual período de 2018, quando a demanda foi de 59,5 milhões de metros cúbicos/dia. Os dados são de levantamento estatístico da Associação Brasileira das Empresas de Gás Distribuído (Abegás) feito com concessionárias em todas as regiões do País.

Na indústria, segmento de maior consumo entre todos, com 28,4 milhões de metros cúbicos/dia, a elevação no primeiro trimestre foi de 3,3% na comparação anual. Também registraram crescimento no período os consumos dos segmentos comercial (12%) e automotivo (8%).

"Os números são positivos, mas podem evoluir ainda mais. O gás natural pode ser a energia de base para o crescimento econômico. É preciso que o País adote as medidas corretas que resolvam de fato o principal problema do setor - a falta de diversidade de ofertantes de gás", afirmou, em nota, o presidente executivo da Abegás, Augusto Salomon.

Em março, o número de clientes que consomem gás natural chegou a 3,5 milhões, número de medidores nas indústrias, comércios e residências e outros pontos de consumo.

Em março, o consumo industrial apresentou retração de 6,6% em relação ao mês anterior. Já o consumo residencial teve alta de 28,7% na mesma base de comparação. O segmento comercial também subiu 4,5% em março ante fevereiro. Já o consumo na geração elétrica teve retração de 31,7%, com menor demanda a partir do desligamento de algumas térmicas.

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;