Fechar
Publicidade

Terça-Feira, 15 de Outubro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Esportes

esportes@dgabc.com.br | 4435-8384

Thiago Monteiro bate austríaco, fura o quali e jogará Roland Garros pela 2ª vez

Thiago Monteiro/ Reprodução Instagram Diário do Grande ABC - Notícias e informações do Grande ABC: Santo André, São Bernardo, São Caetano, Diadema, Mauá, Ribeirão Pires e Rio Grande da Serra


24/05/2019 | 09:20


O tênis brasileiro terá um representante na chave de simples de Roland Garros, o segundo Grand Slam da temporada, que começará neste domingo. Nesta sexta-feira, pela terceira rodada do qualifying, o cearense Thiago Monteiro derrotou com facilidade o austríaco Lucas Miedler por 2 sets a 0 - com parciais de 6/2 e 6/4, após 1 hora e 18 minutos - e se classificou pela segunda vez na carreira à competição disputada em quadras de saibro em Paris.

Número 1 do Brasil e 113 do mundo, Monteiro repete 2017, quando entrou direto na chave principal e conseguiu avançar até a segunda rodada. Venceu o francês Alexandre Muller na estreia, mas parou no também local Gael Monfils. Ele também disputara o qualifying em 2016 e 2018 - no ano passado perdeu para o norueguês Cásper Ruud com um duplo 6/3 na última rodada e, dois anos antes, para o belga Ruben Bemelmans logo na estreia com as mesmas parciais.

Monteiro era a única possibilidade do Brasil ter um representante na disputa da chave de simples de Roland Garros. Os paulistas Beatriz Haddad Maia e Rogério Dutra Silva caíram na primeira rodada do qualifying, enquanto que Thomaz Bellucci, que trata de uma lesão, sequer foi à Paris. Nas duplas, o País terá três representantes: os mineiros Marcelo Melo e Bruno Soares e o gaúcho Marcelo Demoliner.

Em quadra, o brasileiro começou o jogo com uma importante quebra do saque de Miedler, apenas o número 232 do ranking da ATP. Com 72% de aproveitamento no primeiro serviço, contra apenas 61% do adversário, ele soube buscar winners importantes (foram 14 na parcial) para alcançar uma nova quebra no quinto game e assim ficar com o primeiro set.

No segundo, o cenário foi parecido, com mais uma vez Monteiro vencendo o serviço de Miedler na primeira oportunidade. O adversário deu o troco no quarto game, empatando em 2 a 2 e mantendo o equilíbrio na disputa. Somente no nono game veio uma nova quebra, que encaminhou a classificação do brasileiro.

O adversário de Monteiro na estreia da chave principal de Roland Garros sairá ainda nesta sexta-feira em um sorteio feito pela organização após o encerramento do qualifying. Entre os possíveis rivais está o espanhol Rafael Nadal, número 2 do mundo e considerado o "Rei do Saibro. Só em Paris, onde é o atual bicampeão, ele já conquistou 11 títulos.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Thiago Monteiro bate austríaco, fura o quali e jogará Roland Garros pela 2ª vez


24/05/2019 | 09:20


O tênis brasileiro terá um representante na chave de simples de Roland Garros, o segundo Grand Slam da temporada, que começará neste domingo. Nesta sexta-feira, pela terceira rodada do qualifying, o cearense Thiago Monteiro derrotou com facilidade o austríaco Lucas Miedler por 2 sets a 0 - com parciais de 6/2 e 6/4, após 1 hora e 18 minutos - e se classificou pela segunda vez na carreira à competição disputada em quadras de saibro em Paris.

Número 1 do Brasil e 113 do mundo, Monteiro repete 2017, quando entrou direto na chave principal e conseguiu avançar até a segunda rodada. Venceu o francês Alexandre Muller na estreia, mas parou no também local Gael Monfils. Ele também disputara o qualifying em 2016 e 2018 - no ano passado perdeu para o norueguês Cásper Ruud com um duplo 6/3 na última rodada e, dois anos antes, para o belga Ruben Bemelmans logo na estreia com as mesmas parciais.

Monteiro era a única possibilidade do Brasil ter um representante na disputa da chave de simples de Roland Garros. Os paulistas Beatriz Haddad Maia e Rogério Dutra Silva caíram na primeira rodada do qualifying, enquanto que Thomaz Bellucci, que trata de uma lesão, sequer foi à Paris. Nas duplas, o País terá três representantes: os mineiros Marcelo Melo e Bruno Soares e o gaúcho Marcelo Demoliner.

Em quadra, o brasileiro começou o jogo com uma importante quebra do saque de Miedler, apenas o número 232 do ranking da ATP. Com 72% de aproveitamento no primeiro serviço, contra apenas 61% do adversário, ele soube buscar winners importantes (foram 14 na parcial) para alcançar uma nova quebra no quinto game e assim ficar com o primeiro set.

No segundo, o cenário foi parecido, com mais uma vez Monteiro vencendo o serviço de Miedler na primeira oportunidade. O adversário deu o troco no quarto game, empatando em 2 a 2 e mantendo o equilíbrio na disputa. Somente no nono game veio uma nova quebra, que encaminhou a classificação do brasileiro.

O adversário de Monteiro na estreia da chave principal de Roland Garros sairá ainda nesta sexta-feira em um sorteio feito pela organização após o encerramento do qualifying. Entre os possíveis rivais está o espanhol Rafael Nadal, número 2 do mundo e considerado o "Rei do Saibro. Só em Paris, onde é o atual bicampeão, ele já conquistou 11 títulos.

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;