Fechar
Publicidade

Domingo, 16 de Junho

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Esportes

esportes@dgabc.com.br | 4435-8384

Em casa, Franca supera o Flamengo e iguala série pela final do NBB



23/05/2019 | 22:58


O Franca fez valer o fator casa e deixou tudo igual na série melhor de cinco da final do Novo Basquete Brasil. Nesta quinta-feira, no Pedrocão, onde perdeu apenas uma partida na temporada do NBB, o time do técnico Helinho superou o Flamengo por 88 a 79, na casa do rival.

David Jackson foi bastante efetivo no ataque e terminou como o cestinha da equipe, com 21 pontos. O norte-americano converteu nove de 11 arremessos de quadra, um aproveitamento de 81%. Lucas Dias contribuiu com 19 pontos, enquanto Jimmy fez 12. Pelo lado do Flamengo, Olivinha foi o maior pontuador, com 19 pontos, seguido de Baldi (18) e Varejão (16).

Agora, Franca e Flamengo se enfrentam novamente no sábado, às 14h30, outra vez no Pedrocão, no terceiro jogo da decisão. O quarto jogo será no outro sábado, dia 1º de junho, no Maracanãzinho, no Rio de Janeiro.

As bolas de três pontos foram o destaque do primeiro quarto. Franca foi mais efetiva, acertando 100% das tentativas (5/5), sendo duas com o pivô Hettsheimeir. O Flamengo converteu apenas 4 de 12 (33,3%) e viu o adversário fechar o período com oito pontos de vantagem: 29 a 21.

O time de Franca entrou ainda mais elétrico na segunda parcial e, com uma boa participação de Alexey, que saiu do banco, ampliou sua vantagem. Foram 9 de 14 de três pontos, um excelente aproveitamento de 64,3%. O Flamengo não encontrou resposta para neutralizar o rival e, no ataque, errou demais. Acertou apenas 39,1% dos arremessos. Não à toa, foi para o intervalo perdendo por 51 a 36.

O Flamengo voltou do intervalo completamente diferente. A equipe do técnico Gustavo De Conti fez melhores escolhas no ataque e contou com boa atuação de Olivinha para se manter vivo no jogo. O ala anotou dez pontos e pegou três rebotes, sendo dois ofensivos, na parcial, vencida pela equipe rubro-negra por 20 a 16 (67 a 56).

A reação dos visitantes continuou no último período. Marquinhos, enfim, anotou seus primeiros pontos no jogo. O Flamengo chegou a diminuir para apenas seis pontos, mas, com apoio da torcida, Franca acelerou o ritmo novamente e, apesar de perder por 23 a 21 na parcial, venceu por 88 a 79.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Em casa, Franca supera o Flamengo e iguala série pela final do NBB


23/05/2019 | 22:58


O Franca fez valer o fator casa e deixou tudo igual na série melhor de cinco da final do Novo Basquete Brasil. Nesta quinta-feira, no Pedrocão, onde perdeu apenas uma partida na temporada do NBB, o time do técnico Helinho superou o Flamengo por 88 a 79, na casa do rival.

David Jackson foi bastante efetivo no ataque e terminou como o cestinha da equipe, com 21 pontos. O norte-americano converteu nove de 11 arremessos de quadra, um aproveitamento de 81%. Lucas Dias contribuiu com 19 pontos, enquanto Jimmy fez 12. Pelo lado do Flamengo, Olivinha foi o maior pontuador, com 19 pontos, seguido de Baldi (18) e Varejão (16).

Agora, Franca e Flamengo se enfrentam novamente no sábado, às 14h30, outra vez no Pedrocão, no terceiro jogo da decisão. O quarto jogo será no outro sábado, dia 1º de junho, no Maracanãzinho, no Rio de Janeiro.

As bolas de três pontos foram o destaque do primeiro quarto. Franca foi mais efetiva, acertando 100% das tentativas (5/5), sendo duas com o pivô Hettsheimeir. O Flamengo converteu apenas 4 de 12 (33,3%) e viu o adversário fechar o período com oito pontos de vantagem: 29 a 21.

O time de Franca entrou ainda mais elétrico na segunda parcial e, com uma boa participação de Alexey, que saiu do banco, ampliou sua vantagem. Foram 9 de 14 de três pontos, um excelente aproveitamento de 64,3%. O Flamengo não encontrou resposta para neutralizar o rival e, no ataque, errou demais. Acertou apenas 39,1% dos arremessos. Não à toa, foi para o intervalo perdendo por 51 a 36.

O Flamengo voltou do intervalo completamente diferente. A equipe do técnico Gustavo De Conti fez melhores escolhas no ataque e contou com boa atuação de Olivinha para se manter vivo no jogo. O ala anotou dez pontos e pegou três rebotes, sendo dois ofensivos, na parcial, vencida pela equipe rubro-negra por 20 a 16 (67 a 56).

A reação dos visitantes continuou no último período. Marquinhos, enfim, anotou seus primeiros pontos no jogo. O Flamengo chegou a diminuir para apenas seis pontos, mas, com apoio da torcida, Franca acelerou o ritmo novamente e, apesar de perder por 23 a 21 na parcial, venceu por 88 a 79.

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;