Fechar
Publicidade

Terça-Feira, 25 de Junho

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Setecidades

setecidades@dgabc.com.br | 4435-8319

Metodista e trabalhadores selam acordo que pôs fim à greve

André Henriques/DGABC Diário do Grande ABC - Notícias e informações do Grande ABC: Santo André, São Bernardo, São Caetano, Diadema, Mauá, Ribeirão Pires e Rio Grande da Serra

Do dgabc.com

24/05/2019 | 07:00


 O Sinpro-ABC (Sindicato dos Professores do Grande ABC) e a Universidade Metodista de São Bernardo selaram acordo durante audiência de conciliação realizada no TRT-2 (Tribunal Regional do Trabalho) da 2ª Região na quarta-feira. Os profissionais já haviam encerrado a greve – iniciada em 29 de abril – na segunda-feira, no entanto, aguardavam a formalização das propostas apresentadas pela instituição de ensino superior perante a Justiça.

Com a mediação do vice-presidente judicial, desembargador Rafael Pugliese, a categoria aceitou os termos apresentados pela Metodista. Como parte do acordo, a instituição se obriga a pagar integralmente os salários de abril até o dia 6 de junho, os salários de maio até 30 de junho e os salários de junho até o dia 10 de julho. Compromete-se, também, a não dispensar os empregados, sem justa causa, pelo prazo de 90 dias, ressalvadas as condições específicas previstas na convenção coletiva. A universidade garante que as obrigações assumidas em relação aos trabalhadores representados pelo sindicato serão estendidas a todos os funcionários.

Sobre o FGTS (Fundo de Garantia do Tempo de Serviço), cujo depósito está em atraso desde 2015, ficou definido que a instituição fará novo parcelamento.

 



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Metodista e trabalhadores selam acordo que pôs fim à greve

Do dgabc.com

24/05/2019 | 07:00


 O Sinpro-ABC (Sindicato dos Professores do Grande ABC) e a Universidade Metodista de São Bernardo selaram acordo durante audiência de conciliação realizada no TRT-2 (Tribunal Regional do Trabalho) da 2ª Região na quarta-feira. Os profissionais já haviam encerrado a greve – iniciada em 29 de abril – na segunda-feira, no entanto, aguardavam a formalização das propostas apresentadas pela instituição de ensino superior perante a Justiça.

Com a mediação do vice-presidente judicial, desembargador Rafael Pugliese, a categoria aceitou os termos apresentados pela Metodista. Como parte do acordo, a instituição se obriga a pagar integralmente os salários de abril até o dia 6 de junho, os salários de maio até 30 de junho e os salários de junho até o dia 10 de julho. Compromete-se, também, a não dispensar os empregados, sem justa causa, pelo prazo de 90 dias, ressalvadas as condições específicas previstas na convenção coletiva. A universidade garante que as obrigações assumidas em relação aos trabalhadores representados pelo sindicato serão estendidas a todos os funcionários.

Sobre o FGTS (Fundo de Garantia do Tempo de Serviço), cujo depósito está em atraso desde 2015, ficou definido que a instituição fará novo parcelamento.

 

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;