Fechar
Publicidade

Segunda-Feira, 16 de Setembro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Setecidades

setecidades@dgabc.com.br | 4435-8319

Prefeitura de Mauá cancela Festa Junina por falta de verba

Divulgação / Rodrigo Zerneri Diário do Grande ABC - Notícias e informações do Grande ABC: Santo André, São Bernardo, São Caetano, Diadema, Mauá, Ribeirão Pires e Rio Grande da Serra

Em comunicado, é reiterada a importância de investir em outros setores e o alto valor demandado para arcar com os custos do evento


Lorena S. Ávila
Especial para o Dgabc

23/05/2019 | 17:23


Em comunicado oficial expedido nesta quinta-feira (23), a Prefeitura de Mauá informou que não fará a tradicional festa Junina do município, por falta de verba. Apesar de não ser diretamente responsável pelas atrações, a prefeitura deve arcar com infraestrutura adequada, saneamento básico, segurança, atendimento emergencial, bem como a contratação prévia dos funcionários para atuar nesses setores.

A nota ainda ainda reitera que ''''o momento é delicado” e destaca a prioridade atual da prefeitura, que direciona o orçamento para as áreas de Saúde, Educação, Zeladoria; entre outros. Ainda ressalta que os impostos e taxas pagos pelos munícipes serão “empregados em benefícios de longo prazo”.

LEIA A NOTA NA ÍNTEGRA


COMUNICADO OFICIAL 

Cancelamento da Festa Junina

Devido a contingências de orçamento, comunicamos o cancelamento da tradicional Festa Junina do município deste ano. Queremos, entretanto, ressaltar os motivos para tanto:

- Mesmo não tendo gastos com as atrações, a municipalidade é responsável por oferecer água; luz; limpeza pública; segurança; atendimento emergencial de saúde; e outros serviços;
- Também são de responsabilidade da prefeitura os funcionários de Manutenção, Trânsito, Guarda Civil Municipal (GCM) e Saúde que estariam fazendo horas extraordinárias durante a festa.

Reiteramos que o momento é delicado e que é preciso investir o orçamento da cidade na solução de problemas mais urgentes, como a gestão da Saúde (com compra de remédios e equipamentos para as UBSs, além da contratação de médicos e equipe de enfermagem etc.); a Educação (com manutenção de escolas, uniformes e materiais escolares); Zeladoria; entre outros.

Queremos que o contribuinte tenha seus impostos e taxas empregados em benefícios de longo prazo para o município, entregando para as famílias mais bem-estar e conforto no dia a dia de Mauá. 



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Prefeitura de Mauá cancela Festa Junina por falta de verba

Em comunicado, é reiterada a importância de investir em outros setores e o alto valor demandado para arcar com os custos do evento

Lorena S. Ávila
Especial para o Dgabc

23/05/2019 | 17:23


Em comunicado oficial expedido nesta quinta-feira (23), a Prefeitura de Mauá informou que não fará a tradicional festa Junina do município, por falta de verba. Apesar de não ser diretamente responsável pelas atrações, a prefeitura deve arcar com infraestrutura adequada, saneamento básico, segurança, atendimento emergencial, bem como a contratação prévia dos funcionários para atuar nesses setores.

A nota ainda ainda reitera que ''''o momento é delicado” e destaca a prioridade atual da prefeitura, que direciona o orçamento para as áreas de Saúde, Educação, Zeladoria; entre outros. Ainda ressalta que os impostos e taxas pagos pelos munícipes serão “empregados em benefícios de longo prazo”.

LEIA A NOTA NA ÍNTEGRA


COMUNICADO OFICIAL 

Cancelamento da Festa Junina

Devido a contingências de orçamento, comunicamos o cancelamento da tradicional Festa Junina do município deste ano. Queremos, entretanto, ressaltar os motivos para tanto:

- Mesmo não tendo gastos com as atrações, a municipalidade é responsável por oferecer água; luz; limpeza pública; segurança; atendimento emergencial de saúde; e outros serviços;
- Também são de responsabilidade da prefeitura os funcionários de Manutenção, Trânsito, Guarda Civil Municipal (GCM) e Saúde que estariam fazendo horas extraordinárias durante a festa.

Reiteramos que o momento é delicado e que é preciso investir o orçamento da cidade na solução de problemas mais urgentes, como a gestão da Saúde (com compra de remédios e equipamentos para as UBSs, além da contratação de médicos e equipe de enfermagem etc.); a Educação (com manutenção de escolas, uniformes e materiais escolares); Zeladoria; entre outros.

Queremos que o contribuinte tenha seus impostos e taxas empregados em benefícios de longo prazo para o município, entregando para as famílias mais bem-estar e conforto no dia a dia de Mauá. 

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;