Fechar
Publicidade

Domingo, 20 de Outubro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Política

politica@dgabc.com.br | 4435-8391

Governo avalia revogar MP para garantir votação da reforma administrativa



21/05/2019 | 23:32


A líder do governo no Congresso, deputada Joice Hasselmann (PSL-SP), afirmou nesta terça-feira que o governo trabalha com a possibilidade de ter que revogar a medida provisória 866, que trata da criação da empresa de navegação Nav Brasil, caso ela atrapalhe a votação de outra MP, a 870, que organizou os ministérios da gestão do presidente Jair Bolsonaro.

De acordo com Hasselmann, o plenário da Câmara tentará votar a MP da Nav logo após a conclusão da votação da MP 863, que autoriza o investimento de até 100% de capital estrangeiro nas companhias aéreas brasileiras. Os governistas, no entanto, irão "sentir a temperatura" do plenário e, se avaliarem que a discussão sobre a Nav pode se estender, acionarão o governo para que ele revogue a medida.

"A prioridade número 1 do governo neste momento é aprovar a MP 870 e temos que votá-la aqui até amanhã", disse. A previsão é de que o plenário da Câmara comece a votar a medida nesta quarta. Se for aprovada, seguirá para análise do Senado.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Governo avalia revogar MP para garantir votação da reforma administrativa


21/05/2019 | 23:32


A líder do governo no Congresso, deputada Joice Hasselmann (PSL-SP), afirmou nesta terça-feira que o governo trabalha com a possibilidade de ter que revogar a medida provisória 866, que trata da criação da empresa de navegação Nav Brasil, caso ela atrapalhe a votação de outra MP, a 870, que organizou os ministérios da gestão do presidente Jair Bolsonaro.

De acordo com Hasselmann, o plenário da Câmara tentará votar a MP da Nav logo após a conclusão da votação da MP 863, que autoriza o investimento de até 100% de capital estrangeiro nas companhias aéreas brasileiras. Os governistas, no entanto, irão "sentir a temperatura" do plenário e, se avaliarem que a discussão sobre a Nav pode se estender, acionarão o governo para que ele revogue a medida.

"A prioridade número 1 do governo neste momento é aprovar a MP 870 e temos que votá-la aqui até amanhã", disse. A previsão é de que o plenário da Câmara comece a votar a medida nesta quarta. Se for aprovada, seguirá para análise do Senado.

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;