Fechar
Publicidade

Sexta-Feira, 19 de Julho

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Política

politica@dgabc.com.br | 4435-8391

Vidoski se encontra com Bruno Covas na Capital

Divulgação Diário do Grande ABC - Notícias e informações do Grande ABC: Santo André, São Bernardo, São Caetano, Diadema, Mauá, Ribeirão Pires e Rio Grande da Serra

Prefeito em exercício de S.Caetano trata de problemas relacionados à divisa das cidades


Fábio Martins
Do Diário do Grande ABC

22/05/2019 | 07:00


Prefeito em exercício de São Caetano, Beto Vidoski (PSDB) esteve ontem no gabinete do prefeito da Capital, Bruno Covas (PSDB), para tratar de problemas relacionados à divisa das cidades. Segundo Vidoski, a agenda envolveu a tentativa de solução de pequeno alagamento que se forma em uma ponte próxima à Avenida Almirante Delamare e também sobre falta de acesso aos prédios que ficam perto da divisa da Avenida Guido Aliberti com o bairro paulistano São João Clímaco.

“O Bruno e eu somos amigos dentro do PSDB de longa data. O Bruno me recebeu em caráter de prefeito para prefeito, mas a cordialidade foi pela amizade de longa data. Dentro do PSDB tenho certeza que ele tem tudo para ser o candidato a prefeito à reeleição de São Paulo, mas preferimos não tratar de temas partidários hoje (ontem) na reunião. Focamos naquilo que necessariamente tem que ser resolvido”, comentou Vidoski.

O prefeito em exercício de São Caetano disse que Covas acolheu as demandas apontadas e deliberou para que o departamento técnico faça estudos visando solução dos casos. Para ele, a construção de galeria de 300 metros solucionaria o impasse na Avenida Almirante Delamare. Sobre a via que dará acesso aos prédios, Vidoski pontuou que o objetivo é evitar “problema iminente”, uma vez que a única opção hoje empurra o trânsito para São Caetano.

Ao fim da agenda, Bruno Covas não concedeu entrevista. Apenas gravou vídeo, postado nas redes sociais, sintetizando o encontro. “Dizer que essa atuação conjunta entre São Paulo e as outras cidades da Região Metropolitana é essencial. Não adianta São Caetano mandar o trânsito para um lugar e São Paulo levar para outro. A questão da macrodrenagem é outro. A água não vai respeitar a divisa de território”, disse, no vídeo. 



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Vidoski se encontra com Bruno Covas na Capital

Prefeito em exercício de S.Caetano trata de problemas relacionados à divisa das cidades

Fábio Martins
Do Diário do Grande ABC

22/05/2019 | 07:00


Prefeito em exercício de São Caetano, Beto Vidoski (PSDB) esteve ontem no gabinete do prefeito da Capital, Bruno Covas (PSDB), para tratar de problemas relacionados à divisa das cidades. Segundo Vidoski, a agenda envolveu a tentativa de solução de pequeno alagamento que se forma em uma ponte próxima à Avenida Almirante Delamare e também sobre falta de acesso aos prédios que ficam perto da divisa da Avenida Guido Aliberti com o bairro paulistano São João Clímaco.

“O Bruno e eu somos amigos dentro do PSDB de longa data. O Bruno me recebeu em caráter de prefeito para prefeito, mas a cordialidade foi pela amizade de longa data. Dentro do PSDB tenho certeza que ele tem tudo para ser o candidato a prefeito à reeleição de São Paulo, mas preferimos não tratar de temas partidários hoje (ontem) na reunião. Focamos naquilo que necessariamente tem que ser resolvido”, comentou Vidoski.

O prefeito em exercício de São Caetano disse que Covas acolheu as demandas apontadas e deliberou para que o departamento técnico faça estudos visando solução dos casos. Para ele, a construção de galeria de 300 metros solucionaria o impasse na Avenida Almirante Delamare. Sobre a via que dará acesso aos prédios, Vidoski pontuou que o objetivo é evitar “problema iminente”, uma vez que a única opção hoje empurra o trânsito para São Caetano.

Ao fim da agenda, Bruno Covas não concedeu entrevista. Apenas gravou vídeo, postado nas redes sociais, sintetizando o encontro. “Dizer que essa atuação conjunta entre São Paulo e as outras cidades da Região Metropolitana é essencial. Não adianta São Caetano mandar o trânsito para um lugar e São Paulo levar para outro. A questão da macrodrenagem é outro. A água não vai respeitar a divisa de território”, disse, no vídeo. 

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;