Fechar
Publicidade

Sexta-Feira, 18 de Outubro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

|

São Caetano perde o professor Oscar Garbelotto


Ademir Medici
Do Diário do Grande ABC

21/05/2019 | 11:48


Faleceu hoje (terça-feira, dia 21), aos 30 minutos da madrugada, no Hospital Oswaldo Cruz, em São Paulo, o professor e advogado Oscar Garbelotto, de São Caetano, de 86 anos. Ele foi o primeiro diretor de Educação e Cultura da Prefeitura (cargo equivalente ao de secretário municipal) e presidente da Fundação das Artes e da Fundação Pró-Memória. Seu corpo está sendo velado na Ossel da Avenida Goiás, 459, e o sepultamento se dará às 16h de hoje (terça-feira, dia 21), no Cemitério São Caetano, em Vila Paula.


Professor e diretor geral do IMES (Instituto Municipal de Ensino Superior, raiz da atual USCS, Universidade São Caetano do Sul), Oscar Garbelotto sempre esteve ligado aos campos educacional, cultural e de memória.


Amava a história da cidade de São Caetano, por ele sempre cultivada, divulgada, animada. Projetos como o Museu Municipal, a Fundação Pró-Memória e a revista “Raízes” tiveram na retaguarda a figura de Oscar Garbelotto. “Raízes”, por exemplo, a reunião dos artigos que ele escreveu para a revista daria um belo livro de memória.


Os anais do São Caetano EC foram preservados pelo Dr. Oscar Garbelotto – aqueles livros antigos de atas, com a caligrafia dos antepassados, poderiam se perder, não fosse a sua ação preservacionista.


Mais recentemente, a Memória da Universidade de São Caetano do Sul se organizou a partir dos registros que o Dr. Garbelotto guardou dos tempos do IMES.

A morte de um dos fundadores do Pé da Bola do Aramaçan

Faleceu ontem (segunda-feira, dia 20), em Santo André, José Novella Netto, aos 96 anos, um dos mais antigos associados do Clube Atlético Aramaçan – associou-se em 1940 - e um dos fundadores, em 1943, do Pé Na Bola, o mais tradicional campeonato do clube. Seu corpo está sendo velado no Cemitério da Saudade, em Vila Assunção, onde será sepultado hoje (terça-feira, dia 21), às 15h.


Em sua homenagem, o Aramaçan deu o nome de José Novella Netto a um dos seus campos de futebol.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

São Caetano perde o professor Oscar Garbelotto

Ademir Medici
Do Diário do Grande ABC

21/05/2019 | 11:48


Faleceu hoje (terça-feira, dia 21), aos 30 minutos da madrugada, no Hospital Oswaldo Cruz, em São Paulo, o professor e advogado Oscar Garbelotto, de São Caetano, de 86 anos. Ele foi o primeiro diretor de Educação e Cultura da Prefeitura (cargo equivalente ao de secretário municipal) e presidente da Fundação das Artes e da Fundação Pró-Memória. Seu corpo está sendo velado na Ossel da Avenida Goiás, 459, e o sepultamento se dará às 16h de hoje (terça-feira, dia 21), no Cemitério São Caetano, em Vila Paula.


Professor e diretor geral do IMES (Instituto Municipal de Ensino Superior, raiz da atual USCS, Universidade São Caetano do Sul), Oscar Garbelotto sempre esteve ligado aos campos educacional, cultural e de memória.


Amava a história da cidade de São Caetano, por ele sempre cultivada, divulgada, animada. Projetos como o Museu Municipal, a Fundação Pró-Memória e a revista “Raízes” tiveram na retaguarda a figura de Oscar Garbelotto. “Raízes”, por exemplo, a reunião dos artigos que ele escreveu para a revista daria um belo livro de memória.


Os anais do São Caetano EC foram preservados pelo Dr. Oscar Garbelotto – aqueles livros antigos de atas, com a caligrafia dos antepassados, poderiam se perder, não fosse a sua ação preservacionista.


Mais recentemente, a Memória da Universidade de São Caetano do Sul se organizou a partir dos registros que o Dr. Garbelotto guardou dos tempos do IMES.

A morte de um dos fundadores do Pé da Bola do Aramaçan

Faleceu ontem (segunda-feira, dia 20), em Santo André, José Novella Netto, aos 96 anos, um dos mais antigos associados do Clube Atlético Aramaçan – associou-se em 1940 - e um dos fundadores, em 1943, do Pé Na Bola, o mais tradicional campeonato do clube. Seu corpo está sendo velado no Cemitério da Saudade, em Vila Assunção, onde será sepultado hoje (terça-feira, dia 21), às 15h.


Em sua homenagem, o Aramaçan deu o nome de José Novella Netto a um dos seus campos de futebol.

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;