Fechar
Publicidade

Quinta-Feira, 20 de Junho

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Setecidades

setecidades@dgabc.com.br | 4435-8319

Mulher é morta a facadas em Diadema

Ieda Alvin Lino foi encontrada ferida na Rua João Ramalho, no bairro Casa Grande, mas não resistiu aos ferimentos; marido é suspeito


Yara Ferraz
Do dgabc.com.br

18/05/2019 | 18:38


A autônoma Ieda Alvin Lino, 42 anos, foi morta com golpes de faca no bairro Casa Grande, em Diadema, na noite de sexta-feira. De acordo com testemunhas, o autor do crime fugiu em um Celta. O marido da vítima é um dos suspeitos.

De acordo com informações da SSP (Secretaria de Segurança Pública) do Estado, a vítima foi encontrada por volta das 21h por policiais militares que foram destacados para atender outra ocorrência. Ela estava caída na Rua João Ramalho com ferimentos causados por faca. O Samu (Serviço de Atendimento Móvel de Urgência) foi acionado, mas Ieda não resistiu.

O marido da vítima é suspeito do crime e está sob investigado. O caso foi registrado como homicídio simples no 3º DP (Taboão). A SSP informou, por meio de nota, que o caso foi "encaminhado ao setor de homicídios, que ouviu testemunhas e está com diligências em andamento para identificar e prender o autor do crime."
 



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Mulher é morta a facadas em Diadema

Ieda Alvin Lino foi encontrada ferida na Rua João Ramalho, no bairro Casa Grande, mas não resistiu aos ferimentos; marido é suspeito

Yara Ferraz
Do dgabc.com.br

18/05/2019 | 18:38


A autônoma Ieda Alvin Lino, 42 anos, foi morta com golpes de faca no bairro Casa Grande, em Diadema, na noite de sexta-feira. De acordo com testemunhas, o autor do crime fugiu em um Celta. O marido da vítima é um dos suspeitos.

De acordo com informações da SSP (Secretaria de Segurança Pública) do Estado, a vítima foi encontrada por volta das 21h por policiais militares que foram destacados para atender outra ocorrência. Ela estava caída na Rua João Ramalho com ferimentos causados por faca. O Samu (Serviço de Atendimento Móvel de Urgência) foi acionado, mas Ieda não resistiu.

O marido da vítima é suspeito do crime e está sob investigado. O caso foi registrado como homicídio simples no 3º DP (Taboão). A SSP informou, por meio de nota, que o caso foi "encaminhado ao setor de homicídios, que ouviu testemunhas e está com diligências em andamento para identificar e prender o autor do crime."
 

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;