Fechar
Publicidade

Terça-Feira, 15 de Outubro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Esportes

esportes@dgabc.com.br | 4435-8384

Scheidt perde liderança no penúltimo dia do Europeu da classe Star



18/05/2019 | 17:34


Robert Scheidt perdeu a liderança do Campeonato Europeu da classe Star no penúltimo dia de disputas em Riva Del Garda, norte da Itália. Neste sábado, após a realização de duas regatas, ele e o proeiro Henry Boening, o Maguila, deixaram a ponta escapar para o polonês Mateusz Kusznierewicz e o português Frederico Melo.

Scheidt e Maguila ficaram na quarta e na sétima colocações nas regatas disputadas neste sábado, passando a acumular 25 pontos perdidos. Kusznierewicz e Melo, por sua vez, terminaram na primeira e na terceira posição, somando 20 pontos perdidos, agora na liderança entre as 90 embarcações participantes.

"Hoje eles estavam inspirados, acertaram tudo. Na primeira regata ainda tivemos chances de ganhar deles, mas demoramos para dar um jibe (mudar a direção da proa no vento a favor) e eles abriram vantagem. Seguramos mais a largada, precavidos pela escapada de ontem. Largamos mal, mas recuperamos no primeiro contravento. Também não largamos bem na segunda regata. O começo foi bem difícil, mas apesar do tráfego fizemos o melhor possível", explicou Scheidt.

A nona e a décima regatas da etapa do Europeu da Star serão realizadas no domingo e vão determinar os dez participantes das fases decisivas - quartas de final, semifinal e final. O primeiro colocado da classificação geral só participa da final, enquanto o segundo começa das semifinais.

Mesmo tendo perdido a liderança, Scheidt mantém o otimismo para o último dia do Europeu de Star. "Nesta noite deve esfriar nas montanhas, o que aumenta a chance de um vento norte mais forte na manhã deste domingo. Seguimos confiantes em velejar bem aqui no Lago Di Garda e lutar pelo pódio. Sabemos que a competição é muito forte, mas vamos seguir lutando até o final", completou o brasileiro.

Antes do evento na Itália, o brasileiro disputou o Troféu Princesa Sofia e a Semana de Vela de Hyères e ficou fora da medal race em ambas. O Europeu de Star faz parte da preparação de Scheidt para buscar uma vaga nos Jogos de Tóquio.

A sua competição seguinte vai ser no Japão, onde, a partir de 3 de julho, participará do Campeonato Mundial na Classe Laser, na mesma raia das regatas da Olimpíada. Ele ainda deve voltar para Tóquio em agosto, para participar do evento-teste dos Jogos de 2020.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Scheidt perde liderança no penúltimo dia do Europeu da classe Star


18/05/2019 | 17:34


Robert Scheidt perdeu a liderança do Campeonato Europeu da classe Star no penúltimo dia de disputas em Riva Del Garda, norte da Itália. Neste sábado, após a realização de duas regatas, ele e o proeiro Henry Boening, o Maguila, deixaram a ponta escapar para o polonês Mateusz Kusznierewicz e o português Frederico Melo.

Scheidt e Maguila ficaram na quarta e na sétima colocações nas regatas disputadas neste sábado, passando a acumular 25 pontos perdidos. Kusznierewicz e Melo, por sua vez, terminaram na primeira e na terceira posição, somando 20 pontos perdidos, agora na liderança entre as 90 embarcações participantes.

"Hoje eles estavam inspirados, acertaram tudo. Na primeira regata ainda tivemos chances de ganhar deles, mas demoramos para dar um jibe (mudar a direção da proa no vento a favor) e eles abriram vantagem. Seguramos mais a largada, precavidos pela escapada de ontem. Largamos mal, mas recuperamos no primeiro contravento. Também não largamos bem na segunda regata. O começo foi bem difícil, mas apesar do tráfego fizemos o melhor possível", explicou Scheidt.

A nona e a décima regatas da etapa do Europeu da Star serão realizadas no domingo e vão determinar os dez participantes das fases decisivas - quartas de final, semifinal e final. O primeiro colocado da classificação geral só participa da final, enquanto o segundo começa das semifinais.

Mesmo tendo perdido a liderança, Scheidt mantém o otimismo para o último dia do Europeu de Star. "Nesta noite deve esfriar nas montanhas, o que aumenta a chance de um vento norte mais forte na manhã deste domingo. Seguimos confiantes em velejar bem aqui no Lago Di Garda e lutar pelo pódio. Sabemos que a competição é muito forte, mas vamos seguir lutando até o final", completou o brasileiro.

Antes do evento na Itália, o brasileiro disputou o Troféu Princesa Sofia e a Semana de Vela de Hyères e ficou fora da medal race em ambas. O Europeu de Star faz parte da preparação de Scheidt para buscar uma vaga nos Jogos de Tóquio.

A sua competição seguinte vai ser no Japão, onde, a partir de 3 de julho, participará do Campeonato Mundial na Classe Laser, na mesma raia das regatas da Olimpíada. Ele ainda deve voltar para Tóquio em agosto, para participar do evento-teste dos Jogos de 2020.

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;