Fechar
Publicidade

Sexta-Feira, 15 de Novembro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Esportes

esportes@dgabc.com.br | 4435-8384

Gabardo vê última chance contra Tubarão

Fabrício Cortinove/ AD São Caetano/ Divulgação Diário do Grande ABC - Notícias e informações do Grande ABC: Santo André, São Bernardo, São Caetano, Diadema, Mauá, Ribeirão Pires e Rio Grande da Serra

Técnico lamenta vacilo nos dois primeiros jogos e põe pressão para definição em casa


Anderson Fattori
Do Diário do Grande ABC

14/05/2019 | 07:00


O São Caetano tem uma semana inteira para treinar antes de decidir o futuro na Série D do Brasileiro. Com duas derrotas nos dois primeiros jogos, o time vê o confronto diante do Tubarão-SC, às 16h de sábado, no Estádio Anacleto Campanella, como espécie de decisão.

Por mais que outro tropeço não elimina matematicamente o Azulão, o técnico Luiz Gabardo assume que qualquer resultado que não seja a vitória vai deixar o time praticamente sem chances de terminar na liderança do grupo ou entre os 15 melhores segundos colocados somadas as 17 chaves.

“Vacilamos nas duas primeiras rodadas, então todo jogo agora passa a ser decisivo. Se perdemos em casa para o Tubarão, praticamente estamos fora da disputa pela classificação. Não podemos errar, o nível de concentração precisa aumentar. Necessitamos de semana muito boa de trabalhos para encarar essas próximas decisões”, analisou Gabardo.

O treinador destacou a enorme reformulação que passou o elenco desde o rebaixamento para a Série A-2 do Paulista. “Acredito que os nossos jogadores pouco mais experientes conseguem assimilar bem essa situação (mudança de competição). Mudou o campeonato, mudou o treinador, assim como o grupo passou por reformulação. A gente sabe das dificuldades, pois o São Caetano há muito tempo não participava de um campeonato nacional. Sendo assim, precisamos tentar tranquilizar os meninos para fazer nos jogos aquilo que está sendo treinado”, explicou Gabardo.

A última vez em que o Azulão disputou a Série D do Brasileiro foi em 2015, quando chegou às quartas de final, sendo eliminado pelo Botafogo de Ribeirão Preto.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Gabardo vê última chance contra Tubarão

Técnico lamenta vacilo nos dois primeiros jogos e põe pressão para definição em casa

Anderson Fattori
Do Diário do Grande ABC

14/05/2019 | 07:00


O São Caetano tem uma semana inteira para treinar antes de decidir o futuro na Série D do Brasileiro. Com duas derrotas nos dois primeiros jogos, o time vê o confronto diante do Tubarão-SC, às 16h de sábado, no Estádio Anacleto Campanella, como espécie de decisão.

Por mais que outro tropeço não elimina matematicamente o Azulão, o técnico Luiz Gabardo assume que qualquer resultado que não seja a vitória vai deixar o time praticamente sem chances de terminar na liderança do grupo ou entre os 15 melhores segundos colocados somadas as 17 chaves.

“Vacilamos nas duas primeiras rodadas, então todo jogo agora passa a ser decisivo. Se perdemos em casa para o Tubarão, praticamente estamos fora da disputa pela classificação. Não podemos errar, o nível de concentração precisa aumentar. Necessitamos de semana muito boa de trabalhos para encarar essas próximas decisões”, analisou Gabardo.

O treinador destacou a enorme reformulação que passou o elenco desde o rebaixamento para a Série A-2 do Paulista. “Acredito que os nossos jogadores pouco mais experientes conseguem assimilar bem essa situação (mudança de competição). Mudou o campeonato, mudou o treinador, assim como o grupo passou por reformulação. A gente sabe das dificuldades, pois o São Caetano há muito tempo não participava de um campeonato nacional. Sendo assim, precisamos tentar tranquilizar os meninos para fazer nos jogos aquilo que está sendo treinado”, explicou Gabardo.

A última vez em que o Azulão disputou a Série D do Brasileiro foi em 2015, quando chegou às quartas de final, sendo eliminado pelo Botafogo de Ribeirão Preto.

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;