Fechar
Publicidade

Quinta-Feira, 20 de Junho

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Economia

soraiapedrozo@dgabc.com.br | 4435-8057

Comércio aposta nas vendas de última hora

Nario Barbosa Diário do Grande ABC - Notícias e informações do Grande ABC: Santo André, São Bernardo, São Caetano, Diadema, Mauá, Ribeirão Pires e Rio Grande da Serra

Para tentar mudar cenário de pé no freio do consumo, lojas ficam abertas hoje até mais tarde


Yara Ferraz
Do Diário do Grande ABC

11/05/2019 | 09:05


O comércio de rua do Grande ABC projeta vender até mais 8% neste Dia das Mães, celebrado amanhã, em relação ao ano passado. A expectativa mais modesta é fruto do índice de confiança do consumidor, que segue em baixa, abalado principalmente por conta da lenta recuperação da economia brasileira e do persistente desemprego. Na tentativa de reverter o cenário, centros comerciais e lojas da região permanecem hoje com as portas abertas até mais tarde, confiantes na movimentação de última hora.

A previsão de crescimento de 6% a 8% nas vendas é da Acisbec (Associação Comercial e Industrial de São Bernardo). O comércio de rua da cidade vai funcionar até as 22h hoje, diferentemente do que acontece diariamente, até as 18h. “A confiança do consumidor continua abalada. Havia expectativa de que o aumento de confiabilidade acontecesse já no primeiro trimestre, o que não foi demonstrado. Mesmo assim, o Dia das Mães é a segunda data mais importante do ano (perde apenas para o Natal) para o comércio e continua sendo muito significativa, principalmente para alguns segmentos, como floricultura, eletrodomésticos e celulares. É uma data que o comércio de modo geral se beneficia”, afirmou o presidente Valter Moura.

Em Santo André, a estimativa é a de que as lojas vendam até 5% mais na data. “Ainda estamos em processo lento de recuperação, e tivemos um primeiro trimestre ruim para a economia”, pontuou o presidente da Acisa (Associação Comercial e Industrial de Santo André), Pedro Cia Júnior.

Na Cel. Oliveira Lima, uma das ruas mais populares para as compras na cidade, as lojas devem abrir normalmente até as 19h. Porém, de acordo com o presidente da Sol (Sociedade Oliveira Lima e Região) Djalma Lima, os clientes andam com o “pé no freio”. “As pessoas estão comprando menos. Deu uma caída de 2% em relação ao ano passado. A nossa esperança é amanhã (hoje), já que o sábado é sempre melhor para os consumidores. Esperamos fluxo de circulação de pessoas entre 10% e 15% maior em relação aos dias normais”, destacou Lima.

O comércio de Diadema aposta no sorteio de duas viagens (Porto de Galinhas e Florianópolis) para atrair compradores. “Isso, sem dúvida, atrai mais público para as lojas participantes e incentiva as pessoas a consumirem mais”, afirmou a presidente da ACE (Associação Comercial e Empresarial) Diadema, Vera Lucia Rocha. “Desta forma, esperamos, no mínimo, um aumento de 15% na movimentação do comércio local. As pessoas estão mais otimistas e temos percebido uma circulação ainda maior nas ruas e nos shoppings”, completou.

SHOPPING - O Grand Plaza Shopping, localizado em Santo André, também vai adotar horário especial de funcionamento hoje, mirando os consumidores que deixaram as compras para a última hora. Todas as lojas – incluindo a área de alimentação – e quiosques estarão abertos das 10h às 23h. Amanhã, na data, o período de funcionamento será das 14h às 20h.
 



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Comércio aposta nas vendas de última hora

Para tentar mudar cenário de pé no freio do consumo, lojas ficam abertas hoje até mais tarde

Yara Ferraz
Do Diário do Grande ABC

11/05/2019 | 09:05


O comércio de rua do Grande ABC projeta vender até mais 8% neste Dia das Mães, celebrado amanhã, em relação ao ano passado. A expectativa mais modesta é fruto do índice de confiança do consumidor, que segue em baixa, abalado principalmente por conta da lenta recuperação da economia brasileira e do persistente desemprego. Na tentativa de reverter o cenário, centros comerciais e lojas da região permanecem hoje com as portas abertas até mais tarde, confiantes na movimentação de última hora.

A previsão de crescimento de 6% a 8% nas vendas é da Acisbec (Associação Comercial e Industrial de São Bernardo). O comércio de rua da cidade vai funcionar até as 22h hoje, diferentemente do que acontece diariamente, até as 18h. “A confiança do consumidor continua abalada. Havia expectativa de que o aumento de confiabilidade acontecesse já no primeiro trimestre, o que não foi demonstrado. Mesmo assim, o Dia das Mães é a segunda data mais importante do ano (perde apenas para o Natal) para o comércio e continua sendo muito significativa, principalmente para alguns segmentos, como floricultura, eletrodomésticos e celulares. É uma data que o comércio de modo geral se beneficia”, afirmou o presidente Valter Moura.

Em Santo André, a estimativa é a de que as lojas vendam até 5% mais na data. “Ainda estamos em processo lento de recuperação, e tivemos um primeiro trimestre ruim para a economia”, pontuou o presidente da Acisa (Associação Comercial e Industrial de Santo André), Pedro Cia Júnior.

Na Cel. Oliveira Lima, uma das ruas mais populares para as compras na cidade, as lojas devem abrir normalmente até as 19h. Porém, de acordo com o presidente da Sol (Sociedade Oliveira Lima e Região) Djalma Lima, os clientes andam com o “pé no freio”. “As pessoas estão comprando menos. Deu uma caída de 2% em relação ao ano passado. A nossa esperança é amanhã (hoje), já que o sábado é sempre melhor para os consumidores. Esperamos fluxo de circulação de pessoas entre 10% e 15% maior em relação aos dias normais”, destacou Lima.

O comércio de Diadema aposta no sorteio de duas viagens (Porto de Galinhas e Florianópolis) para atrair compradores. “Isso, sem dúvida, atrai mais público para as lojas participantes e incentiva as pessoas a consumirem mais”, afirmou a presidente da ACE (Associação Comercial e Empresarial) Diadema, Vera Lucia Rocha. “Desta forma, esperamos, no mínimo, um aumento de 15% na movimentação do comércio local. As pessoas estão mais otimistas e temos percebido uma circulação ainda maior nas ruas e nos shoppings”, completou.

SHOPPING - O Grand Plaza Shopping, localizado em Santo André, também vai adotar horário especial de funcionamento hoje, mirando os consumidores que deixaram as compras para a última hora. Todas as lojas – incluindo a área de alimentação – e quiosques estarão abertos das 10h às 23h. Amanhã, na data, o período de funcionamento será das 14h às 20h.
 

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;