Fechar
Publicidade

Domingo, 20 de Outubro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Turismo

turismo@dgabc.com.br | 4435-8367

Universo de belezas naturais

Privilegiada pela natureza, Brotas se recicla e oferece opções que vão além do ecoturismo


Daniel Macário
Do Diário do Grande ABC

02/05/2019 | 07:00


Montanhas imponentes, águas cristalinas e a beleza exuberante do Rio Jacaré-Pepira. Isso sem contar os visuais capazes de dispensar o uso de qualquer tipo de retoque nas fotografias de recordação. Com atrativos para todos os gostos, Brotas está sempre pronta para encantar novos visitantes a todo o momento com sua riqueza de belezas naturais.

Afinal, engana-se quem pensa que a cidade, localizada a cerca de 260 km da Capital, oferece apenas o chamado ecoturismo. Quem souber apreciar seus encantos, diga-se de passagem um show à parte no Interior de São Paulo, vai entender que, atrás de toda aventura que envolve o destino, a simplicidade pode ser o grande diferencial.

A natureza é a principal atração aos visitantes. São diversas trilhas e 20 cachoeiras de águas claras e refrescantes, cada uma com um atrativo e charme diferentes. Uma das mais visitadas é a cachoeira Cassarova, localizada no ecoparque que leva o mesmo nome. Um dos cartões postais da cidade, ela possui 60 metros de altura e ainda conta com uma piscina refrescante para banho.

Não muito distante dali, Brotas tem um dos seus principais tesouros da natureza, a nascente da Areia que Canta, um fervedouro em que o turista conhece de perto como a água brota do solo. A origem do nome do lugar está no fato que a fricção da areia da nascente por mãos habilidosas produz som de cuíca. As paisagens são incríveis graças ao relevo assimétrico das cuestas, com encostas cobertas de Mata Atlântica e pedras de arenito que afloram em meio à vegetação de cerrado. A sensação dos visitantes é de estar no paraíso. O Rio Jacaré-Pepira, cujas águas no trecho que corta o município tem 89% de pureza, completa o belo cenário e amplia as opções de lazer.

E se o objetivo é aproveitar o período de descanso para voltar à rotina de alma lavada, Brotas é a solução ideal. Além dos revigorantes banhos de cachoeiras, ainda é possível desfrutar do contato direto com a natureza com mirante espalhados pela cidade, cenário perfeito para o repouso.

Outra opção é o turismo rural. Algumas fazendas e sítios abrem suas portas aos turistas para desfrutar da possibilidade de acompanhar a rotina do Interior, com passeios em charretes, colheita de frutas (como laranjas), fabricação de laticínios e ainda experiência gastronômica de provar alimentos produzidos na hora. No passeio ainda é possível andar em fazendas ao lado de coelhos, maritacas e outros bichos criados em pousadas e hotéis.

A cidade, que completa 180 anos na segunda-feira, conta neste mês de maio com programação especial de aniversário com a Festa da Santa Cruz. O evento é uma tradição para seus habitantes é aguardado na cidade durante o ano todo. Na oportunidade, comerciantes locais expõem seus produtos ao lado da igreja matriz do município, que ganha ainda um grande parque de diversões, com brinquedos e apresentações de artistas locais.

Reconhecida desde 2014 como Estância Turística, Brotas é atualmente referência no que diz respeito ao turismo sustentável. Exemplo disso é a criação, em 2015, da Lei do Voucher Turístico, que determina o uso de pulseiras por todos os visitantes.

O uso do acessório, além de ajudar a saber quais as preferências dos turistas, tem diminuindo o impacto ambiental causado pelas atividades na natureza, graças ao controle de acesso a cachoeiras e trilhas. Por lei, metade dos recursos vai para o custeio do sistema, o que inclui a confecção da pulseirinha, e a outra metade para um fundo municipal para ser investido exclusivamente no turismo.

O jornalista viajou a convite da Secretaria de Turismo de Brotas

Novos empreendimentos mudam cenário da cidade

Quando se fala em viagem para Brotas, a primeira coisa que vem à mente são as atividades de aventura. É bem verdade que existe muito disso por lá, mas a construção de novos empreendimentos tem dado novo impulso para a cidade de aproximadamente 24 mil habitantes.

O turista que visitou Brotas há mais uma década e retorna agora percebe rapidamente essa evolução do destino.

Um exemplo dessa realidade é a piscina semiolímpica com borda infinita construída no fim do ano passado no Ecoparque Recanto das Cachoeiras, com vista para um vale de encostas de vegetação preservada de tirar o fôlego.

A piscina, de 500 mil litros de água, tem área que simula correnteza e cachoeira. Do lado ainda é possível desfrutar de spa com hidromassagem ao ar livre. Para acessar o espaço, turistas podem comprar bilhete de day use do estabelecimento com valores que variam de R$ 70 a R$ 90 para adultos, dependendo do dia da semana.

Antenados no crescimento do turismo local, que chega a ultrapassar a marca de 300 mil visitantes anuais, alguns ecoparques têm estendido sua atuação. Se antes ofereciam apenas atividades de aventura, agora já é possível encontrar ótimas opções de hospedagem. Apostando nessa tendência, o Ecoparque Cassorova promete inaugurar ainda nesta temporada uma área destinada a hospedagem em cabanas instaladas a poucos passos de uma das suas principais atrações: duas tirolesas com altura de 110 metros sobre a cachoeira que leva o nome do parque.

Brotas, a terra da aventura e da diversão

Está justamente nas corredeiras do Rio Jacaré-Pepira, um dos grandes patrimônios de Brotas, que acontece a principal atração da cidade: o rafting. A atividade custa em média R$ 130. O trajeto de dez quilômetros tem cerca de uma hora e meia de duração, que intercala as corredeiras com pontos de mais tranquilidades, quando é possível observar a fauna local, até momentos de mais emoção, com árduo trabalho em equipe para superar as adversidades do mar.

As trilhas também são ótimas opções para quem deseja curtir a natureza e se aventurar em tirolesas com vista única para da cidade. O Voo do Poção, instalado em ecoparque que leva o mesmo nome é um desses exemplos. Em percurso de 1.000 metros é possível desfrutar de vista privilegiada da área verde e sua fauna.

No mesmo local, para quem também quer emoção, a sugestão fica por conta da SkyRides, uma tirolesa em curva, que em alguns momentos chega a lembrar uma montanha russa.

No local, ainda é possível fazer o percurso do primeiro arvorismo montado no Brasil, em 2001. São 34 obstáculos suspensos com dificuldades variadas, dividido em três sessões. Ao final de cada uma há uma tirolesa entre as árvores.

Na cidade há ainda a atração de canionismo, que nada mais é uma descida de rapel em cachoeiras, é uma experiência única para amantes de aventuras. A escalada e rapel, em plataformas de até 15 metros, completam o cardápio de aventura.

Além das atividades mais radicais, vale a pena aproveitar os passeios de quadriciclo por estrada de terra e terrenos de fazendas, em trajeto sem maiores dificuldades para qualquer iniciante. Na cidade ainda é possível fazer passeios a cavalo oferecido por alguns ecoparques.

Para crianças e jovens, as opções são o mini rafting, numa descida leve no Rio Jacaré, além das atividades do boiacross e a flutuação, ambas realizadas nas águas do mesmo rio.

Sabores para dar e vender

Cozinha típica do Interior contrasta com pratos elaborados e cervejas artesanais

Se as diversas trilhas na mata e banhos de cachoeiras são ótimas opções para o visitante gastar calorias, a região de Brotas também é excelente escolha para repô-las, e, diga-se de passagem, com bom gosto. O local oferece diversidade gastronômica com ingredientes produzidos no seu próprio território.

Para quem aprecia uma boa comida do Interior, não deixe de visitar o restaurante Da Roça, instalado no Centro da cidade. O local conta com boas opções de sanduíches que vão desde frango temperado, fraldinha moída e linguiça de pernil artesanal. Os pratos variam entre R$ 20 a R$ 35. Não deixe de provar a maionese caseira, produzida com leve tempero de alho e ovos em pó, e a deliciosa trufa de macadâmia.

Não longe dali, ainda é possível desfrutar de cardápio mais sofisticado no Brotas Bar, um restaurante temático que chama atenção logo em sua entrada, num prédio que mescla decoração do rústico ao moderno. Lá é possível apreciar o delicioso filé com crosta de gorgonzola e vinho tinto acompanhado de risoto de gorgonzola e legumes na manteiga.

Por fim, mas não menos importante, as cervejas artesanais produzidas pela Brotas Beer e vendidas em boa parte dos estabelecimento da cidade chama a atenção de qualquer visitante. São ao menos nove opções de sabores. Destaque para Schwarzbier com aromas maltados de caramelo e chocolate, traduzidos em uma paladar suave, equilibrado e de tirar o chapéu. É uma boa escolha para pratos picantes e toda espécie de embutidos.

História da cidade está diretamente ligada ao café

Embora os atrativos naturais sejam os principais de brotas, seus monumentos históricos estão ligados ao período em que a cidade foi uma das grandes produtoras de café do País.

Na zona rural encontram-se sedes de fazendas do fim do século XIX preservadas. O município conta também com casarões antigos com arquitetura da época, localizados na principal avenida.

A cultura popular está contida na típica rotina interiorana. A gastronomia tem como destaque a culinária caipira, cujo principal atrativo é o fogão à lenha, no entanto, cresce e se diversifica a cada ano oferecendo inúmeras opções de restaurantes como os de cozinhas italiana, contemporânea, japonesa, bistrôs e outros.

O artesanato local conta com produtos como bordados, trabalhos em bambu e alimentos, como doces caseiros, licores, queijo, mel e derivados de cachaça.

O atual conjunto do Centro Cultural tem sua origem em um dos casarões do início do século XX, uma das testemunhas silenciosas do passado cafeeiro da cidade. Foi ponto de encontro da sociedade, palco de saraus literários e apresentações musicais. Hoje, reúne a biblioteca pública, o arquivo histórico, o museu Cotidiano de Brotas e o salão de eventos para shows e manifestações artísticas e culturais. 

Hotéis preservam contato com natureza

Apesar de contar com alguns hotéis na região central, Brotas tem boa parte das opções de hospedagem em áreas mais afastadas da cidade. Vários deles estão mais próximos de parques e atrativos naturais, o que facilita a vida de quem viaja em família e com filhos pequenos.

Com a proposta de aproximar o turista dos encantos da cidade, alguns hotéis são verdadeiros paraísos no meio da natureza, perfeitos para quem deseja desfrutar de experiência para lá de confortável, incluindo café da manhã com produtos preparados na região, o que já vale a estadia.

Ótima opção para quem deseja desfrutar a experiência, o Hotel Fazenda Jacaúna é um desses espaços que contemplam as características de Brotas. Localizado a apenas cinco minutos do Centro da cidade, o hotel desfruta de vista privilegiada do Rio Jacaré-Pepira.

Mas o que chama mesmo a atenção é a experiência de contato direto com animas da fauna local, como maritacas, coelhos e macacos abrigados em área verde de 200 mil metros quadrados.

Ainda é possível encontrar na cidade outras opções de hospedagem dedicadas a casais, com experiências únicas em cabanas temáticas, casos do Refúgio Miráguas e Pousada Frangipani.

Já para quem procura mais conforto e um pouco de luxo, a pedida fica por conta do Hotel Fazenda Areia que Canta e o Brotas Eco Resort, que reúnem em suas espaços atividades dedicadas a todas as famílias. 



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Universo de belezas naturais

Privilegiada pela natureza, Brotas se recicla e oferece opções que vão além do ecoturismo

Daniel Macário
Do Diário do Grande ABC

02/05/2019 | 07:00


Montanhas imponentes, águas cristalinas e a beleza exuberante do Rio Jacaré-Pepira. Isso sem contar os visuais capazes de dispensar o uso de qualquer tipo de retoque nas fotografias de recordação. Com atrativos para todos os gostos, Brotas está sempre pronta para encantar novos visitantes a todo o momento com sua riqueza de belezas naturais.

Afinal, engana-se quem pensa que a cidade, localizada a cerca de 260 km da Capital, oferece apenas o chamado ecoturismo. Quem souber apreciar seus encantos, diga-se de passagem um show à parte no Interior de São Paulo, vai entender que, atrás de toda aventura que envolve o destino, a simplicidade pode ser o grande diferencial.

A natureza é a principal atração aos visitantes. São diversas trilhas e 20 cachoeiras de águas claras e refrescantes, cada uma com um atrativo e charme diferentes. Uma das mais visitadas é a cachoeira Cassarova, localizada no ecoparque que leva o mesmo nome. Um dos cartões postais da cidade, ela possui 60 metros de altura e ainda conta com uma piscina refrescante para banho.

Não muito distante dali, Brotas tem um dos seus principais tesouros da natureza, a nascente da Areia que Canta, um fervedouro em que o turista conhece de perto como a água brota do solo. A origem do nome do lugar está no fato que a fricção da areia da nascente por mãos habilidosas produz som de cuíca. As paisagens são incríveis graças ao relevo assimétrico das cuestas, com encostas cobertas de Mata Atlântica e pedras de arenito que afloram em meio à vegetação de cerrado. A sensação dos visitantes é de estar no paraíso. O Rio Jacaré-Pepira, cujas águas no trecho que corta o município tem 89% de pureza, completa o belo cenário e amplia as opções de lazer.

E se o objetivo é aproveitar o período de descanso para voltar à rotina de alma lavada, Brotas é a solução ideal. Além dos revigorantes banhos de cachoeiras, ainda é possível desfrutar do contato direto com a natureza com mirante espalhados pela cidade, cenário perfeito para o repouso.

Outra opção é o turismo rural. Algumas fazendas e sítios abrem suas portas aos turistas para desfrutar da possibilidade de acompanhar a rotina do Interior, com passeios em charretes, colheita de frutas (como laranjas), fabricação de laticínios e ainda experiência gastronômica de provar alimentos produzidos na hora. No passeio ainda é possível andar em fazendas ao lado de coelhos, maritacas e outros bichos criados em pousadas e hotéis.

A cidade, que completa 180 anos na segunda-feira, conta neste mês de maio com programação especial de aniversário com a Festa da Santa Cruz. O evento é uma tradição para seus habitantes é aguardado na cidade durante o ano todo. Na oportunidade, comerciantes locais expõem seus produtos ao lado da igreja matriz do município, que ganha ainda um grande parque de diversões, com brinquedos e apresentações de artistas locais.

Reconhecida desde 2014 como Estância Turística, Brotas é atualmente referência no que diz respeito ao turismo sustentável. Exemplo disso é a criação, em 2015, da Lei do Voucher Turístico, que determina o uso de pulseiras por todos os visitantes.

O uso do acessório, além de ajudar a saber quais as preferências dos turistas, tem diminuindo o impacto ambiental causado pelas atividades na natureza, graças ao controle de acesso a cachoeiras e trilhas. Por lei, metade dos recursos vai para o custeio do sistema, o que inclui a confecção da pulseirinha, e a outra metade para um fundo municipal para ser investido exclusivamente no turismo.

O jornalista viajou a convite da Secretaria de Turismo de Brotas

Novos empreendimentos mudam cenário da cidade

Quando se fala em viagem para Brotas, a primeira coisa que vem à mente são as atividades de aventura. É bem verdade que existe muito disso por lá, mas a construção de novos empreendimentos tem dado novo impulso para a cidade de aproximadamente 24 mil habitantes.

O turista que visitou Brotas há mais uma década e retorna agora percebe rapidamente essa evolução do destino.

Um exemplo dessa realidade é a piscina semiolímpica com borda infinita construída no fim do ano passado no Ecoparque Recanto das Cachoeiras, com vista para um vale de encostas de vegetação preservada de tirar o fôlego.

A piscina, de 500 mil litros de água, tem área que simula correnteza e cachoeira. Do lado ainda é possível desfrutar de spa com hidromassagem ao ar livre. Para acessar o espaço, turistas podem comprar bilhete de day use do estabelecimento com valores que variam de R$ 70 a R$ 90 para adultos, dependendo do dia da semana.

Antenados no crescimento do turismo local, que chega a ultrapassar a marca de 300 mil visitantes anuais, alguns ecoparques têm estendido sua atuação. Se antes ofereciam apenas atividades de aventura, agora já é possível encontrar ótimas opções de hospedagem. Apostando nessa tendência, o Ecoparque Cassorova promete inaugurar ainda nesta temporada uma área destinada a hospedagem em cabanas instaladas a poucos passos de uma das suas principais atrações: duas tirolesas com altura de 110 metros sobre a cachoeira que leva o nome do parque.

Brotas, a terra da aventura e da diversão

Está justamente nas corredeiras do Rio Jacaré-Pepira, um dos grandes patrimônios de Brotas, que acontece a principal atração da cidade: o rafting. A atividade custa em média R$ 130. O trajeto de dez quilômetros tem cerca de uma hora e meia de duração, que intercala as corredeiras com pontos de mais tranquilidades, quando é possível observar a fauna local, até momentos de mais emoção, com árduo trabalho em equipe para superar as adversidades do mar.

As trilhas também são ótimas opções para quem deseja curtir a natureza e se aventurar em tirolesas com vista única para da cidade. O Voo do Poção, instalado em ecoparque que leva o mesmo nome é um desses exemplos. Em percurso de 1.000 metros é possível desfrutar de vista privilegiada da área verde e sua fauna.

No mesmo local, para quem também quer emoção, a sugestão fica por conta da SkyRides, uma tirolesa em curva, que em alguns momentos chega a lembrar uma montanha russa.

No local, ainda é possível fazer o percurso do primeiro arvorismo montado no Brasil, em 2001. São 34 obstáculos suspensos com dificuldades variadas, dividido em três sessões. Ao final de cada uma há uma tirolesa entre as árvores.

Na cidade há ainda a atração de canionismo, que nada mais é uma descida de rapel em cachoeiras, é uma experiência única para amantes de aventuras. A escalada e rapel, em plataformas de até 15 metros, completam o cardápio de aventura.

Além das atividades mais radicais, vale a pena aproveitar os passeios de quadriciclo por estrada de terra e terrenos de fazendas, em trajeto sem maiores dificuldades para qualquer iniciante. Na cidade ainda é possível fazer passeios a cavalo oferecido por alguns ecoparques.

Para crianças e jovens, as opções são o mini rafting, numa descida leve no Rio Jacaré, além das atividades do boiacross e a flutuação, ambas realizadas nas águas do mesmo rio.

Sabores para dar e vender

Cozinha típica do Interior contrasta com pratos elaborados e cervejas artesanais

Se as diversas trilhas na mata e banhos de cachoeiras são ótimas opções para o visitante gastar calorias, a região de Brotas também é excelente escolha para repô-las, e, diga-se de passagem, com bom gosto. O local oferece diversidade gastronômica com ingredientes produzidos no seu próprio território.

Para quem aprecia uma boa comida do Interior, não deixe de visitar o restaurante Da Roça, instalado no Centro da cidade. O local conta com boas opções de sanduíches que vão desde frango temperado, fraldinha moída e linguiça de pernil artesanal. Os pratos variam entre R$ 20 a R$ 35. Não deixe de provar a maionese caseira, produzida com leve tempero de alho e ovos em pó, e a deliciosa trufa de macadâmia.

Não longe dali, ainda é possível desfrutar de cardápio mais sofisticado no Brotas Bar, um restaurante temático que chama atenção logo em sua entrada, num prédio que mescla decoração do rústico ao moderno. Lá é possível apreciar o delicioso filé com crosta de gorgonzola e vinho tinto acompanhado de risoto de gorgonzola e legumes na manteiga.

Por fim, mas não menos importante, as cervejas artesanais produzidas pela Brotas Beer e vendidas em boa parte dos estabelecimento da cidade chama a atenção de qualquer visitante. São ao menos nove opções de sabores. Destaque para Schwarzbier com aromas maltados de caramelo e chocolate, traduzidos em uma paladar suave, equilibrado e de tirar o chapéu. É uma boa escolha para pratos picantes e toda espécie de embutidos.

História da cidade está diretamente ligada ao café

Embora os atrativos naturais sejam os principais de brotas, seus monumentos históricos estão ligados ao período em que a cidade foi uma das grandes produtoras de café do País.

Na zona rural encontram-se sedes de fazendas do fim do século XIX preservadas. O município conta também com casarões antigos com arquitetura da época, localizados na principal avenida.

A cultura popular está contida na típica rotina interiorana. A gastronomia tem como destaque a culinária caipira, cujo principal atrativo é o fogão à lenha, no entanto, cresce e se diversifica a cada ano oferecendo inúmeras opções de restaurantes como os de cozinhas italiana, contemporânea, japonesa, bistrôs e outros.

O artesanato local conta com produtos como bordados, trabalhos em bambu e alimentos, como doces caseiros, licores, queijo, mel e derivados de cachaça.

O atual conjunto do Centro Cultural tem sua origem em um dos casarões do início do século XX, uma das testemunhas silenciosas do passado cafeeiro da cidade. Foi ponto de encontro da sociedade, palco de saraus literários e apresentações musicais. Hoje, reúne a biblioteca pública, o arquivo histórico, o museu Cotidiano de Brotas e o salão de eventos para shows e manifestações artísticas e culturais. 

Hotéis preservam contato com natureza

Apesar de contar com alguns hotéis na região central, Brotas tem boa parte das opções de hospedagem em áreas mais afastadas da cidade. Vários deles estão mais próximos de parques e atrativos naturais, o que facilita a vida de quem viaja em família e com filhos pequenos.

Com a proposta de aproximar o turista dos encantos da cidade, alguns hotéis são verdadeiros paraísos no meio da natureza, perfeitos para quem deseja desfrutar de experiência para lá de confortável, incluindo café da manhã com produtos preparados na região, o que já vale a estadia.

Ótima opção para quem deseja desfrutar a experiência, o Hotel Fazenda Jacaúna é um desses espaços que contemplam as características de Brotas. Localizado a apenas cinco minutos do Centro da cidade, o hotel desfruta de vista privilegiada do Rio Jacaré-Pepira.

Mas o que chama mesmo a atenção é a experiência de contato direto com animas da fauna local, como maritacas, coelhos e macacos abrigados em área verde de 200 mil metros quadrados.

Ainda é possível encontrar na cidade outras opções de hospedagem dedicadas a casais, com experiências únicas em cabanas temáticas, casos do Refúgio Miráguas e Pousada Frangipani.

Já para quem procura mais conforto e um pouco de luxo, a pedida fica por conta do Hotel Fazenda Areia que Canta e o Brotas Eco Resort, que reúnem em suas espaços atividades dedicadas a todas as famílias. 

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;