Fechar
Publicidade

Quinta-Feira, 22 de Agosto

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Nacional

nacional@dgabc.com.br | 4435-8301

Petrobras registra segundo vazamento de óleo no litoral fluminense neste mês



22/04/2019 | 16:25


Pela segunda vez neste mês, o litoral do Rio de Janeiro foi poluído por óleo vazado de uma plataforma da Petrobras. Desta vez, a origem, descoberta na madrugada desta segunda-feira, 22, foi um oleoduto do campo de Albacora, na região Norte da Bacia de Campos, a cerca de 110 km da costa do Estado.

A empresa, por meio de sua assessoria de imprensa, afirma que, com base em sobrevoos, a estimativa de volume vazado é de 941 litros. "A companhia prontamente enviou embarcações para o local, com o objetivo de dispersar a mancha de óleo. Os órgãos reguladores foram informados do incidente", acrescentou.

Para conter o vazamento, a petroleira paralisou a operação do oleoduto e a produção da plataforma P-25, instalada no campo de Albacora.

No início deste mês, a Petrobras informou que "resíduos de óleo proveniente de suas atividades atingiram algumas praias em Búzios e Arraial do Cabo", na região dos Lagos do Rio de Janeiro.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Petrobras registra segundo vazamento de óleo no litoral fluminense neste mês


22/04/2019 | 16:25


Pela segunda vez neste mês, o litoral do Rio de Janeiro foi poluído por óleo vazado de uma plataforma da Petrobras. Desta vez, a origem, descoberta na madrugada desta segunda-feira, 22, foi um oleoduto do campo de Albacora, na região Norte da Bacia de Campos, a cerca de 110 km da costa do Estado.

A empresa, por meio de sua assessoria de imprensa, afirma que, com base em sobrevoos, a estimativa de volume vazado é de 941 litros. "A companhia prontamente enviou embarcações para o local, com o objetivo de dispersar a mancha de óleo. Os órgãos reguladores foram informados do incidente", acrescentou.

Para conter o vazamento, a petroleira paralisou a operação do oleoduto e a produção da plataforma P-25, instalada no campo de Albacora.

No início deste mês, a Petrobras informou que "resíduos de óleo proveniente de suas atividades atingiram algumas praias em Búzios e Arraial do Cabo", na região dos Lagos do Rio de Janeiro.

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;