Fechar
Publicidade

Segunda-Feira, 16 de Setembro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Internacional

internacional@dgabc.com.br | 4435-8301

Kim Jong-un se reunirá com Putin ainda este mês, afirma governo russo



19/04/2019 | 05:18


O governo da Rússia anunciou na quinta-feira, 18, que o presidente Vladimir Putin se reunirá com Kim Jong-un, líder da Coreia do Norte, ainda em abril. "Posso confirmar que a reunião está sendo preparada. Na realidade, há algum tempo que estamos conversando", disse o porta-voz da presidência russa, Dmitri Peskov.

Putin deve participar, nos dias 26 e 27, de um fórum em Pequim. O governo russo não descarta a possibilidade de Putin se reunir com Kim na ida ou na volta de sua viagem à China.

O anúncio do encontro ocorre no momento em que o presidente dos EUA, Donald Trump, pressiona o governo da Coreia do Norte para que acabe com as tensões nucleares na Península Coreana. (Com agências internacionais)

As informações são do jornal O Estado de S. Paulo.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Kim Jong-un se reunirá com Putin ainda este mês, afirma governo russo


19/04/2019 | 05:18


O governo da Rússia anunciou na quinta-feira, 18, que o presidente Vladimir Putin se reunirá com Kim Jong-un, líder da Coreia do Norte, ainda em abril. "Posso confirmar que a reunião está sendo preparada. Na realidade, há algum tempo que estamos conversando", disse o porta-voz da presidência russa, Dmitri Peskov.

Putin deve participar, nos dias 26 e 27, de um fórum em Pequim. O governo russo não descarta a possibilidade de Putin se reunir com Kim na ida ou na volta de sua viagem à China.

O anúncio do encontro ocorre no momento em que o presidente dos EUA, Donald Trump, pressiona o governo da Coreia do Norte para que acabe com as tensões nucleares na Península Coreana. (Com agências internacionais)

As informações são do jornal O Estado de S. Paulo.

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;