Fechar
Publicidade

Quarta-Feira, 23 de Outubro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Cultura & Lazer

cultura@dgabc.com.br | 4435-8364

Após vitória no BBB 19, Paula presta depoimento à polícia sobre intolerância religiosa



15/04/2019 | 18:11


Apesar de ter ganho o BBB 19, a vida de Paula Sperling não está um mar de rosas. A ex-participante do reality compareceu, nesta segunda-feira, dia 15, à Delegacia de Crimes Raciais e Delitos de Intolerância (Decradi) para depôr no inquérito sobre intolerância religiosa, no qual está sendo investigada.

Segundo o jornal Extra, Paula entrou em silêncio na delegacia por volta das quatro horas da tarde. Sua irmã, Monica Sperling, que a acompanhava, disse que não iria falar sobre o assunto. Ela também relatou que não gostaria que nada fosse publicado a respeito disso e revelou que um dia Paula poderia falar sobre o caso.

O comparecimento de Paula estava marcado para a próxima quarta-feira, dia 17, mas precisou ser adiantado por causa da agenda da ex-sister. Antes dela chegar, o delegado Gilbert Stivanello disse que não seriam recolhidas mais provas após o depoimento da mineira.

- Vou avaliar tudo que foi recolhido e vou emitir um relatório conclusivo do inquérito. O procedimento é enviado à Justiça e o Ministério Público que vai decidir se oferece a denúncia ou se pede o arquivamento do processo.

Para quem não lembra, Rodrigo depôs contra Paula depois de descobrir que, durante o confinamento, ela teria dito para Hariany e Diego que tinha medo do brother por ele tem contato com esse negócio de Oxum.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Após vitória no BBB 19, Paula presta depoimento à polícia sobre intolerância religiosa


15/04/2019 | 18:11


Apesar de ter ganho o BBB 19, a vida de Paula Sperling não está um mar de rosas. A ex-participante do reality compareceu, nesta segunda-feira, dia 15, à Delegacia de Crimes Raciais e Delitos de Intolerância (Decradi) para depôr no inquérito sobre intolerância religiosa, no qual está sendo investigada.

Segundo o jornal Extra, Paula entrou em silêncio na delegacia por volta das quatro horas da tarde. Sua irmã, Monica Sperling, que a acompanhava, disse que não iria falar sobre o assunto. Ela também relatou que não gostaria que nada fosse publicado a respeito disso e revelou que um dia Paula poderia falar sobre o caso.

O comparecimento de Paula estava marcado para a próxima quarta-feira, dia 17, mas precisou ser adiantado por causa da agenda da ex-sister. Antes dela chegar, o delegado Gilbert Stivanello disse que não seriam recolhidas mais provas após o depoimento da mineira.

- Vou avaliar tudo que foi recolhido e vou emitir um relatório conclusivo do inquérito. O procedimento é enviado à Justiça e o Ministério Público que vai decidir se oferece a denúncia ou se pede o arquivamento do processo.

Para quem não lembra, Rodrigo depôs contra Paula depois de descobrir que, durante o confinamento, ela teria dito para Hariany e Diego que tinha medo do brother por ele tem contato com esse negócio de Oxum.

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;