Fechar
Publicidade

Quinta-Feira, 22 de Agosto

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Internacional

internacional@dgabc.com.br | 4435-8301

Ataque a tiros na Austrália deixa um morto e três feridos

Divulgação Diário do Grande ABC - Notícias e informações do Grande ABC: Santo André, São Bernardo, São Caetano, Diadema, Mauá, Ribeirão Pires e Rio Grande da Serra

As pessoas foram baleadas na madrugada deste domingo; o atirador estava dentro de carro em movimento



14/04/2019 | 08:36


Várias pessoas que estavam do lado de fora de uma conhecida casa noturna em Melbourne, na Austrália, foram baleadas na madrugada deste domingo por alguém dentro de um carro em movimento. Uma pessoa morreu e três ficaram feridas, entre elas guardas do local e clientes, segundo a polícia. Até agora ninguém foi preso. "Esse tipo de acontecimento ainda é incrivelmente raro (no país) e não há nada que indique no momento que faça parte de uma agenda maior", declarou Andrew Stamper, da polícia do Estado de Vitória.

A violência armada é rara na Austrália, que endureceu suas leis contra armas após o assassinato de 35 pessoas por um único homem em 1996, na Tasmânia. Na Nova Zelândia, um australiano supremacista branco foi acusado de ter assassinado a tiros 50 pessoas em duas mesquitas, no último dia 15 de março, levando a nação a banir o uso de uma série de armas semiautomáticas no país. Fonte: Associated Press.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Ataque a tiros na Austrália deixa um morto e três feridos

As pessoas foram baleadas na madrugada deste domingo; o atirador estava dentro de carro em movimento


14/04/2019 | 08:36


Várias pessoas que estavam do lado de fora de uma conhecida casa noturna em Melbourne, na Austrália, foram baleadas na madrugada deste domingo por alguém dentro de um carro em movimento. Uma pessoa morreu e três ficaram feridas, entre elas guardas do local e clientes, segundo a polícia. Até agora ninguém foi preso. "Esse tipo de acontecimento ainda é incrivelmente raro (no país) e não há nada que indique no momento que faça parte de uma agenda maior", declarou Andrew Stamper, da polícia do Estado de Vitória.

A violência armada é rara na Austrália, que endureceu suas leis contra armas após o assassinato de 35 pessoas por um único homem em 1996, na Tasmânia. Na Nova Zelândia, um australiano supremacista branco foi acusado de ter assassinado a tiros 50 pessoas em duas mesquitas, no último dia 15 de março, levando a nação a banir o uso de uma série de armas semiautomáticas no país. Fonte: Associated Press.

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;