Fechar
Publicidade

Sábado, 24 de Agosto

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Cultura & Lazer

cultura@dgabc.com.br | 4435-8364

Andreense Danilo Gentili é condenado a prisão por injúria contra deputada Maria do Rosário

Divulgação Diário do Grande ABC - Notícias e informações do Grande ABC: Santo André, São Bernardo, São Caetano, Diadema, Mauá, Ribeirão Pires e Rio Grande da Serra

Após saber da notícia, ele ironizou em conta no Twitter: 'Quem vai me levar cigarros?'


Do Dgabc.com.br

10/04/2019 | 20:26


O apresentador nascido em Santo André Danilo Gentili foi condenado pela 5ª Vara Federal Criminal de São Paulo, em nome da juiza Maria Isabel do Prado, a seis meses e 28 dias de prisão, inicialmente em regime semiaberto, pelo crime de injúria contra a deputada federal Maria do Rosário Nunes (PT-RS).

"Verifico que o humorista e apresentador dolosamente injuriou através da internet a deputada federal, ofendendo-lhe a dignidade ou o decoro, atribuindo-lhe a alcunha de "puta", escreveu a magistrada na sentença.

O caso aconteceu em 2016, quando Gentili postou mensagens para a política com os termos "nojenta", "falsa" e "cínica". Um ano depois, rasgou e esfregou notificação extrajudicial do processo movido por Maria nas partes íntimas e destacou a palavra "puta".

Nesta quarta-feira (10), após saber a notícia, Danilo ironizou no Twitter com a frase: "Quem vai me levar cigarros?" Ele poderá recorrer da sentença em liberdade. Já a deputada comemorou: "Esta é uma vitória da democracia e da justiça." O termo #GentiliLivre é um dos tópicos mais vistos na rede social.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Andreense Danilo Gentili é condenado a prisão por injúria contra deputada Maria do Rosário

Após saber da notícia, ele ironizou em conta no Twitter: 'Quem vai me levar cigarros?'

Do Dgabc.com.br

10/04/2019 | 20:26


O apresentador nascido em Santo André Danilo Gentili foi condenado pela 5ª Vara Federal Criminal de São Paulo, em nome da juiza Maria Isabel do Prado, a seis meses e 28 dias de prisão, inicialmente em regime semiaberto, pelo crime de injúria contra a deputada federal Maria do Rosário Nunes (PT-RS).

"Verifico que o humorista e apresentador dolosamente injuriou através da internet a deputada federal, ofendendo-lhe a dignidade ou o decoro, atribuindo-lhe a alcunha de "puta", escreveu a magistrada na sentença.

O caso aconteceu em 2016, quando Gentili postou mensagens para a política com os termos "nojenta", "falsa" e "cínica". Um ano depois, rasgou e esfregou notificação extrajudicial do processo movido por Maria nas partes íntimas e destacou a palavra "puta".

Nesta quarta-feira (10), após saber a notícia, Danilo ironizou no Twitter com a frase: "Quem vai me levar cigarros?" Ele poderá recorrer da sentença em liberdade. Já a deputada comemorou: "Esta é uma vitória da democracia e da justiça." O termo #GentiliLivre é um dos tópicos mais vistos na rede social.

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;