Fechar
Publicidade

Segunda-Feira, 14 de Outubro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Política

politica@dgabc.com.br | 4435-8391

Câmara emplaca 11 reformas e prevê gasto de R$ 10 mi

Claudinei Plaza/DGABC Diário do Grande ABC - Notícias e informações do Grande ABC: Santo André, São Bernardo, São Caetano, Diadema, Mauá, Ribeirão Pires e Rio Grande da Serra

Somente em 2016 o imóvel efetivou cinco restruturações, que somaram R$ 1,23 milhão


Daniel Tossato
Do Diário do Grande ABC

08/04/2019 | 07:00


Nos últimos cinco anos a Câmara de Santo André emplacou 11 intervenções de reforma e prevê despesa total da ordem de R$ 10,2 milhões. Desde 2014 o imóvel que abriga o Legislativo passa por restruturações em diversas áreas. Até agora, já foram gastos neste período o valor de R$ 5,4 milhões, segundo relatório da casa obtido pelo Diário. Neste ano há na lista outra reforma preparada: a do primeiro andar, com estimativa de desembolso de R$ 4,8 milhões.

Somente em 2015, ano em que o Legislativo despendeu mais dinheiro para resolver problemas estruturais – sem contabilizar a atual remodelação do espaço – foram registrados gastos R$ 2,4 milhões em três intervenções. À época, o presidente da casa era o vereador Bispo Ronaldo de Castro (PRB).

Sob seu comando, o prédio da Câmara teve encaminhamento da reforma do piso térreo, com valor estimado de R$ 1,5 milhão. Em outubro do mesmo ano, foi a vez da sala de vídeo, da caixa d’água, do plenário, do salão nobre e iluminação externa passarem por intervenção de melhoria, no valor total de R$ 387,3 mil. Em dezembro, foi realizada reforma em tubulações e outras partes hidráulicas, assim como instalação de banheiros para portadores de deficiência. Na obra foram aplicados R$ 535,4 mil.

Em 2016, também sob a gestão de Ronaldo de Castro, o imóvel registrou mais cinco reformas, que totalizaram valor de R$ 1,23 milhão. Foi neste exercício, em setembro, que a Câmara chegou a alagar depois de uma forte chuva e os efeitos da inundação no piso dos gabinetes podem ser identificados ainda hoje.

A primeira intervenção, impermeabilização da laje do prédio, teve obra orçada em R$ 557,4 mil. A segunda previu verba de R$ 331,9 mil para o reparo em 16 pilares de sustentação da cúpula do prédio. Na sequência o imóvel passou por serviços gerais de manutenção no valor de R$ 80,2 mil. Ainda no mesmo ano, devido ao alagamento, foi preciso reformar o piso dos 21 gabinetes ao custo de R$ 170,2 mil. E outra intervenção foi a instalação de vidros de segurança, no valor de R$ 14,9 mil.

Ronaldo de Castro encaminhou outras duas intervenções em 2015. A primeira, de R$ 947,9 mil, recuperando oito pilares de concreto e outra de serviços gerais em diversas áreas do prédio no valor de R$ 188,4 mil. No ano passado, com Almir Cicote (Avante) na direção, foi realizada contratação de empresa para recuperação de vigas, pilares e fachadas com valor de R$ 608 mil. 



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Câmara emplaca 11 reformas e prevê gasto de R$ 10 mi

Somente em 2016 o imóvel efetivou cinco restruturações, que somaram R$ 1,23 milhão

Daniel Tossato
Do Diário do Grande ABC

08/04/2019 | 07:00


Nos últimos cinco anos a Câmara de Santo André emplacou 11 intervenções de reforma e prevê despesa total da ordem de R$ 10,2 milhões. Desde 2014 o imóvel que abriga o Legislativo passa por restruturações em diversas áreas. Até agora, já foram gastos neste período o valor de R$ 5,4 milhões, segundo relatório da casa obtido pelo Diário. Neste ano há na lista outra reforma preparada: a do primeiro andar, com estimativa de desembolso de R$ 4,8 milhões.

Somente em 2015, ano em que o Legislativo despendeu mais dinheiro para resolver problemas estruturais – sem contabilizar a atual remodelação do espaço – foram registrados gastos R$ 2,4 milhões em três intervenções. À época, o presidente da casa era o vereador Bispo Ronaldo de Castro (PRB).

Sob seu comando, o prédio da Câmara teve encaminhamento da reforma do piso térreo, com valor estimado de R$ 1,5 milhão. Em outubro do mesmo ano, foi a vez da sala de vídeo, da caixa d’água, do plenário, do salão nobre e iluminação externa passarem por intervenção de melhoria, no valor total de R$ 387,3 mil. Em dezembro, foi realizada reforma em tubulações e outras partes hidráulicas, assim como instalação de banheiros para portadores de deficiência. Na obra foram aplicados R$ 535,4 mil.

Em 2016, também sob a gestão de Ronaldo de Castro, o imóvel registrou mais cinco reformas, que totalizaram valor de R$ 1,23 milhão. Foi neste exercício, em setembro, que a Câmara chegou a alagar depois de uma forte chuva e os efeitos da inundação no piso dos gabinetes podem ser identificados ainda hoje.

A primeira intervenção, impermeabilização da laje do prédio, teve obra orçada em R$ 557,4 mil. A segunda previu verba de R$ 331,9 mil para o reparo em 16 pilares de sustentação da cúpula do prédio. Na sequência o imóvel passou por serviços gerais de manutenção no valor de R$ 80,2 mil. Ainda no mesmo ano, devido ao alagamento, foi preciso reformar o piso dos 21 gabinetes ao custo de R$ 170,2 mil. E outra intervenção foi a instalação de vidros de segurança, no valor de R$ 14,9 mil.

Ronaldo de Castro encaminhou outras duas intervenções em 2015. A primeira, de R$ 947,9 mil, recuperando oito pilares de concreto e outra de serviços gerais em diversas áreas do prédio no valor de R$ 188,4 mil. No ano passado, com Almir Cicote (Avante) na direção, foi realizada contratação de empresa para recuperação de vigas, pilares e fachadas com valor de R$ 608 mil. 

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;