Fechar
Publicidade

Sexta-Feira, 18 de Outubro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Setecidades

setecidades@dgabc.com.br | 4435-8319

Corrida do Bem marca Dia Mundial da Saúde em Santo André

TTK / Divulgação Diário do Grande ABC - Notícias e informações do Grande ABC: Santo André, São Bernardo, São Caetano, Diadema, Mauá, Ribeirão Pires e Rio Grande da Serra

Cinco mil pessoas participaram das provas de cinco e dez quilômetros, com saída e chegada no Paço Municipal


Da Redação

07/04/2019 | 19:10


No Dia Mundial da Saúde, celebrado hoje (7), 5.000 pessoas participaram da primeira etapa do Circuito Corrida do Bem, em Santo André. Com saída e chegada no Paço Municipal, prova que deu início à temporada 2019, com dois percursos, de cinco e dez quilômetros. Alegria, confraternização, superação, diferentes histórias para contar, com pessoas de todas as idades, e um único objetivo: buscar uma melhor qualidade de vida, afastar o sedentarismo, atraindo saúde e bem-estar.

Na abertura da terceira edição do Circuito, os participantes vieram das várias cidades do Grande ABC e muitos da zona leste da capital paulista, vizinha de Santo André. A chuva, que desde sábado parecia não dar trégua, não tirou a empolgação. Ao longo da prova, o tempo foi melhorando: nublado ou com garoa e com uma temperatura em torno dos 22 graus, perfeito para quem estava percorrendo as ruas da cidade. Quem correu, contou com uma estrutura completa, com postos de hidratação, além de espaços especiais com massagem, teste da pisada e avaliações de saúde.

Individualmente, em família, em equipe, os participantes tomaram conta das ruas ao redor do Paço, comemorando muito a cada chegada, a cada percurso concluído, fosse celebrando a vitória, os primeiros lugares, ou simplesmente o objetivo atingido. Ao final, todos receberam medalhas e puderam registrar o momento com uma foto no pódio, montado para receber os três primeiros colocados dos 5K e 10K, em uma prova que uniu competição e participação, em clima de amizade.

Entre os vários grupos de corrida participantes, destaque para a Mafia Runners, com sede em São Caetano, que levou mais de 40 pessoas para a abertura da temporada do Circuito Corrida do Bem, conquistando dois pódios: a segunda colocação dos 5K, com André Luiz de Paula, e o terceiro lugar dos 10K, com Valdeci Costa dos Santos.
Pessoas com necessidades especiais, participantes de todas as idades, muitas famílias com crianças, alguns correndo pela primeira vez, outros dando sequência ao prazer de participar e melhorar a qualidade de vida. Foi assim com a família Gonçalves. Denise, 33 anos, em sua quarta corrida, e o marido Thiago, 32 anos, na segunda prova, levaram a filha Julia, de 7 anos, para sua estreia.

"Foi cansativo, mas gostei. Corri mais que caminhei e vou continuar", garantiu Julia. "Começamos a participar por conta de qualidade de vida e acabamos tomando gosto, prazer pela corrida. E agora a família está unida e a ideia é prosseguir. Dia 1º de maio, a Julia corre comigo, na dos Trabalhadores", explicou Denise, que é bibliotecária, responsável por incentivar Thiago a começar. "Domingo passado, no Pacaembu, fiz minha primeira prova. Agora, aqui foi muito bacana. Vou continuar. Tenho usado o horário do almoço para andar bastante, praticar", afirmou Thiago, técnico em eletrônica.

A Corrida do Bem é uma realização do Instituto Educare, organização de direito privado sem fins lucrativos que desenvolve projetos culturais e esportivos para empresas e entidades do terceiro setor e conta com o apoio da Lei de Incentivo ao Esporte.  



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Corrida do Bem marca Dia Mundial da Saúde em Santo André

Cinco mil pessoas participaram das provas de cinco e dez quilômetros, com saída e chegada no Paço Municipal

Da Redação

07/04/2019 | 19:10


No Dia Mundial da Saúde, celebrado hoje (7), 5.000 pessoas participaram da primeira etapa do Circuito Corrida do Bem, em Santo André. Com saída e chegada no Paço Municipal, prova que deu início à temporada 2019, com dois percursos, de cinco e dez quilômetros. Alegria, confraternização, superação, diferentes histórias para contar, com pessoas de todas as idades, e um único objetivo: buscar uma melhor qualidade de vida, afastar o sedentarismo, atraindo saúde e bem-estar.

Na abertura da terceira edição do Circuito, os participantes vieram das várias cidades do Grande ABC e muitos da zona leste da capital paulista, vizinha de Santo André. A chuva, que desde sábado parecia não dar trégua, não tirou a empolgação. Ao longo da prova, o tempo foi melhorando: nublado ou com garoa e com uma temperatura em torno dos 22 graus, perfeito para quem estava percorrendo as ruas da cidade. Quem correu, contou com uma estrutura completa, com postos de hidratação, além de espaços especiais com massagem, teste da pisada e avaliações de saúde.

Individualmente, em família, em equipe, os participantes tomaram conta das ruas ao redor do Paço, comemorando muito a cada chegada, a cada percurso concluído, fosse celebrando a vitória, os primeiros lugares, ou simplesmente o objetivo atingido. Ao final, todos receberam medalhas e puderam registrar o momento com uma foto no pódio, montado para receber os três primeiros colocados dos 5K e 10K, em uma prova que uniu competição e participação, em clima de amizade.

Entre os vários grupos de corrida participantes, destaque para a Mafia Runners, com sede em São Caetano, que levou mais de 40 pessoas para a abertura da temporada do Circuito Corrida do Bem, conquistando dois pódios: a segunda colocação dos 5K, com André Luiz de Paula, e o terceiro lugar dos 10K, com Valdeci Costa dos Santos.
Pessoas com necessidades especiais, participantes de todas as idades, muitas famílias com crianças, alguns correndo pela primeira vez, outros dando sequência ao prazer de participar e melhorar a qualidade de vida. Foi assim com a família Gonçalves. Denise, 33 anos, em sua quarta corrida, e o marido Thiago, 32 anos, na segunda prova, levaram a filha Julia, de 7 anos, para sua estreia.

"Foi cansativo, mas gostei. Corri mais que caminhei e vou continuar", garantiu Julia. "Começamos a participar por conta de qualidade de vida e acabamos tomando gosto, prazer pela corrida. E agora a família está unida e a ideia é prosseguir. Dia 1º de maio, a Julia corre comigo, na dos Trabalhadores", explicou Denise, que é bibliotecária, responsável por incentivar Thiago a começar. "Domingo passado, no Pacaembu, fiz minha primeira prova. Agora, aqui foi muito bacana. Vou continuar. Tenho usado o horário do almoço para andar bastante, praticar", afirmou Thiago, técnico em eletrônica.

A Corrida do Bem é uma realização do Instituto Educare, organização de direito privado sem fins lucrativos que desenvolve projetos culturais e esportivos para empresas e entidades do terceiro setor e conta com o apoio da Lei de Incentivo ao Esporte.  

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;