Fechar
Publicidade

Domingo, 17 de Novembro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Esportes

esportes@dgabc.com.br | 4435-8384

Pelé tem infecção quase curada, mas ficará mais um dia em observação em Paris

Reprodução/Instagram  Diário do Grande ABC - Notícias e informações do Grande ABC: Santo André, São Bernardo, São Caetano, Diadema, Mauá, Ribeirão Pires e Rio Grande da Serra


06/04/2019 | 12:30


A saúde de Pelé segue melhorando neste sábado e o rei do futebol está mais próximo de ter alta médica. De acordo com a sua assessoria de imprensa, ele deverá permanecer internado por ao menos mais um dia, mas teve verificada uma evolução no quadro clínico de infecção urinária, que passou a sentir no meio desta semana.

Neste sábado, o ex-jogador de 78 anos passou por uma nova avaliação médica no American Hospital Paris que mostrou que o problema está controlado e a infecção está praticamente extinta do seu corpo. Apesar disso, ele ainda ficará em observação, pois seu caso inspira mais cuidados que o normal. Com isso, é provável que retorne ao Brasil no domingo para continuar o tratamento no Albert Einstein, em São Paulo.

O rei Pelé se queixou de uma febre durante um evento comercial em que encontrou o craque francês Kylian Mbappé. Ao ser avaliado, ficou constatada uma nova infecção, que já acometeu em 2014. Por ser um paciente com apenas um rim, ele foi rapidamente tratado com antibióticos, e seu corpo respondeu bem aos medicamentos.

Apesar de apresentar boa melhora, o tricampeão do mundo cancelou sua ida a um evento em que seria homenageado na Universidade de Harvard, nos Estados Unidos, neste domingo. Na sexta, ele agradeceu aos fãs pelos desejos de pronta recuperação.

"Muito obrigado por todo o amor! Os antibióticos estão fazendo efeito e os exames estão todos ok. Eu estou me sentindo muito melhor e acho que estou pronto para jogar de novo!", escreveu Pelé.

Nos últimos anos, Pelé sofreu com outros problemas de saúde. Em 2014, ele também teve uma infecção urinária e ficou internado em São Paulo. Nos anos seguintes, o ex-atleta apareceu em eventos sentado em uma cadeira de rodas, já que tem dificuldade para caminhar por causa de um problema no quadril. Para se locomover fora da cadeira, ele tem utilizado um andador.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Pelé tem infecção quase curada, mas ficará mais um dia em observação em Paris


06/04/2019 | 12:30


A saúde de Pelé segue melhorando neste sábado e o rei do futebol está mais próximo de ter alta médica. De acordo com a sua assessoria de imprensa, ele deverá permanecer internado por ao menos mais um dia, mas teve verificada uma evolução no quadro clínico de infecção urinária, que passou a sentir no meio desta semana.

Neste sábado, o ex-jogador de 78 anos passou por uma nova avaliação médica no American Hospital Paris que mostrou que o problema está controlado e a infecção está praticamente extinta do seu corpo. Apesar disso, ele ainda ficará em observação, pois seu caso inspira mais cuidados que o normal. Com isso, é provável que retorne ao Brasil no domingo para continuar o tratamento no Albert Einstein, em São Paulo.

O rei Pelé se queixou de uma febre durante um evento comercial em que encontrou o craque francês Kylian Mbappé. Ao ser avaliado, ficou constatada uma nova infecção, que já acometeu em 2014. Por ser um paciente com apenas um rim, ele foi rapidamente tratado com antibióticos, e seu corpo respondeu bem aos medicamentos.

Apesar de apresentar boa melhora, o tricampeão do mundo cancelou sua ida a um evento em que seria homenageado na Universidade de Harvard, nos Estados Unidos, neste domingo. Na sexta, ele agradeceu aos fãs pelos desejos de pronta recuperação.

"Muito obrigado por todo o amor! Os antibióticos estão fazendo efeito e os exames estão todos ok. Eu estou me sentindo muito melhor e acho que estou pronto para jogar de novo!", escreveu Pelé.

Nos últimos anos, Pelé sofreu com outros problemas de saúde. Em 2014, ele também teve uma infecção urinária e ficou internado em São Paulo. Nos anos seguintes, o ex-atleta apareceu em eventos sentado em uma cadeira de rodas, já que tem dificuldade para caminhar por causa de um problema no quadril. Para se locomover fora da cadeira, ele tem utilizado um andador.

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;