Fechar
Publicidade

Sábado, 24 de Agosto

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Economia

soraiapedrozo@dgabc.com.br | 4435-8057

'Tem de atacar a reforma previdenciária já e tem de ser potente', diz Guedes

Fabio Rodrigues Pozzebom/Agência Brasil Diário do Grande ABC - Notícias e informações do Grande ABC: Santo André, São Bernardo, São Caetano, Diadema, Mauá, Ribeirão Pires e Rio Grande da Serra


05/04/2019 | 11:22


O ministro da Economia, Paulo Guedes, afirmou nesta sexta-feira, 5, a empresários que é preciso fazer "já" a reforma da Previdência e que ela tem de ser potente. As declarações foram feitas no 18º Fórum Empresarial Lide, em Campos do Jordão.

Esta é a primeira vez que ele participa de evento no Estado de São Paulo desde que assumiu o cargo de ministro. Também é a primeira fala pública dele deste o bate-boca na Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) da Câmara dos Deputados.

"Tem de atacar a reforma previdenciária já e tem de ser potente. E tem de mudar o regime", defendeu o ministro, em crítica ao regime de repartição previdenciária.

Para Guedes, diante do "diagnóstico inescapável", "não tem nada a ver com direita ou esquerda" a defesa das reformas.

O ministro criticou ainda o segmentos do setor empresarial que "acham que é melhor ir a Brasília fazer pedidos do que entrar na competição". "Quando eu falo de corrupção, eu não falo de política como um dos principais aspectos", ressaltou.

Bate-boca

Guedes comentou o bate-boca que ele se envolveu na CCJ. Ao fala sobre o assunto, ele disse que "acontece". "Eu vou ter medo de perder a paciência, depois de 6, 7 horas de audiência, com quem me desrespeitou? Humores. Acontece", afirmou, arrancando palmas da plateia de empresários e políticos.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

'Tem de atacar a reforma previdenciária já e tem de ser potente', diz Guedes


05/04/2019 | 11:22


O ministro da Economia, Paulo Guedes, afirmou nesta sexta-feira, 5, a empresários que é preciso fazer "já" a reforma da Previdência e que ela tem de ser potente. As declarações foram feitas no 18º Fórum Empresarial Lide, em Campos do Jordão.

Esta é a primeira vez que ele participa de evento no Estado de São Paulo desde que assumiu o cargo de ministro. Também é a primeira fala pública dele deste o bate-boca na Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) da Câmara dos Deputados.

"Tem de atacar a reforma previdenciária já e tem de ser potente. E tem de mudar o regime", defendeu o ministro, em crítica ao regime de repartição previdenciária.

Para Guedes, diante do "diagnóstico inescapável", "não tem nada a ver com direita ou esquerda" a defesa das reformas.

O ministro criticou ainda o segmentos do setor empresarial que "acham que é melhor ir a Brasília fazer pedidos do que entrar na competição". "Quando eu falo de corrupção, eu não falo de política como um dos principais aspectos", ressaltou.

Bate-boca

Guedes comentou o bate-boca que ele se envolveu na CCJ. Ao fala sobre o assunto, ele disse que "acontece". "Eu vou ter medo de perder a paciência, depois de 6, 7 horas de audiência, com quem me desrespeitou? Humores. Acontece", afirmou, arrancando palmas da plateia de empresários e políticos.

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;