Fechar
Publicidade

Domingo, 25 de Agosto

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Política

politica@dgabc.com.br | 4435-8391

São Bernardo firma convênio com o governo do Estado para descentralização da farmácia de alto custo

Reprodução Diário do Grande ABC - Notícias e informações do Grande ABC: Santo André, São Bernardo, São Caetano, Diadema, Mauá, Ribeirão Pires e Rio Grande da Serra

Segundo Orlando Morando, distribuição dos medicamentos ocorrerá dentro da unidade do Poupatempo


Daniel Tossato
Do Diário do Grande ABC

03/04/2019 | 11:57


Atualizada às 12h32

A cidade de São Bernardo firmou convênio na manhã desta quarta-feira (3) com o governo do Estado para a efetivação da descentralização da farmácia de alto custo na cidade. O município é o primeiro da região a firmar o convênio.

Segundo o prefeito da cidade, Orlando Morando (PSDB), a distribuição dos medicamentos ocorrerá dentro da unidade do Poupatempo que fica na cidade e o paciente que já utiliza o serviço não precisará realizar novo cadastro.

Conforme Morando, a municipalidade tem intenção de entregar a unidade dentro de 30 dias. “Quem ganha é o morador da cidade e também o hospital Mário Covas, já que muitas pessoas que retiravam os remédios lá não precisarão mais”, afirmou o tucano.

A capacidade da farmácia de alto custo, ainda segundo o prefeito de São Bernardo, pode atender toda a demanda existentes na cidade. “Foram realizados todos os testes, até por membros da secretaria estadual de Saúde, e foi comprovado que nossa proposta é viável”, avaliou.

Demanda antiga no Grande ABC, Morando disse estar convicto que as outras cidades da região também conseguirão realizar o convênio. "O desejo é que as demais cidades (do Grande ABC) também realizem a ação como foi discutido no Consórcio Intermunicipal do Grande ABC.”

Para o governador do Estado de São Paulo, João Doria (PSDB), o convênio foi realizado através de recomendação do chefe do Executivo de São Bernardo. “A farmácia descentralizada irá agilizar a entrega de medicamentos específicos em convênio com o governo do Estado”, afirmou.

A deputada estadual por São Bernardo Carla Morando (PSDB) e o vice-prefeito da cidade, Marcelo Lima (PSD), também participaram do encontro.

Outros convênios

A Prefeitura de São Bernardo e o governo do Estado assinaram outros dois convênios nesta manhã. Um está relacionado à Segurança Pública, o chamado COI (Centro de Operações Integradas), que abrange a atuação da PM (Polícia Militar), da Polícia Civil e da GCM (Guarda Civil Municipal), além de contar com o apoio do Corpo de Bombeiros e da Defesa Civil Municipal. O centro será o primeiro do Estado de São Paulo e está previsto para ser implantado em 1º de agosto. 

O outro se trata de um convênio com o Detran (Departamento Estadual de Trânsito de São Paulo), que estabelece a implantação do pático municipalizado para o recolhimento de veículos e outros serviços relacionados em São Bernardo. 



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

São Bernardo firma convênio com o governo do Estado para descentralização da farmácia de alto custo

Segundo Orlando Morando, distribuição dos medicamentos ocorrerá dentro da unidade do Poupatempo

Daniel Tossato
Do Diário do Grande ABC

03/04/2019 | 11:57


Atualizada às 12h32

A cidade de São Bernardo firmou convênio na manhã desta quarta-feira (3) com o governo do Estado para a efetivação da descentralização da farmácia de alto custo na cidade. O município é o primeiro da região a firmar o convênio.

Segundo o prefeito da cidade, Orlando Morando (PSDB), a distribuição dos medicamentos ocorrerá dentro da unidade do Poupatempo que fica na cidade e o paciente que já utiliza o serviço não precisará realizar novo cadastro.

Conforme Morando, a municipalidade tem intenção de entregar a unidade dentro de 30 dias. “Quem ganha é o morador da cidade e também o hospital Mário Covas, já que muitas pessoas que retiravam os remédios lá não precisarão mais”, afirmou o tucano.

A capacidade da farmácia de alto custo, ainda segundo o prefeito de São Bernardo, pode atender toda a demanda existentes na cidade. “Foram realizados todos os testes, até por membros da secretaria estadual de Saúde, e foi comprovado que nossa proposta é viável”, avaliou.

Demanda antiga no Grande ABC, Morando disse estar convicto que as outras cidades da região também conseguirão realizar o convênio. "O desejo é que as demais cidades (do Grande ABC) também realizem a ação como foi discutido no Consórcio Intermunicipal do Grande ABC.”

Para o governador do Estado de São Paulo, João Doria (PSDB), o convênio foi realizado através de recomendação do chefe do Executivo de São Bernardo. “A farmácia descentralizada irá agilizar a entrega de medicamentos específicos em convênio com o governo do Estado”, afirmou.

A deputada estadual por São Bernardo Carla Morando (PSDB) e o vice-prefeito da cidade, Marcelo Lima (PSD), também participaram do encontro.

Outros convênios

A Prefeitura de São Bernardo e o governo do Estado assinaram outros dois convênios nesta manhã. Um está relacionado à Segurança Pública, o chamado COI (Centro de Operações Integradas), que abrange a atuação da PM (Polícia Militar), da Polícia Civil e da GCM (Guarda Civil Municipal), além de contar com o apoio do Corpo de Bombeiros e da Defesa Civil Municipal. O centro será o primeiro do Estado de São Paulo e está previsto para ser implantado em 1º de agosto. 

O outro se trata de um convênio com o Detran (Departamento Estadual de Trânsito de São Paulo), que estabelece a implantação do pático municipalizado para o recolhimento de veículos e outros serviços relacionados em São Bernardo. 

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;