Fechar
Publicidade

Quinta-Feira, 3 de Dezembro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Internacional

internacional@dgabc.com.br | 4435-8301

Grupos misturam rostos de
Bolsonaro e Hitler em Santiago

Valter Campanato/Agência Brasil Diário do Grande ABC - Notícias e informações do Grande ABC: Santo André, São Bernardo, São Caetano, Diadema, Mauá, Ribeirão Pires e Rio Grande da Serra


22/03/2019 | 15:16


Para convocar um protesto contra a presença do presidente Jair Bolsonaro no Chile, grupos e movimentos sociais de esquerda colocaram cartazes em universidades de Santiago com uma caricatura mesclando os rostos de Bolsonaro e do ditador nazista Adolf Hitler.

"Combate ao fascismo", diz a inscrição dos cartazes colocados em corredores da Universidade Alberto Hurtado.

O protesto contra Bolsonaro está programado para ocorrer às 19h desta sexta-feira, 22, no Paseo Bulnes, uma rua destinada a pedestres no entorno do Palácio de La Moneda, sede do governo chileno.

Nesse horário, a agenda de Bolsonaro em Santiago não prevê nenhum compromisso oficial. No sábado, 23, haverá outro protesto, chamado para as 13h em frente ao La Moneda. Na ocasião, Bolsonaro estará reunido em agenda bilateral com o presidente do Chile, Sebastián Piñera.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Grupos misturam rostos de
Bolsonaro e Hitler em Santiago


22/03/2019 | 15:16


Para convocar um protesto contra a presença do presidente Jair Bolsonaro no Chile, grupos e movimentos sociais de esquerda colocaram cartazes em universidades de Santiago com uma caricatura mesclando os rostos de Bolsonaro e do ditador nazista Adolf Hitler.

"Combate ao fascismo", diz a inscrição dos cartazes colocados em corredores da Universidade Alberto Hurtado.

O protesto contra Bolsonaro está programado para ocorrer às 19h desta sexta-feira, 22, no Paseo Bulnes, uma rua destinada a pedestres no entorno do Palácio de La Moneda, sede do governo chileno.

Nesse horário, a agenda de Bolsonaro em Santiago não prevê nenhum compromisso oficial. No sábado, 23, haverá outro protesto, chamado para as 13h em frente ao La Moneda. Na ocasião, Bolsonaro estará reunido em agenda bilateral com o presidente do Chile, Sebastián Piñera.

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;