Fechar
Publicidade

Segunda-Feira, 16 de Setembro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Nacional

nacional@dgabc.com.br | 4435-8301

Justiça ordena apreensão de menor suspeito de ajudar a planejar ataque em Suzano

Rovena Rosa/Agência Brasil Diário do Grande ABC - Notícias e informações do Grande ABC: Santo André, São Bernardo, São Caetano, Diadema, Mauá, Ribeirão Pires e Rio Grande da Serra

Jovem foi levado ao Instituto Médico Legal e na sequência será encaminhado para o Fórum da cidade


Do dgabc.com.br
Com AE

19/03/2019 | 08:51


Atualizada às 10h01

A Justiça determinou a apreensão na manhã desta terça-feira (19) do adolescente suspeito de ajudar a planejar o massacre na Escola Estadual Raul Brasil, em Suzano, na Grande São Paulo.

O jovem foi levado ao IML (Instituto Médico Legal) e na sequência será encaminhado para o Fórum da cidade. Ainda pela manhã, ele deve passar por uma audiência judicial que será acompanhada pelo Ministério Público.

Na última quinta-feira, o jovem chegou a se apresentar à Justiça, mas negou a participação no crime e acabou liberado. Durante a investigação, contudo, foram analisados os celulares dele e dos dois assassinos e, de acordo com a polícia, os três aparelhos contêm conversas sobre o planejamento do massacre.

Os atiradores - Guilherme Taucci Monteiro, de 17 anos, e Luiz Henrique de Castro, de 25 - eram ex-alunos da escola de Suzano. Na manhã de quarta-feira, eles invadiram o colégio, mataram sete pessoas e depois se mataram. Antes da ação, um deles matou o próprio tio em uma loja de automóveis.

Ainda não se sabe a motivação do crime. O caso é investigado pela Delegacia de Suzano, com o apoio do Setor de Homicídios e Proteção à Pessoa da Seccional de Mogi das Cruzes.
 



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Justiça ordena apreensão de menor suspeito de ajudar a planejar ataque em Suzano

Jovem foi levado ao Instituto Médico Legal e na sequência será encaminhado para o Fórum da cidade

Do dgabc.com.br
Com AE

19/03/2019 | 08:51


Atualizada às 10h01

A Justiça determinou a apreensão na manhã desta terça-feira (19) do adolescente suspeito de ajudar a planejar o massacre na Escola Estadual Raul Brasil, em Suzano, na Grande São Paulo.

O jovem foi levado ao IML (Instituto Médico Legal) e na sequência será encaminhado para o Fórum da cidade. Ainda pela manhã, ele deve passar por uma audiência judicial que será acompanhada pelo Ministério Público.

Na última quinta-feira, o jovem chegou a se apresentar à Justiça, mas negou a participação no crime e acabou liberado. Durante a investigação, contudo, foram analisados os celulares dele e dos dois assassinos e, de acordo com a polícia, os três aparelhos contêm conversas sobre o planejamento do massacre.

Os atiradores - Guilherme Taucci Monteiro, de 17 anos, e Luiz Henrique de Castro, de 25 - eram ex-alunos da escola de Suzano. Na manhã de quarta-feira, eles invadiram o colégio, mataram sete pessoas e depois se mataram. Antes da ação, um deles matou o próprio tio em uma loja de automóveis.

Ainda não se sabe a motivação do crime. O caso é investigado pela Delegacia de Suzano, com o apoio do Setor de Homicídios e Proteção à Pessoa da Seccional de Mogi das Cruzes.
 

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;