Fechar
Publicidade

Sexta-Feira, 22 de Março

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Economia

soraiapedrozo@dgabc.com.br | 4435-8057

Congonhas e Santos Dumont ficarão para última rodada de leilão, diz ministro



15/03/2019 | 15:43


Os aeroportos de Congonhas (SP) e Santos Dumont (RJ) ficarão para a última rodada de leilão, segundo ministro da Infraestrutura, Tarcísio de Freitas, ao comentar o resultado do leilão de 12 aeroportos realizado nesta manhã de sexta-feira, 15, em São Paulo. "Temos três blocos: Norte, Central e Sul, com aeroportos importantes. Congonhas e Santos Dumont vão ficar para sétima e última rodada, por serem aeroportos muito importantes", afirmou.

Freitas também chamou a atenção para a natureza dos players que se apresentaram no certame desta sexta. "Agora temos operadores aeroportuários importantes. Cada vez mais players chegando. Não nos preocupa aeroportos com menos movimento. Temos uma maximização das possibilidades com esse arranjo em blocos", reforçando que o foco do processo é a prestação de serviço de qualidade.

Também presente ao leilão, Adalberto Santos de Vasconcelos, secretário especial da Secretaria do Programa de Parcerias de Investimentos (PPI), avalia que três fatores importantes contribuíram para seu sucesso. "Antes o governo permitia que você dividisse o ágio em parcelas, agora o pagamento é a vista, o que protege a execução do plano estratégico. A distribuição do investimento de acordo com a demanda e o compartilhamento do risco de demanda também tornaram o processo mais atraente", disse.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Congonhas e Santos Dumont ficarão para última rodada de leilão, diz ministro


15/03/2019 | 15:43


Os aeroportos de Congonhas (SP) e Santos Dumont (RJ) ficarão para a última rodada de leilão, segundo ministro da Infraestrutura, Tarcísio de Freitas, ao comentar o resultado do leilão de 12 aeroportos realizado nesta manhã de sexta-feira, 15, em São Paulo. "Temos três blocos: Norte, Central e Sul, com aeroportos importantes. Congonhas e Santos Dumont vão ficar para sétima e última rodada, por serem aeroportos muito importantes", afirmou.

Freitas também chamou a atenção para a natureza dos players que se apresentaram no certame desta sexta. "Agora temos operadores aeroportuários importantes. Cada vez mais players chegando. Não nos preocupa aeroportos com menos movimento. Temos uma maximização das possibilidades com esse arranjo em blocos", reforçando que o foco do processo é a prestação de serviço de qualidade.

Também presente ao leilão, Adalberto Santos de Vasconcelos, secretário especial da Secretaria do Programa de Parcerias de Investimentos (PPI), avalia que três fatores importantes contribuíram para seu sucesso. "Antes o governo permitia que você dividisse o ágio em parcelas, agora o pagamento é a vista, o que protege a execução do plano estratégico. A distribuição do investimento de acordo com a demanda e o compartilhamento do risco de demanda também tornaram o processo mais atraente", disse.

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;