Fechar
Publicidade

Quinta-Feira, 21 de Março

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Economia

soraiapedrozo@dgabc.com.br | 4435-8057

Aberturas de capital serão históricas, diz presidente da Caixa



15/03/2019 | 13:45


O presidente da Caixa Econômica Federal, Pedro Guimarães, afirmou nesta sexta-feira, 15, que as operações de abertura de capital de subsidiárias do banco público "serão históricas". Em palestra durante o seminário "A Nova Economia Liberal", na Fundação Getulio Vargas (FGV), no Rio, Guimarães contou que aproveitou o carnaval para manter encontros com investidores estrangeiros, no exterior.

"No exterior, as pessoas falando que as operações já estão compradas", afirmou Guimarães, completando que os investidores estrangeiros têm demonstrado confiança na equipe econômica do governo Jair Bolsonaro.

O presidente da Caixa afirmou em entrevistas recentes que o objetivo é levantar R$ 15 bilhões com as operações de abertura de capital das subsidiárias.

Segundo ele, a primeira operação, envolvendo a Caixa Seguridade, está prevista para setembro.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Aberturas de capital serão históricas, diz presidente da Caixa


15/03/2019 | 13:45


O presidente da Caixa Econômica Federal, Pedro Guimarães, afirmou nesta sexta-feira, 15, que as operações de abertura de capital de subsidiárias do banco público "serão históricas". Em palestra durante o seminário "A Nova Economia Liberal", na Fundação Getulio Vargas (FGV), no Rio, Guimarães contou que aproveitou o carnaval para manter encontros com investidores estrangeiros, no exterior.

"No exterior, as pessoas falando que as operações já estão compradas", afirmou Guimarães, completando que os investidores estrangeiros têm demonstrado confiança na equipe econômica do governo Jair Bolsonaro.

O presidente da Caixa afirmou em entrevistas recentes que o objetivo é levantar R$ 15 bilhões com as operações de abertura de capital das subsidiárias.

Segundo ele, a primeira operação, envolvendo a Caixa Seguridade, está prevista para setembro.

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;