Fechar
Publicidade

Sexta-Feira, 22 de Março

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Esportes

esportes@dgabc.com.br | 4435-8384

CBT anuncia Jaime Oncins como novo capitão do Brasil na Copa Davis



15/03/2019 | 12:52


A Confederação Brasileira de Tênis (CBT) anunciou nesta sexta-feira Jaime Oncins como novo capitão do País na Copa Davis. O ex-jogador substituirá João Zwetsch, que deixou o cargo após a queda na fase de classificação à fase final para a Bélgica, no início de fevereiro, em Uberlândia.

"Com muito orgulho recebi e aceitei o convite de ser o capitão da Davis, uma competição com a qual sempre me identifiquei como jogador. A chance de poder colocar a mesma dedicação e espírito de equipe que sempre tive ao longo de minha carreira como profissional me motiva. Espero contribuir de forma bastante positiva para a equipe brasileira, dentro e fora das quadras", declarou Oncins.

Oncins participou das duas melhores campanhas do Brasil na história da Copa Davis, em 1992 e 2000, quando o País foi até as semifinais. Na primeira, derrotou Alemanha e Itália e caiu para a Suíça, enquanto na segunda, bateu França e Eslováquia antes de ser eliminado pela Austrália.

"A Copa Davis sempre foi muito relevante para o tênis brasileiro, e a entrada do Jaime como capitão traz o sentido de desenvolver ainda mais o espírito desta competição entre os nossos atletas. O Jaime tem uma história linda dentro do nosso tênis, e uma identidade muito forte com a Copa Davis. Ouvi e dialoguei com os jogadores, e dentre algumas alternativas de nomes para assumir o cargo, o Jaime é um consenso", apontou o presidente da CBT, Rafael Westrupp.

Ao longo da carreira como tenista, Oncins conquistou cinco títulos de duplas e dois de simples no circuito da ATP. Ele chegou a ser o número 34º do mundo em simples e 22º em duplas, além de ter participado das Olimpíadas de Sydney, em 2000, e Barcelona, em 1992, na qual caiu nas quartas de final.

O ex-jogador substitui Zwetsch, que estava à frente da equipe brasileira desde 2010. O primeiro compromisso de Oncins no cargo será diante de Barbados, nos dias 13 e 14 de setembro, em casa, pelo Zonal Americano I. O Brasil precisa da vitória para disputar o qualificatório para a fase decisiva da edição de 2020 da Davis.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

CBT anuncia Jaime Oncins como novo capitão do Brasil na Copa Davis


15/03/2019 | 12:52


A Confederação Brasileira de Tênis (CBT) anunciou nesta sexta-feira Jaime Oncins como novo capitão do País na Copa Davis. O ex-jogador substituirá João Zwetsch, que deixou o cargo após a queda na fase de classificação à fase final para a Bélgica, no início de fevereiro, em Uberlândia.

"Com muito orgulho recebi e aceitei o convite de ser o capitão da Davis, uma competição com a qual sempre me identifiquei como jogador. A chance de poder colocar a mesma dedicação e espírito de equipe que sempre tive ao longo de minha carreira como profissional me motiva. Espero contribuir de forma bastante positiva para a equipe brasileira, dentro e fora das quadras", declarou Oncins.

Oncins participou das duas melhores campanhas do Brasil na história da Copa Davis, em 1992 e 2000, quando o País foi até as semifinais. Na primeira, derrotou Alemanha e Itália e caiu para a Suíça, enquanto na segunda, bateu França e Eslováquia antes de ser eliminado pela Austrália.

"A Copa Davis sempre foi muito relevante para o tênis brasileiro, e a entrada do Jaime como capitão traz o sentido de desenvolver ainda mais o espírito desta competição entre os nossos atletas. O Jaime tem uma história linda dentro do nosso tênis, e uma identidade muito forte com a Copa Davis. Ouvi e dialoguei com os jogadores, e dentre algumas alternativas de nomes para assumir o cargo, o Jaime é um consenso", apontou o presidente da CBT, Rafael Westrupp.

Ao longo da carreira como tenista, Oncins conquistou cinco títulos de duplas e dois de simples no circuito da ATP. Ele chegou a ser o número 34º do mundo em simples e 22º em duplas, além de ter participado das Olimpíadas de Sydney, em 2000, e Barcelona, em 1992, na qual caiu nas quartas de final.

O ex-jogador substitui Zwetsch, que estava à frente da equipe brasileira desde 2010. O primeiro compromisso de Oncins no cargo será diante de Barbados, nos dias 13 e 14 de setembro, em casa, pelo Zonal Americano I. O Brasil precisa da vitória para disputar o qualificatório para a fase decisiva da edição de 2020 da Davis.

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;