Fechar
Publicidade

Segunda-Feira, 20 de Maio

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Internacional

internacional@dgabc.com.br | 4435-8301

Ataques a mesquistas deixam mortos na Nova Zelândia



15/03/2019 | 00:34


Duas mesquitas em Christchurch, terceira maior cidade da Nova Zelândia, sofreram ataques a tiros nesta sexta-feira, 15. A polícia local ainda não deu informações sobre as ocorrências, mas uma testemunha afirmou que há "vários" mortos na mesquita Masjid Al Noor, que fica no centro da cidade. Um suspeito de ser o atirador foi preso após tentar fugir do local.

A primeira-ministra da Nova Zelândia, Jacinda Arden, afirmou que esta sexta "é um dos dias mais sombrios" da história do país. As autoridades locais pediram que as pessoas não saiam às ruas.

Um homem vestido de preto foi visto entrando na Masjid Al Noor por volta das 13h45, e logo depois várias rajadas de tiros foram ouvidas. Muitas pessoas correram para fora do local.

Na mesquita Linwood Masjid, que fica em um subúrbio de Christchurch, cinco tiros foram ouvidos, e há relatos de ao menos dois feridos.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Ataques a mesquistas deixam mortos na Nova Zelândia


15/03/2019 | 00:34


Duas mesquitas em Christchurch, terceira maior cidade da Nova Zelândia, sofreram ataques a tiros nesta sexta-feira, 15. A polícia local ainda não deu informações sobre as ocorrências, mas uma testemunha afirmou que há "vários" mortos na mesquita Masjid Al Noor, que fica no centro da cidade. Um suspeito de ser o atirador foi preso após tentar fugir do local.

A primeira-ministra da Nova Zelândia, Jacinda Arden, afirmou que esta sexta "é um dos dias mais sombrios" da história do país. As autoridades locais pediram que as pessoas não saiam às ruas.

Um homem vestido de preto foi visto entrando na Masjid Al Noor por volta das 13h45, e logo depois várias rajadas de tiros foram ouvidas. Muitas pessoas correram para fora do local.

Na mesquita Linwood Masjid, que fica em um subúrbio de Christchurch, cinco tiros foram ouvidos, e há relatos de ao menos dois feridos.

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;