Fechar
Publicidade

Sábado, 24 de Agosto

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Economia

soraiapedrozo@dgabc.com.br | 4435-8057

Governo do Estado lança programa de incentivo à indústria automotiva

Governo do Estado de São Paulo/ Divulgação  Diário do Grande ABC - Notícias e informações do Grande ABC: Santo André, São Bernardo, São Caetano, Diadema, Mauá, Ribeirão Pires e Rio Grande da Serra

Medida, que é a longo prazo, será mediante a geração de empregos e o montante aplicado


Yara Ferraz
Do Diário do Grande ABC

08/03/2019 | 14:24


O governador João Doria (PSDB) anunciou nesta sexta-feira (8) o Incentivauto, programa que deve conceder até 25% de incentivo ao ICMS (Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços) às montadoras que investirem na produção do Estado. A medida, que é a longo prazo, será mediante a geração de empregos e o montante aplicado.

Para participar, as montadoras precisarão gerar no mínimo 400 empregos e investir R$ 1 bilhão. O desconto será concedido mediante as vendas de novos produtos ou modelos produzidos.

“É algo inovador. Não é uma guerra fiscal porque não estamos fazendo nenhuma concorrência desleal com outros Estados. O objetivo é expandir o parque industrial de São Paulo”, afirmou o governador.

Segundo Doria, o processo não será burocratizado. “Quanto mais rápido a empresa implantar a sua expansão na unidade fabril, mais rapidamente ela terá a redução no imposto”, disse.

“Apenas as vendas de novos produtos serão contemplamos com o incentivo e o Estado, evidentemente, vai estar monitorando isso. Isso vai acontecer desde a construção ou investimento na fábrica, compra de equipamentos da cadeia produtiva, até a geração do novo produto”, afirmou o secretário da Fazenda e Planejamento, Henrique Meirelles (MDB), completando que toda a ação deve gerar um aumento na arrecadação de impostos do Estado.

FORD E GM

Em relação às conversas com a Ford, que anunciou o encerramento da fábrica em São Bernardo, e da GM (General Motors), que tem sede em São Caetano e também passou por ameaça de fechamento no início do ano, não há novidades. Apesar disso, o governador afirmou que está “otimista” com as conversas e que oportunamente anúncios serão feitos.

“Tivemos cinco consultas de interessados na compra da fábrica da Ford. Três nos pareceram mais interessantes, porque afirmavam que iam preservar o parque fabril e os empregos. Estamos otimistas”, disse Doria.

Mais detalhes da iniciativa direcionada ao setor estarão disponíveis na edição impressa deste sábado. O decreto será publicado no DOU (Diário Oficial da União) amanhã. 



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Governo do Estado lança programa de incentivo à indústria automotiva

Medida, que é a longo prazo, será mediante a geração de empregos e o montante aplicado

Yara Ferraz
Do Diário do Grande ABC

08/03/2019 | 14:24


O governador João Doria (PSDB) anunciou nesta sexta-feira (8) o Incentivauto, programa que deve conceder até 25% de incentivo ao ICMS (Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços) às montadoras que investirem na produção do Estado. A medida, que é a longo prazo, será mediante a geração de empregos e o montante aplicado.

Para participar, as montadoras precisarão gerar no mínimo 400 empregos e investir R$ 1 bilhão. O desconto será concedido mediante as vendas de novos produtos ou modelos produzidos.

“É algo inovador. Não é uma guerra fiscal porque não estamos fazendo nenhuma concorrência desleal com outros Estados. O objetivo é expandir o parque industrial de São Paulo”, afirmou o governador.

Segundo Doria, o processo não será burocratizado. “Quanto mais rápido a empresa implantar a sua expansão na unidade fabril, mais rapidamente ela terá a redução no imposto”, disse.

“Apenas as vendas de novos produtos serão contemplamos com o incentivo e o Estado, evidentemente, vai estar monitorando isso. Isso vai acontecer desde a construção ou investimento na fábrica, compra de equipamentos da cadeia produtiva, até a geração do novo produto”, afirmou o secretário da Fazenda e Planejamento, Henrique Meirelles (MDB), completando que toda a ação deve gerar um aumento na arrecadação de impostos do Estado.

FORD E GM

Em relação às conversas com a Ford, que anunciou o encerramento da fábrica em São Bernardo, e da GM (General Motors), que tem sede em São Caetano e também passou por ameaça de fechamento no início do ano, não há novidades. Apesar disso, o governador afirmou que está “otimista” com as conversas e que oportunamente anúncios serão feitos.

“Tivemos cinco consultas de interessados na compra da fábrica da Ford. Três nos pareceram mais interessantes, porque afirmavam que iam preservar o parque fabril e os empregos. Estamos otimistas”, disse Doria.

Mais detalhes da iniciativa direcionada ao setor estarão disponíveis na edição impressa deste sábado. O decreto será publicado no DOU (Diário Oficial da União) amanhã. 

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;