Fechar
Publicidade

Sábado, 24 de Agosto

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Esportes

esportes@dgabc.com.br | 4435-8384

Em volta após mais de 1 mês, Federer bate 'freguês' alemão na estreia em Dubai

Reprodução/Instagram Diário do Grande ABC - Notícias e informações do Grande ABC: Santo André, São Bernardo, São Caetano, Diadema, Mauá, Ribeirão Pires e Rio Grande da Serra


25/02/2019 | 14:19


Sem jogar desde 20 de janeiro, quando foi eliminado nas oitavas de final do Aberto da Austrália, Roger Federer voltou às quadras nesta segunda-feira de forma positiva ao estrear com vitória no Torneio de Dubai. Cabeça de chave número 2 do ATP 500 realizado em quadras duras nos Emirados Árabes, o suíço bateu o alemão Philipp Kohlschreiber por 2 sets a 1, com parciais de 6/4, 3/6 e 6/1.

Com 35 anos e um velho freguês de Federer, o jogador da Alemanha sofreu a sua 14ª derrota em 14 partidas contra o rival, que ganhou o primeiro do duelos entre os dois em 2005. Ao despachar o atual 31ª colocado do ranking mundial, o atual sétimo tenista da ATP se credenciou para enfrentar na segunda rodada da competição o espanhol Fernando Verdasco, que horas mais cedo superou o italiano Thomas Fabbiano, também por 2 sets a 1, com 3/6, 6/3 e 6/2.

Depois de ter vencido Kohlschreiber em sets diretos no confronto anterior entre os dois, no Torneio de Roterdã do ano passado, Federer chegou a levar um susto ao ser derrotado na segunda parcial do duelo desta segunda-feira. O experiente suíço de 37 anos, porém, não deixou se abater e atropelou no set decisivo para abrir sua campanha com vitória.

O alemão chegou a quebrar por duas vezes o saque de Federer, que compensou o fato aproveitando quatro das oito chances que teve de ganhar games no serviço do adversário, liquidado após 1h35min de partida em Dubai.

Em janeiro passado, o suíço foi eliminado do primeiro Grand Slam do ano, em Melbourne, ao ser derrotado por 3 sets a 1 pelo grego Stefanos Tsitsipas, talentoso tenista de 20 anos, atual 11º colocado do ranking mundial.

OUTROS FAVORITOS CAEM - Se Federer sofreu um pouco para estrear com vitória, o russo Karen Khachanov e o canadense Milos Raonic caíram como favoritos já na primeira rodada em Dubai. Quarto cabeça de chave, o tenista da Rússia foi superado pelo georgiano

Nikoloz Basilashvili por 6/4 e 6/1. Já o jogador do Canadá, sétimo pré-classificado, acabou sendo batido pelo alemão Jan-Lennard Struff com parciais de 6/4, 5/7 e 6/4.

E o próximo rival de Struff foi definido em outro duelo já encerrado neste dia de duelos em Dubai. Trata-se do húngaro Marton Fucsovics, que passou pelo bósnio Damir Dzumhur por 6/1 e 7/6 (7/5).



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Em volta após mais de 1 mês, Federer bate 'freguês' alemão na estreia em Dubai


25/02/2019 | 14:19


Sem jogar desde 20 de janeiro, quando foi eliminado nas oitavas de final do Aberto da Austrália, Roger Federer voltou às quadras nesta segunda-feira de forma positiva ao estrear com vitória no Torneio de Dubai. Cabeça de chave número 2 do ATP 500 realizado em quadras duras nos Emirados Árabes, o suíço bateu o alemão Philipp Kohlschreiber por 2 sets a 1, com parciais de 6/4, 3/6 e 6/1.

Com 35 anos e um velho freguês de Federer, o jogador da Alemanha sofreu a sua 14ª derrota em 14 partidas contra o rival, que ganhou o primeiro do duelos entre os dois em 2005. Ao despachar o atual 31ª colocado do ranking mundial, o atual sétimo tenista da ATP se credenciou para enfrentar na segunda rodada da competição o espanhol Fernando Verdasco, que horas mais cedo superou o italiano Thomas Fabbiano, também por 2 sets a 1, com 3/6, 6/3 e 6/2.

Depois de ter vencido Kohlschreiber em sets diretos no confronto anterior entre os dois, no Torneio de Roterdã do ano passado, Federer chegou a levar um susto ao ser derrotado na segunda parcial do duelo desta segunda-feira. O experiente suíço de 37 anos, porém, não deixou se abater e atropelou no set decisivo para abrir sua campanha com vitória.

O alemão chegou a quebrar por duas vezes o saque de Federer, que compensou o fato aproveitando quatro das oito chances que teve de ganhar games no serviço do adversário, liquidado após 1h35min de partida em Dubai.

Em janeiro passado, o suíço foi eliminado do primeiro Grand Slam do ano, em Melbourne, ao ser derrotado por 3 sets a 1 pelo grego Stefanos Tsitsipas, talentoso tenista de 20 anos, atual 11º colocado do ranking mundial.

OUTROS FAVORITOS CAEM - Se Federer sofreu um pouco para estrear com vitória, o russo Karen Khachanov e o canadense Milos Raonic caíram como favoritos já na primeira rodada em Dubai. Quarto cabeça de chave, o tenista da Rússia foi superado pelo georgiano

Nikoloz Basilashvili por 6/4 e 6/1. Já o jogador do Canadá, sétimo pré-classificado, acabou sendo batido pelo alemão Jan-Lennard Struff com parciais de 6/4, 5/7 e 6/4.

E o próximo rival de Struff foi definido em outro duelo já encerrado neste dia de duelos em Dubai. Trata-se do húngaro Marton Fucsovics, que passou pelo bósnio Damir Dzumhur por 6/1 e 7/6 (7/5).

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;