Fechar
Publicidade

Sábado, 25 de Maio

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

dmais@dgabc.com.br | 4435-8396

Batalha de crossover oriental

Personagens de populares mangás se reúnem em batalhas no recém-lançado jogo ‘Jump Force’


Luís Felipe Soares

17/02/2019 | 07:06


Não faltam heróis japoneses que fazem parte da lista de personagens favoritos de muitos fãs do gênero. Originários dos mangás, esses personagens se tornaram tão populares que ganharam versões em animês, filmes animados – alguns deles até mesmo com longas-metragens em live action – e em games. Muitos deles já haviam se encontrado em alguns títulos, mas nunca se viu tantas dessas figuras juntas em uma só produção virtual. Eles irão medir forças e combater inimigos no recém-lançado ''Jump Force'' (Bandai Namco), pronto para agitar os players, sejam eles otakus ou não.

Quem acompanha o mercado dos quadrinhos orientais sabe que o título serve como uma das celebrações dos 50 anos da icônica revista ''Weekly Shonen Jump'', cujas páginas são tomadas, desde 1968, por capítulos de histórias diversas e já foi casa de contos marcantes como ''Dragon Ball'', ''Death Note'', ''Samurai X'', ''Yu Yu Hakusho'' e ''Os Cavaleiros do Zodíaco''. Atualmente, a publicação semanal da jornada pirata de One Piece é um de seus principais atrativos. É justamente os protagonistas e alguns coadjuvantes de destaque dessas aventuras que o jogo reúne em formato 3D e as habilidades especiais de cada um podem ser utilizadas nas arenas de batalhas.

OPÇÕES 

Acaba sendo espécie de evolução do que já foi mostrado em ''J-Stars Victory VS'' (2014), quando a Bandai Namco comemorou outro aniversário da Weekly Shonen Jump com a mesma ideia. A dinâmica dos combates é a mesma, com o público podendo escolher três personagens e os trocando a qualquer momento de acordo com estratégia imaginada. É possível apostar no kamehameha de Goku, nos jutsus de Naruto, nos golpes gomu gomu de Luffy, no meteoro de Pegasus de Seiya, nas cartas de Yugi ou nas técnicas de espada de Kenshin Himura. São 40 lutadores disponíveis, quase todos homens por conta da referência de mangás shonen, que se destinam a leitores garotos, mas as mulheres poderiam ter mais espaço por sua importância, carisma e força apresentadas nas aventuras.

A história coloca os gamers em personagem personalizado que vive na nossa realidade e acompanha os caóticos ataques de vilões. Artefato chamado Cubo Umbras fornece poderes e você deve ajudar o grupo Jump Force (ou J-Force, como falado em japonês com legendas em português), que investiga a invasão e encontro desses diferentes universos orientais com piratas, samurais, saiyajins, ninjas e cavaleiros, entre outros tipos de nichos. 

Sem aprofundamento e reais desafios a serem superados nesse modo, resta aos fãs aproveitarem a grande atração do projeto: a pancadaria. Os confrontos contam com efeitos visuais de qualidade e prontos para abrilhantar as lutas, principalmente se acontecerem entre amigos e deixando os avatares artificiais de lado. Loadings demorados e travamentos em cenas têm causado reclamações e podem comprometer a experiência. 

''Jump Force'' mescla gerações de personagens que poderiam ser mais bem aproveitados quando juntos. Seu sistema de lutas aposta na facilidade para fazer com que o maior número possível de pessoas aproveite a celebração oriental. 



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Batalha de crossover oriental

Personagens de populares mangás se reúnem em batalhas no recém-lançado jogo ‘Jump Force’

Luís Felipe Soares

17/02/2019 | 07:06


Não faltam heróis japoneses que fazem parte da lista de personagens favoritos de muitos fãs do gênero. Originários dos mangás, esses personagens se tornaram tão populares que ganharam versões em animês, filmes animados – alguns deles até mesmo com longas-metragens em live action – e em games. Muitos deles já haviam se encontrado em alguns títulos, mas nunca se viu tantas dessas figuras juntas em uma só produção virtual. Eles irão medir forças e combater inimigos no recém-lançado ''Jump Force'' (Bandai Namco), pronto para agitar os players, sejam eles otakus ou não.

Quem acompanha o mercado dos quadrinhos orientais sabe que o título serve como uma das celebrações dos 50 anos da icônica revista ''Weekly Shonen Jump'', cujas páginas são tomadas, desde 1968, por capítulos de histórias diversas e já foi casa de contos marcantes como ''Dragon Ball'', ''Death Note'', ''Samurai X'', ''Yu Yu Hakusho'' e ''Os Cavaleiros do Zodíaco''. Atualmente, a publicação semanal da jornada pirata de One Piece é um de seus principais atrativos. É justamente os protagonistas e alguns coadjuvantes de destaque dessas aventuras que o jogo reúne em formato 3D e as habilidades especiais de cada um podem ser utilizadas nas arenas de batalhas.

OPÇÕES 

Acaba sendo espécie de evolução do que já foi mostrado em ''J-Stars Victory VS'' (2014), quando a Bandai Namco comemorou outro aniversário da Weekly Shonen Jump com a mesma ideia. A dinâmica dos combates é a mesma, com o público podendo escolher três personagens e os trocando a qualquer momento de acordo com estratégia imaginada. É possível apostar no kamehameha de Goku, nos jutsus de Naruto, nos golpes gomu gomu de Luffy, no meteoro de Pegasus de Seiya, nas cartas de Yugi ou nas técnicas de espada de Kenshin Himura. São 40 lutadores disponíveis, quase todos homens por conta da referência de mangás shonen, que se destinam a leitores garotos, mas as mulheres poderiam ter mais espaço por sua importância, carisma e força apresentadas nas aventuras.

A história coloca os gamers em personagem personalizado que vive na nossa realidade e acompanha os caóticos ataques de vilões. Artefato chamado Cubo Umbras fornece poderes e você deve ajudar o grupo Jump Force (ou J-Force, como falado em japonês com legendas em português), que investiga a invasão e encontro desses diferentes universos orientais com piratas, samurais, saiyajins, ninjas e cavaleiros, entre outros tipos de nichos. 

Sem aprofundamento e reais desafios a serem superados nesse modo, resta aos fãs aproveitarem a grande atração do projeto: a pancadaria. Os confrontos contam com efeitos visuais de qualidade e prontos para abrilhantar as lutas, principalmente se acontecerem entre amigos e deixando os avatares artificiais de lado. Loadings demorados e travamentos em cenas têm causado reclamações e podem comprometer a experiência. 

''Jump Force'' mescla gerações de personagens que poderiam ser mais bem aproveitados quando juntos. Seu sistema de lutas aposta na facilidade para fazer com que o maior número possível de pessoas aproveite a celebração oriental. 

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;